Um conceito comunista

A acumulação primitiva do capital, também conhecida como acumulação originária, foi o processo de acumulação de riquezas ocorrido na Europa entre os séculos XVI e XVIII, que possibilitou as grandes transformações económicas da Revolução Industrial. Foi estudado e descrito por Karl Marx, que tomou a Inglaterra como modelo da sua teoria. Por William Tonet A acumulação primitiva de capital para Marx se desenvolveu a partir de dois pressupostos: um foi a concentração de grande massa de recursos (dinheiro, ouro, prata, terras) nas mãos de um pequeno número de proprietários; outro…

Leia mais

Promotores dizem o que o Governo tanto quer ouvir

Não é por falta de idealistas (que nos catalogam como idiotas) que Angola não consegue levar a carta a Garcia. Colocando os 20 milhões de pobres no fim da lista de prioridades, o Governo de João Lourenço vai realizar durante todo o ano de 2020 uma campanha para atrair investimento estrangeiro, chamada “Angola: African Investment Capital 2020”, incluindo a segunda edição da Conferência e Exposição do Petróleo e Gás de Angola. “Graças às abrangentes reformas do Presidente, Angola embarcou numa ambiciosa missão de atrair investimento directo estrangeiro”, disse o director…

Leia mais

Roubar para capitalizar. Capitalizar para roubar!

O Estado angolano vai injectar 280 milhões de euros no Banco de Poupança e Crédito (BPC) para garantir que o maior banco do país mantenha a actividade normal, segundo um decreto presidencial de ontem, dia 30 de Janeiro. No dia 7 de Março de 2018, Presidente João Lourenço tinha autorizado, por decreto, uma emissão especial de dívida pública, de mais de 685 milhões de euros para a recapitalização do… Banco de Poupança e Crédito (BPC). De acordo com um decreto assinado pelo Presidente da República, João Lourenço, de 30 de…

Leia mais

Cinco para mim, quatro
para ti (tudo para nós!)

A Assembleia Nacional (do MPLA) aprovou hoje, na generalidade, a proposta de Lei de Base das Privatizações, que permite aos pequenos subscritores uma participação de até 20% no capital social das empresas a vender. O documento foi aprovado com 135 votos a favor, do MPLA, 44 contra da UNITA e oito abstenções da CASA-CE. A anteceder a discussão da proposta de lei, que actualiza o diploma legal sobre esta matéria, em vigor desde 1994, a bancada parlamentar da UNITA, maior partido da oposição, solicitou a “retirada temporária” da agenda deste…

Leia mais

Estado injecta mais uns
largos milhões no BPC

O Estado angolano necessita de injectar 31.500 milhões de kwanzas (115 milhões de euros) no Banco de Poupança e Crédito, para completar o capital social do maior banco nacional, em processo de reestruturação devido ao volume de crédito malparado. A informação consta da análise da auditoria externa às contas de 2017 do BPC, totalmente detido pelo Estado, elaborada pela UHY – Auditores & Consultores, e que alerta desde logo que a “capacidade do banco para continuar as operações depende do sucesso das suas actividades futuras, da manutenção dos depósitos dos…

Leia mais

É o desvario total

A experiência de vida, de trabalho suado, honrado e honesto, levaria qualquer comerciante avisado (por ser diferente do empresário do regime, que tem dinheiro sem suor), a traçar linhas programáticas para contornar o actual estado económico, que endivida o país, cada vez mais, em obras dispensáveis de betão, como pontes aéreas e trevos, quando as populações das redondezas, carecem de água, luz, cadeiras, cadernos escolares, aspirinas, seringas e luvas nos hospitais públicos. É o desvario total. Por William Tonet O comerciante avisado, o empreendedor comprometido, abandonaria a política dos paliativos,…

Leia mais

Milagre dos ovos de ouro. Santa Isabel entra na Efacec

Milagre dos ovos de ouro. Santa Isabel entra na Efacec - Folha 8

Isabel dos Santos, indiferente à crise petrolífera do país onde o seu pai é rei, continua a não ter dificuldades em descobrir os ovos de ouro suficiente para desta vez, tomar uma posição relevante no capital da estrangulada empresa portuguesa Efacec, especializada nos sectores da electrónica e de electromecânica. A notícia surge no mesmo dia em que mais de uma centena de trabalhadores se concentrou em frente às instalações da empresa em Leça do Balio, concelho de Matosinhos, distrito do Porto, para reivindicar aumentos salariais. Recorde-se que a empresa, controlada…

Leia mais

Privados a caminho do BESA

Sonangol no BESA significa nacionalização - Folha 8

O presidente da Associação Angolana de Bancos, Amílcar Azevedo da Silva, admite que há interesse de investidores angolanos no aumento de capital do BES Angola, decidido pelo banco central. O banco central de Angola determinou esta semana um aumento de capital no BES Angola. Opresidente da Associação Angolana de Bancos, Amílcar Azevedo da Silva, admitiu nesta quarta-feira o interesse de investidores angolanos no aumento de capital do Banco Espírito Santo Angola (BESA), decidido pelo banco central esta semana. “Acho que sim. Se o BNA (Banco Nacional de Angola) adoptou uma…

Leia mais

Mudem-se algumas pessoas e tudo continuará na mesma

José Eduardo dos Santos exonerou o governador provincial de Luanda, Bento Francisco Bento, e mais dois dos três vice-governadores da capital. Em linguagem popular, mudou as moscas mas deixou a boiar a matéria putrefacta que as alimenta. Que as coisas na capital não estão bem, todos sabem. Mas não estão há muitos, muitos anos. Remendando aqui, esburacando ali, Luanda precisa sobretudo de uma governação competente e não, como acontece, de uma gestão casuística que potencia interesses individuais e marginaliza o colectivo. Mais uma vez, Eduardo dos Santos avança com a…

Leia mais