Filhos da fome nunca serão livres

A cidade de Ondjiva, província do Cunene, acolhe hoje um encontro para debater os conteúdos das mensagens de voz do projecto saúde móvel “Nascer Livre para Brilhar”, um compromisso assinado com o Gabinete da Primeira-Dama da República. A iniciativa implementada pela Unitel e a Organização Não-Governamental People in Need, pretende contribuir para a diminuição das taxas de transmissão de VIH-Sida de mãe para filho em Angola. O certame reúne dirigentes, supervisores e técnicos da saúde, além de representantes de organizações da sociedade civil que actuam no sector, indica uma nota…

Leia mais

Acordos das arábias e aladinos do MPLA

Os investidores dos Emirados Árabes Unidos e angolanos têm condições favoráveis para investirem reciprocamente nos dois países em vários sectores, com a recente aprovação pelo Conselho de Ministros, do Acordo de Promoção e Protecção Recíproca de Investimentos entre os dois, assinado – registe-se – em 5 de Abril de… 2017. Com a aprovação do acordo, os investimentos estrangeiros nos dois países estarão protegidos de eventuais riscos e os governos angolano e dos Emirados Árabes Unidos encorajam os empresários dos dois Estados a investir, com a garantia de que o investimentos…

Leia mais

Carta aberta ao Presidente da República de Angola

A propósito da visita do Vice-Presidente de Angola a Cabinda, José Marcos Mavungo, activista dos Direitos Humanos, dirigiu ao Presidente da República, João Lourenço, com conhecimento às Nações Unidas, União Africana, Governo português e partidos políticos da oposição angolana, uma carta aberta que Folha 8 reproduz na íntegra: «Soube de um amigo que o Vice-Presidente de Angola, Sua Excelência Sr. Bornito de Sousa Baltazar Diogo resolveu viajar para além de Luanda e encetar uma viagem à roda de Cabinda. Por esta razão, pensei em escrever-lhe sem cuidar da forma, pois…

Leia mais

Para quem é… farelo basta

A Comissão Económica do Conselho de Ministros de Angola aprovou hoje dois documentos relativos à alimentação, um com o objectivo de minimizar os impactos da estiagem na produção agrícola e pecuária e outro sobre estabilização dos preços dos bens alimentares. Depois dessa aprovação, bem que os membros da comissão mereceram um jantar frugal, tipo trufas pretas, caranguejos gigantes, cordeiro assado com cogumelos, bolbos de lírio de Inverno, supremos de galinha com espuma de raiz de beterraba e queijos acompanhados de mel e amêndoas caramelizadas e umas garrafas de Château-Grillet 2005.…

Leia mais

(Final)mente na “pole position”

O ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás angolano, Diamantino Azevedo, anunciou hoje que a Bolsa de Diamantes de Angola deve arrancar de forma experimental em 2022, cujas condições estão a ser criadas para que seja “atractiva e competitiva”. Já não é mau. Estão a ser criadas… Segundo Diamantino Azevedo, o órgão que tutela contratou um antigo presidente da Bolsa de Diamantes da Antuérpia, que já trabalha com quadros angolanos para a implementação da bolsa visando o “reforço do papel de Angola” na comercialização dos diamantes que produz. “Para o…

Leia mais

Culpados escapam desde 1576…

Chuvas torrenciais provocaram inundações, queda de árvores e de casas, congestionamentos e deixaram ruas intransitáveis em Luanda, onde uma zungueira morreu electrocutada e duas crianças estão desaparecidas. Culpados? Os mesmos dos últimos 500 anos. Faustino Miguéns, porta-voz do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros de Luanda, citado pela TPA, revelou que a chuva ininterrupta afectou 80% da cidade e que além da morte de uma pessoa, duas crianças estão dadas como desaparecidas no distrito urbano do Nova Vida. No distrito urbano da Samba, a estrada principal ficou intransitável com extensos…

Leia mais

Eia! MPLA promete pôr Cafunfo no mapa

A administração municipal do Cuango, província angolana da Lunda Norte, lançou um concurso para iluminação pública, construção de escolas e centro de saúde em Cafunfo, palco de incidentes com feridos e mortos em Janeiro. Pelos vistos, a melhor forma de “corrigir o que está mal”, é contratar “estrangeiros” (como disse o Governo), fazer uma manifestação e aceitar que alguns sejam… assassinados. Em comunicado divulgado pelo órgão oficial do regime, Jornal de Angola, a administração do Cuango refere que o concurso público, com prazo de execução de um ano, decorre nos…

Leia mais

Mandioca ao poder, já!

O Governo angolano escolheu o polo de Cacuso, na província de Malanje, para lançar o processo de industrialização da mandioca, com foco na produção de amido. A informação foi hoje avançada pelo ministro da Indústria e Comércio de Angola, Victor Fernandes, à margem de um ‘webinar’ sobre “As Oportunidades e desafios na Cadeia de Valor da Mandioca em Angola”, que contou com participação de especialistas nacionais, do Brasil, da Argentina e da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). Victor Fernandes referiu que há cerca de um ano…

Leia mais

Ao fim de quase quatro anos, será para valer?

Nesta terça-feira, 2 de Março de 2021, o Presidente da República de Angola anunciou uma revisão pontual da Constituição, tendo como objectivos, entre outros, clarificar os mecanismos de fiscalização política, dar direito de voto a residentes no estrangeiro e eliminar o princípio de gradualismo nas autarquias. Por José Marcos Mavungo (*) Depois de quase quatro anos de resistência, João Lourenço considera agora a necessidade de fazer mudanças dentro da lei fundamental de Angola. Eis que o Presidente da República agora, já admite alterações com a necessidade de “preservar a estabilidade…

Leia mais

As lixeiras dos lixeiros do re(i)gime

Angola (país governado há 45 anos pelo mesmo partido, o MPLA) está a perder anualmente 576 milhões de euros, por não valorizar as 6,3 milhões de toneladas de lixo produzidas por ano em todo o país, metade das quais só em Luanda, reconhece o próprio Governo. O ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos, anunciou hoje aos jornalistas no final da reunião da Comissão Económica do Conselho de Ministros, orientada pelo Presidente da República, Presidente do MPLA e Titular do Poder Executivo, João Lourenço, que foi aprovado um projecto de…

Leia mais