TUDO NORMAL… SE ASSIM O MPLA ENTENDER

O presidente duas vezes cessante da UNITA, Isaías Samakuva, e o candidato a líder, Adalberto da Costa Júnior, eleito no anterior congresso, votaram para eleger o representante máximo do “Galo Negro”, com poucos minutos de intervalo, reafirmando a união do partido. Isaías Samakuva se aproximou da mesa 6 para depositar o seu voto, saindo com espírito de dever cumprido e respondendo que espera uma UNITA mais unida após o conclave. A votação deveria ter decorrido esta manhã, mas o atraso na reunião de sexta-feira determinou que só hoje se realizasse…

Leia mais

O (NEG)ÓCIO DAS ARMAS… PRIVADAS

A Polícia angolana deu hoje início ao processo de recolha de armas de guerra em posse das empresas de segurança privada. A Lei sobre as Empresas Privadas de Segurança, aprovada em Maio de 2014, impunha (isto é como quem diz) um plano gradual de substituição de cerca de 30 mil armas de guerra, na posse destes elementos, por outras de autodefesa. A cerimónia foi presidida pelo comandante-geral da Polícia Nacional, Paulo de Almeida, que, simbolicamente, recebeu armas de guerra de duas empresas de segurança privada, que entregaram armas de defesa…

Leia mais

A (OPORTUNA) VISÃO MILITAR DE SAMAKUVA

Isaías Samakuva, líder (“eleito” por ordem do MPLA) da UNITA, maior partido da oposição que o MPLA (ainda) permite em Angola, disse hoje que o XIII congresso só será útil se servir também para unir o partido e consolidar estratégias para sair das “águas turvas e lodosas das suspeições e acusações gratuitas”. Isaías Samakuva, que discursava na abertura do XIII congresso ordinário da UNITA, que hoje arrancou em Luanda e que decorre até sábado, com 1.150 delegados, disse que a reunião deve servir também para “construir, consolidar a unidade e…

Leia mais

QUEM DISSE QUE O PRESIDENTE NÃO RI?

O pré-candidato à liderança do MPLA, António Venâncio, cuja intenção de concorrer ao congresso do partido no poder em Angola há 46 anos foi rejeitada, apresentou hoje uma providência cautelar no Tribunal Constitucional (TC), sucursal jurídica do próprio MPLA, para “impugnar” o conclave. “Hoje sim acabou de entrar esta providência cautelar, mas ainda estamos a tentar esgotar o recurso internamente, ainda não desistimos do recurso junto do Bureau Político do Comité Central, que é o órgão a quem dirigimos o recurso”, afirmou hoje António Venâncio. O VIII Congresso Ordinário do…

Leia mais

URGE ACABAR COM A ESCRAVATURA

Hoje, 2 de Dezembro, é Dia Internacional para a Abolição da Escravatura. No dia 24 de Junho de 2020, o MPLA repudiou, com veemência, o jornal “Folha 8”, pela publicação de um texto (apenas na sua página do Facebook) em que – segundo o partido dirigido por João Lourenço – associou o então Presidente de Angola, António Agostinho Neto, às figuras consideradas defensoras da escravatura. O pequeno texto que o Folha 8 publicou diz: “Vários países estão a retirar dos espaços públicos as estátuas de assassinos, ditadores e defensores da…

Leia mais

ATÉ TU, KATCHIUNGO?

A direcção da UNITA suspendeu três membros da Comissão Politica entre os quais José Pedro Katchiungo, que disputou a liderança do partido no congresso realizado em 2019, que elegeu Adalberto da Costa Júnior, entretanto anulado pelo Tribunal Constitucional por ordem do MPLA. A decisão foi tomada na reunião estatutária que precede o XIII Congresso do partido do Galo Negro, principal força política da oposição que o MPLA (ainda) permite em Angola, agora dirigida por Isaías Samakuva, que esteve à frente da UNITA durante 16 anos e regressou (novamente por instruções…

Leia mais

SÓ FALTA PÔR A POLÍCIA E OS MILITARES A COMBATER ACJ

O candidato à presidência da UNITA, o maior partido da oposição que o MPLA (ainda) permite que exista em Angola, Adalberto da Costa Júnior (ACJ) considerou hoje em Luanda que o Estado de Direito “está em risco em Angola” e que “os tribunais estão reféns do poder político”. Sim e não. Só pode estar em perigo algo que exista e, e de facto que não de jure, não existe Estado de Direito. Quanto aos tribunais, são o que o dono quer que sejam. “Quem pensa que pode destruir o edifício…

Leia mais

O REGRESSO DOS… CATAMARÃS

A Sonangol entregou hoje ao Governo angolano dois catamarãs recebidos no âmbito da recuperação de créditos da petrolífera sob o grupo China Sonangol que deverão começar a ser usados nas travessias entre Luanda e Mussulo já nesta quadra festiva. Bem que o homólogo de João Lourenço (não como presidente do MPLA mas da República), Marcelo Rebelo de Sousa, poderá ser convidado para inaugurar a primeira travessia… O anúncio da entrega foi feito hoje pelo ministro dos Transportes, Ricardo d’Abreu, após a cerimónia de entrega dos dois catamarãs que foram construídos…

Leia mais

UNITA PODERÁ TER LIDER DEPOIS DAS… ELEIÇÕES DE 2022

Uma (das várias que estão em carteira para ser apresentadas quando o MPLA determinar) providência cautelar interposta junto do Tribunal Constitucional por um grupo de supostos militantes da UNITA, que pede a impugnação da reunião da comissão política onde foi marcado o próximo congresso, alegando que a comissão foi coagida sob um clima de intimidação, poderá levar ao adiamento do conclave. A comissão política da UNITA vai voltar a discutir a data do congresso que deveria acontecer entre 2 e 4 de Dezembro devido à providência cautelar apresentada no Tribunal…

Leia mais

OBRIGADO MARCELO REBELO DE SOUSA!

Com o comprovativo que trouxe de Portugal na mão, o paizinho do MPLA, Marcelo Rebelo de Sousa, visitou as lixeiras onde alimentam milhares de angolanos, perdão, visitou um centro de vacinação nos arredores de Luanda para incentivar a população angolana a fazer parte da luta contra a pandemia de Covid-19. “Olha, este foi o meu primeiro cartão”, disse Marcelo Rebelo de Sousa a um rapaz que estava a aguardar para receber o comprovativo de vacinação contra o SARS-CoV-2, no Centro Cultural Paz Flor. É o primeiro cartão do Presidente da…

Leia mais