PREDADORES REGRESSAM A ANGOLA

O especialista do sector da energia, Miguel Artacho, director de conferências internacionais da Energy Capital & Power, defende que a crise energética na Europa está a acelerar o desenvolvimento da indústria do gás e a criar mais oportunidades para Angola e para os produtores de petróleo e gás da África Subsaariana. A serem aproveitadas, essas oportunidades vão originar mais milhões para os mesmos de sempre, o MPLA, e mais pobres entre o Povo. Em entrevista à Lusa, Miguel Artacho, diretor de conferências internacionais da Energy Capital & Power, que organiza…

Leia mais

BP + ENI = AZULE ENERGY

As petrolíferas britânica BP e italiana Eni criaram a Azule Energy, nova companhia internacional de energia independente em Angola, um investimento de mais de 10 mil milhões de dólares (9,1 mil milhões de euros), para produzir petróleo e gás. A assinatura do acordo, resultado de um memorando de entendimento assinado pelas duas companhias em Maio de 2021, realizou-se hoje em Luanda, sendo a Azule Energy detida em 50% por cada uma das empresas. De acordo com um comunicado conjunto, espera-se que a Azule Energy, com mais de 200.000 boe [barris…

Leia mais

Promotores dizem o que o Governo tanto quer ouvir

Não é por falta de idealistas (que nos catalogam como idiotas) que Angola não consegue levar a carta a Garcia. Colocando os 20 milhões de pobres no fim da lista de prioridades, o Governo de João Lourenço vai realizar durante todo o ano de 2020 uma campanha para atrair investimento estrangeiro, chamada “Angola: African Investment Capital 2020”, incluindo a segunda edição da Conferência e Exposição do Petróleo e Gás de Angola. “Graças às abrangentes reformas do Presidente, Angola embarcou numa ambiciosa missão de atrair investimento directo estrangeiro”, disse o director…

Leia mais

O espelho da navegação à vista no gás e no petróleo

Os contratos de concessão dos dez blocos petrolíferos nas bacias do Namibe e Benguela vão permitir aos operadores explorar o gás natural encontrado, afirmou hoje em Londres a administradora da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG), Natacha Massano. “O s novos contratos vão permitir aos operadores explorar o gás encontrado”, afirmou aos jornalistas, à margem de uma apresentação a potenciais investidores das concessões, que deverão começar a receber propostas de exploração em Outubro. Até à entrada em vigor do decreto 7/18 publicado em Maio do ano passado, todo…

Leia mais

Dentro de ti ó Angola, o crude é quem mais ordena

Apostado em diversificar a economia angolana, o Presidente João Lourenço exortou hoje, em Luanda, os operadores petrolíferos mundiais a investir em Angola, garantindo estar em curso um processo de reformas no sector que assegura melhores condições para se apostar no país. É isso, não é senhor Presidente da República, senhor Presidente do MPLA, senhor Titular do Poder Executivo? Assim sendo, não tardará a termos petróleo a saber a fuba e arroz com sabor a… crude! João Lourenço discursava na abertura da conferência “Angola Oil & Gas 2019”, que começou hoje…

Leia mais

Vírus “telstar” infectou
a credibilidade do país

O Presidente de Angola, João Lourenço, diz que o país atravessa uma “nova era” na área do petróleo e gás que resulta da implementação de uma “gestão totalmente transparente nos concursos públicos”. Dando (embora não seja certo) como verdadeira a transparência nos concursos públicos, fica por provar que ela existe também nas decisões que podem estar infectadas com o vírus “telstar”. “N os últimos tempos, mudámos a nossa política de gestão de recursos energéticos, como o petróleo e o gás, para que sirvam melhor os interesses do país e dos…

Leia mais

Sonangol e Total iniciam produção no Kaombo Sul

A Sonangol E.P., a Total E&P Angola e as suas associadas do Bloco 32 revelaram que iniciaram hoje a produção do Kaombo Sul, a segunda Unidade Flutuante de Produção Armazenamento e Descarga de Crude (FPSO) do projecto Kaombo, localizada a 260 quilómetros da costa de Luanda, entre os 1.400 e os 2.000 metros de profundidade. Oito meses após o início de produção da FPSO Kaombo Norte, o seu navio gémeo, o Kaombo Sul, com uma capacidade de produção de 115.000 barris de petróleo/dia, eleva a capacidade global de produção do…

Leia mais

Cazuzas e marimbondos?
Foi branco quem inventou

O ministro da Justiça e Direitos Humanos de Angola, Francisco Queiroz, admitiu hoje a existência de uma insatisfação em relação ao trabalho dos registos e notariado, ao qual “é preciso dar um novo impulso e dinâmica”. A sociedade protesta. O Governo dá-lhe razão. Promete resolver. Um dia. Mas só depois de acabar com os marimbondos. Há já muitos anos, Ernesto Lara Filho antecipava tudo isto, no seu poema “Picada de marimbondo”: Junto da mandioqueira / perto do muro de adobe / vi surgir um marimbondo. / Vinha zunindo! / Cazuza!…

Leia mais

Angola e Total inauguram novo campo petrolífero

Angola e a Total inauguraram hoje a prospecção de um novo campo petrolífero em águas ultra profundas operado pela petrolífera francesa, dando um novo impulso para a recuperação da economia angolana. O Ministro de Estado do Desenvolvimento Económico e Social de Angola, Manuel Nunes Júnior, o Presidente e Director Geral da Total, Patrick Pouyanné e o Presidente do Conselho de Administração da Sonangol, Carlos Saturnino, inauguraram hoje o projecto Kaombo, que entrou em produção em Julho deste ano, situado em águas profundas do Bloco 32 a 260 quilómetros da costa…

Leia mais

O futuro está mesmo
ao dobrar da esquina

A inovação digital na África Subsaariana está a ser conduzida pela cada vez maior utilização de telemóveis, permitindo que os consumidores africanos ultrapassem modelos de negócios e tecnologias empresariais já existentes. A versão 2017 do Manual sobre Receita Fixa, Moeda e Mercadorias (FICC) do Ecobank Research, que proporciona conhecimento e análise especializados sobre os mercados africanos para investidores e empresas, foi hoje apresentado no AfricaFICC. Indicando uma perspectiva positiva para o continente, prevêem-se três tendências chave a ter em conta durante os próximos 12 meses. A primeira indica uma recuperação…

Leia mais