Importar tudo para
produzir promessas

O Banco Nacional de Angola (BNA) disponibilizou hoje um novo “plafond” de 100 milhões de euros, em divisas, a 20 bancos comerciais, para abertura de cartas de crédito para importação, modelo preconizado pelo banco central angolano. Este montante foi distribuído em leilão, com o objectivo de “assegurar a importação de mercadorias diversas, priorizando a importação de matéria-prima”. O banco central angolano já tinha distribuído, a 26 de Junho, por 21 bancos, e também na forma de leilão, outros 100 milhões de euros, para abertura de cartas de crédito para importação.…

Leia mais

Exonere-se o IPI. Já!

O Índice de Produção Industrial (IPI) em Angola registou uma variação negativa de 2,6% no primeiro trimestre de 2018, comparando com o mesmo período do ano anterior, e desde 2015 que não sai do “vermelho”. Será possível exonerar o… IPI? De acordo com o relatório do IPI dos primeiros três meses do ano, realizado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), esta queda na produção (que abrange quatro sectores) foi influenciada sobretudo pela diminuição na produção da “Indústria extractiva”, de petróleo, gás, diamantes e minerais, em 5,5%. A crise económica e…

Leia mais

Isto só lá vai fazendo um “reset” ao país e ao MPLA!

O secretário de Estado da Economia de Angola disse hoje que o acesso ao crédito e a qualidade dos projectos são os maiores entraves que os empresários nacionais enfrentam, prevendo a fusão de institutos públicos para apoiar este processo. Por alguma razão o antigo primeiro-ministro, Lopo do Nascimento, lamenta a perda de oportunidade de Angola ter desenvolvido a sua agricultura e indústria quando o país vivia tempos favoráveis, com o preço alto do petróleo. “Nós temos vários constrangimentos no que diz respeito ao acesso à economia, mas eu creio que…

Leia mais

Nova Pauta Aduaneira para proteger o que é nacional

A nova Pauta Aduaneira angolana, harmonizada com as regras da Organização Mundial das Alfândegas, entra em vigor a 9 de Agosto, atribuindo taxas mínimas à importação de mercadorias essenciais, anunciou hoje o Ministério das Finanças. Definida pelo Governo e aprovada pela Assembleia Nacional em Novembro de 2017, a nova Pauta Aduaneira dos direitos de importação e exportação de Angola foi publicada, por decreto presidencial de 9 de Maio, e estabelece como prioritário o desenvolvimento do sector produtivo nacional e a diversificação da economia, com medidas que incentivem e protejam a…

Leia mais

A “indústria” espacial

O jornal da Angola do MPLA, que segue uma linha redactorial muito sinuosa, dirigida pelo Victor Silva, para favorecer a propaganda do “reigime” angolano, dizia que o satélite que irá substituir o satélite moribundo, afónico, começava a ser construído na terça-feira. Estamos com muita curiosidade em seguir esse processo. Já está pronto? Ainda demora muito? Ou virá lá pró Natal, quando chegarem as prendas? Por Domingos Kambunji As pessoas do nosso bairro fartam-se de rir quando vêem o ministro da telecomunicações na televisão. O homem transpira, por todos os poros,…

Leia mais

É claro que (também) temos muita fartura de sucata

Angola voltou a proibir a exportação de sucata do país para apoiar a indústria siderúrgica nacional, anunciou hoje Bernarda Martins, a ministra da Indústria de Angola, anunciando igualmente a realização de um estudo para o levantamento das quantidades de sucata no país. “N ós tomamos a decisão de estabelecer quota zero para a exportação de sucata no sentido de preservarmos as nossas reservas para alimentarmos as nossas indústrias”, disse a ministra. A governante salientou que o país tem sucata de vários tipos, mas é necessário que se identifique as que…

Leia mais

Inflação galopante e estagnação

Mais do que a queda do preço do petróleo, Angola defronta-se com um grave problema económico: a inflação galopante, associada à estagnação. Por Rui Verde (*) Em Agosto de 2016, o nível homólogo de inflação atingiu os 38,18% na cidade de Luanda. Esta é a informação que consta da Folha de Informação Rápida N.º 8-IPC Nacional, de Agosto 2016, do Instituto Nacional de Estatística. A inflação é a subida geral dos preços para o consumidor. Os bens e serviços consumidos pelas famílias ao longo do ano são representados por um…

Leia mais

Crise? Sim, mas…

O sector da indústria em Angola totalizou desde Janeiro investimentos privados de 40 milhões de dólares, maioritariamente no domínio da construção civil. Os números foram hoje avançados pela ministra da Indústria angolana, Bernarda Martins, no final da assinatura de oito contratos de investimento privado no valor de 19,3 milhões de dólares, 81% dos quais são de origem nacional. Em declarações à imprensa, Bernarda Martins manifestou a satisfação pelos resultados alcançados desde a entrada em funcionamento da Unidade Técnica de Apoio ao Investimento Privado (UTAIP) daquele ministério, em Janeiro. A governante…

Leia mais

Vão ver como elas mordem!

Vão ver como elas mordem! - Folha 8

A ministra do Comércio de Angola, Rosa Pacavira, disse hoje que há margem para reduzir “ainda mais” as importações de bebidas, sector alvo de quotas já a partir de Março. A governante falava aos jornalistas depois de se reunir em Luanda com importadores nacionais e bancos comerciais, precisamente na semana em que foi divulgada a imposição de quotas à importação nomeadamente de cervejas, sumos e águas. A medida, explicou Rosa Pacavira, é para “entrar em marcha a partir de Março” e vai reduzir as importações – entre outros produtos –…

Leia mais

Agro-indústria precisa de “sementes” que podem ser, ou não, portuguesas

Angola está interessada na instalação de empresas que ajudem a transformar o enorme potencial de recursos naturais, nomeadamente agrícolas, para fornecer não só o mercado nacional, reduzindo as importações, mas também o regional, com 300 milhões de potenciais consumidores. O desafio às empresas portuguesas detentoras de tecnologia que se queiram instalar em Angola foi lançado hoje pelo secretário de Estado angolano da Indústria, Kiala Ngone Gabriel, no Congresso das Tecnologias e Serviços para o Agronegócio, a decorrer desde quinta-feira no Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (CNEMA), em Santarém. Kiala…

Leia mais