Explorar petróleo em áreas protegidas mas com cuidados ambientais

O ministro dos Recursos Naturais e Petróleos angolano defendeu hoje a exploração de petróleo em áreas protegidas, com salvaguarda dos problemas ambientais, sublinhando que a questão está a ser trabalhada em conjunto com o Ministério do Ambiente. Diamantino de Azevedo, que falava hoje num encontro com jornalistas em Luanda, confirmou que há “indícios da existência de petróleo e recursos” em áreas protegidas e parques naturais, defendendo que Angola deve procurar mais petróleo para a produção não baixar. Questionado sobre se está a ser preparada legislação para permitir a exploração petrolífera…

Leia mais

Fardas turcas com design de Nadir Tati?

A Raff Military Textile, empresa turca, prevê instalar-se em Angola, através de uma parceria com a empresa angolana Alaide Têxtil, para dar resposta às necessidades locais e regionais em matéria de equipamento militar de alto padrão. No dia 6 de Fevereiro de 2018 o ministro da Estado e Chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, general Pedro Sebastião, declarou que as Forças Armadas deviam ser auto-suficientes e contribuir, em tempo de paz, para o desenvolvimento económico e social da nação. De acordo com uma nota do Ministério da…

Leia mais

E o canto do “não” o xeque dobrou

O ministro angolano dos Petróleos confirmou hoje que o memorando de entendimento entre a Sonangol e um xeque do Dubai para o desenvolvimento do terminal oceânico do Dande não se concretizou, mas garante que o projecto continua. Diamantino Pedro Azevedo, que falava durante um encontro com jornalistas, confirmou que não houve entendimento com o xeque Ahmed Dalmook Al-Maktoum, do Dubai, relativamente à construção da base logística de armazenamento de produtos petrolíferos da Barra do Dande. “O memorando de entendimento não é um contrato, é um documento de intenção que pode…

Leia mais

Amigos são mesmo para isso

O Presidente angolano (não nominalmente eleito) João Lourenço abordou com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, a situação de segurança na Região dos Grandes Lagos, com destaque para a República Centro-Africana (RCA). O chefe do executivo angolano, presidente em exercício da Conferência Internacional da Região dos Grandes Lagos (CIRGL), e o mais alto dirigente da Organização das Nações Unidas (ONU), que se recandidata a segundo mandato, falaram ao telefone, segundo uma nota da Secretaria para os Assuntos de Comunicação Institucional e Imprensa do Presidente da República. A…

Leia mais

O MPLA não tem culpa de só estar no Governo há… 45 anos!

Até mesmo o Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou – contrariando as eméritas lições dos membros do Governo do MPLA – a previsão de crescimento para Angola, antecipando mesmo assim uma recuperação de 0,4%, e agravou a dívida pública para 134,2% no ano passado e para 119,9% este ano. “A dívida pública deverá aumentar de 107% do Produto Interno Bruto em 2019 para 134% em 2020; as projecções para 2020 reflectem principalmente a depreciação da taxa de câmbio e a queda dos preços do petróleo no seguimento do choque desencadeado pela…

Leia mais

Petição Pública para libertação de activistas de Cabinda

«Os peticionários desta petição são membros da Sociedade Civil de Cabinda, representados por diversos segmentos da vida social da província de Cabinda entre eles destacam-se entidades Eclesiásticas, Activistas Cívicos de Direitos Humanos, Políticos, Académicos, Intelectuais, Estudantes, Operários, Jornalistas, Funcionários Públicos e Empresários que transbordam em si, sentimento de liberdade e estando perplexo com as múltiplas e graves violações dos direitos humanos dos órgãos policiais e judiciais no que concerne, as violações dos vários instrumentos jurídicos internacionais de direitos humanos. Os cidadãos abaixo-assinados vimos por intermédio desta “petitio publicus populus” (petição…

Leia mais

Fome? Sim, mas apenas para quem não tem… comida

A angolana Josefa Sacko é candidata a um segundo mandato para o cargo de comissária da União Africana (UA) para a Agricultura, Economia Rural, Economia Azul e Ambiente. A engenheira agrónoma afirma em entrevista à RFI que se for eleita a auto-suficiência alimentar do continente será uma das suas prioridades e garante que aposta na agricultura é a a solução para combater a fome em África. Em Agosto de 2018, depois de um faustoso repasto, a comissária da UA Josefa Sacko, afirmou, em Luanda, que Angola progrediu na redução da…

Leia mais

Fome dos africanos engorda abutres

A Covid-19 deverá fazer aumentar a dívida de África para cerca de 70% Produto Interno Bruto (PIB), conclui um relatório apresentado hoje e que considera a pandemia “uma ameaça sem precedentes” para o financiamento ao continente. “A Covid-19 representa uma ameaça sem precedentes para o financiamento do desenvolvimento de África ao criar novos riscos e exacerbar as vulnerabilidades pré-existentes”, adianta o documento, uma parceria da União Africana (UA) e da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE). Na sua terceira edição, o relatório sobre as dinâmicas de desenvolvimento em…

Leia mais

Filho de Carlos São Vicente pode ser ouvido em Portugal

O filho do empresário Carlos São Vicente, recentemente constituído arguido no mesmo processo do pai, preso em Angola, pode ser ouvido em Portugal, onde se encontra actualmente, ao abrigo de mecanismos de cooperação judiciária entre ambos os países. A informação foi prestada hoje pelo porta-voz da Procuradoria-Geral da República de Angola, Álvaro João, que confirmou que o filho de Carlos São Vicente é também arguido no mesmo processo do empresário luso-angolano. No passado dia 16 (ver artigo do Folha 8: “A (a)MPLA amargura de Irene Neto”), a mãe de Ivo…

Leia mais

Angola e Índia querem reforçar trocas comerciais na agricultura

Angola e Índia manifestaram hoje interesse de reforçar as trocas comerciais, sobretudo nos domínios da agricultura, saúde e indústria agro-alimentar, enquanto a balança comercial entre ambos registou um aumento de importações e exportações entre 2017 e 2019. A decisão foi expressa durante a audiência que o ministro da Indústria e Comércio de Angola, Victor Fernandes, concedeu hoje, em Luanda, à embaixadora Índia em Angola, Pratibha Parkar. Angola importa da Índia, fundamentalmente, produtos farmacêuticos, máquinas, aparelhos, materiais eléctricos, veículos automóveis, maquinaria para o sector industrial, produtos químicos e exporta combustíveis e…

Leia mais