Dos Santos fez de Angola
uma empresa unipessoal

Uma antiga correspondente da agência France-Presse e da RFI – Rádio França Internacional em Angola, Estelle Maussion, descreve, num livro que será lançado amanhã, quarta-feira, que o antigo Presidente angolano, José Eduardo dos Santos criou “um sistema” que tomou o país e não antecipou “a ruptura” que o seu sucessor iria fazer. “José Eduardo dos Santos é a personagem principal deste livro. Tem uma trajectória fascinante, chega ao poder aos 36 anos, quando há muitos conflitos, instaurou um sistema político e económico. Para além da conjuntura, ele é alguém muito…

Leia mais

Por que devo continuar a viver em Angola?

Já me ocorreu – especialmente pouco depois que fui libertado da cadeia – a ideia de pegar na família e instalar-me num país do Ocidente, sim, abandonar Angola e não querer mais ouvir falar deste país onde nasci há quase 35 anos. Por Nuno Álvaro Dala Na verdade, a referida ideia continua a ocorrer-me, e tem sido assim especialmente nos últimos 3 anos. Não apenas por causa do Processo em si. Têm concorrido para tal ideia, as complicações imensas relacionadas com os tremendos danos, provocados pelo Estado, que jamais serão…

Leia mais

Vingança servir-se-á fria?

Não tenho dúvidas nenhumas que se as eleições presidenciais de Angola dependessem dos votos dos portugueses ou até dos restantes habitantes do planeta Terra incluindo os africanos, JLo ganharia com percentagens estalinistas tal a forma eficiente como a máquina propagandista emepeliana trabalha. Por Brandão de Pinho Todavia para já e até ver – mesmo que porventura nem todos possam poder exercer o direito de voto nas autárquicas – só os angolanos inscritos nos cadernos eleitorais poderão participar no escrutínio para eleger o próximo presidente da República de Angola. Muitas vezes…

Leia mais

Ajudemos o Nicolas

Os amigos e colegas do activista cívico Fernando António Tomás, mais conhecido por “Nicolas o Radical”, lançam um dramático apelo, ao qual o Folha 8 se junta solidariamente, para que seja prestada ajuda a este compatriota que vive momentos dramáticos: «S abemos que constituímos um povo generoso e solidário. Muitos de nós, temos ajudado várias pessoas que nem sequer conhecemos pessoalmente, em inúmeras situações, metendo sempre em primeiro lugar os interesses do nosso próximo. Neste momento estamos a necessitar de ajuda urgente para um companheiro de luta, o nosso irmão,…

Leia mais

SIC não sabe do criminoso? Então prende a mulher e a filha (e o cão que se cuide)

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) de Angola continua a andar em sentido contrário à Constituição e à lei, prendendo arbitrariamente cidadãos, que nada têm a ver com práticas delituosas. Para além do espírito de alcateia, explicam – nada explicando – que apenas cumprem as inimputáveis “ordens superiores”. Como nos velhos tempos do fascismo e ditadura, umas vezes prendem inocentes, para investigar, outras, abusadamente, são levados, como moeda de troca, visando que o foragido se entregue por, no seu lugar, estarem os pais (mãe ou pai), a mulher ou os…

Leia mais

Tchizé dos Santos pensa,
mas não diz o que pensa

A deputada ‘Tchizé’ dos Santos, filha do anterior chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, afirma que a transição no poder não é a que Angola esperava, defendendo que o Presidente da República deve deixar de ser o “único” que pode “brilhar”. Será que ela ainda se lembra de, em plena Assembleia Nacional, alguém do MPLA lhe ter perguntado: “Sabes quantas pessoas foram assassinadas no 27 de Maio de 1977?” Em entrevista à Lusa, em Lisboa, Welwitschea ‘Tchizé’ dos Santos comentava os primeiros meses de liderança de João Lourenço, que…

Leia mais

“Um passo muito positivo”

Rafael Massanga Savimbi, filho do líder fundador da UNITA, Jonas Savimbi, considerou hoje “um passo muito positivo” a garantia do Governo angolano de exumação dos restos mortais do seu pai, abatido na guerra civil, em 2002. O dirigente da UNITA, maior partido da oposição angolana, e deputado à Assembleia Nacional reagia, em declarações à agência Lusa, em Luanda, ao anúncio feito (conforme o Folha 8 noticiou) ontem, terça-feira, pelo Presidente João Lourenço, sobre o seu empenho pessoal para que o processo seja concluído ainda este ano. “Devo dizer que só…

Leia mais

Afinal quem ficaria mesmo muito mal na fotografia?

Numa matéria publicada no dia 28 de Maio 2018, pelo Novo Jornal Online, intitulada “Rafael Marques tem provas de que João Lourenço está a formar uma nova elite de saqueadores, acredita oposição”, este jornal apegou-se a uma entrevista que o conceituado Jornalista Rafael Marques tinha concedido à Lusa. Por Manuel Tandu Nesta entrevista o jornalista Rafael Marques fala de sinais que, segundo ele, contradizem o discurso de combate à corrupção do Presidente da República. Ao dizer o seguinte: “João Lourenço também tem estado a dar sinais de que está a…

Leia mais

Venha o “Air Force MPLA”!

“Um avião de 320 milhões e um séquito gigante: o Presidente de Angola aterra nas Astúrias” foi o título do portal de informação espanhol La Nueva España. Não será altura, agora que João Lourenço conseguiu estabilizar o número de pobres no país nos 20 milhões, de o governo mandar construir o seu próprio “Air Force MPLA”? Assim, seria uma espécie (melhor, é claro) do norte-americano “Air Force One” e passaria a ser um dos principais símbolos da Presidência de Angola, tão carecida está de uma imagem que de facto mostre…

Leia mais

Direito de resposta da Ministra da Acção Social

No passado dia 7, o Folha 8 publicou na sua edição digital diária a carta de um grupo de funcionários do Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher que acusou a ministra Victória Francisco Correia Conceição de ser moralista sem moral, isto por ter exigido, a 25.10.2017, a devolução de viaturas em posse dos trabalhadores no prazo de 30 dias, quando a mesma dirigente – afirmavam – tem alegadamente um notável percurso de não restituição de viaturas em cargos de Estado que anteriormente ocupou. Direito de resposta Eis,…

Leia mais