FALTA PEIXE MAS ABUNDAM ASSALTANTES

Além da redução do pescado, sobretudo nos últimos meses, os pescadores da Ilha de Luanda confrontam-se com novas ameaças ao seu modo de vida, enfrentando assaltos em alto mar, protagonizados por homens armados. Para estes pescadores artesanais ir à pesca traduz-se, nos últimos tempos, num risco de vida, em consequência dos assaltos que dizem sofrer em alto mar. Muitos já resultaram em mortes de colegas, dizem, em declarações à Lusa. Mas a busca pelo pão não trava a jornada dos armadores de pesca artesanal que apenas respiram de alívio quando…

Leia mais

INFLAÇÃO SALTA COMO AS GAZELAS

A inflação em Angola aumentou para 27% em Março na variação face ao mesmo mês de 2021, registando igualmente uma subida de 1,56% relativamente à registada em Fevereiro deste ano, divulgou hoje o Instituto Nacional de Estatística de Angola (INE). “A variação homóloga situa-se em 27%, registando um acréscimo de 2,24 pontos percentuais em relação à observada em igual período do ano anterior (Março de 2021)”, lê-se na nota hoje divulgada em Luanda, que aponta que “comparando a variação homóloga actual com a registada no mês anterior verifica-se uma desaceleração…

Leia mais

CABO VERDE ACEITA COLEIRA DO FMI

O primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, anunciou hoje, no parlamento, que o Fundo Monetário Internacional (FMI) vai apoiar Cabo Verde com um programa de reformas, no contexto da crise económica, prevendo “condições muito favoráveis de financiamento”. Ou seja, vão escolher a raposa para guardar o galinheiro. “Vamos fechar um bom programa, que vai permitir, em condições muito favoráveis de financiamento, assegurar e garantir as condições para fazermos face a este embate, a crises acumuladas e ao mesmo tempo proporcionar reformas que são necessárias para aumentar a resiliência do país”,…

Leia mais

QUANDO DESPEDIR SE CHAMA REFORMAR

O ministro dos Transportes angolano, Ricardo Abreu, negou hoje, em Luanda, a existência de despedimentos na companhia aérea de bandeira, TAAG, afirmando que estão em curso processos de reforma. “Nesta altura, não existem despedimentos em curso na TAAG. O que a TAAG e a sua gestão estão a fazer é regularizar os processos de reforma e aposentação dos quadros que atingiram essa idade legal. Este não é um processo de despedimento, e sim uma simples regularização do estatuto profissional de algumas pessoas que estão em idade de reforma”, salientou o…

Leia mais

HOSPITAIS SEM CAPACIDADE DE RESPOSTA

Pacientes e familiares queixaram-se hoje da morosidade no atendimento e das condições de acomodação dos hospitais públicos de Luanda, onde o número de doentes nas urgências duplicou no primeiro dia de greve dos médicos “por tempo indeterminado”. A necessidade da melhoria dos serviços ambulatórios foi apontada como uma das dificuldades de quem acorre aos serviços de urgência das unidades hospitalares da capital angolana, sobretudo quando estes registam uma procura considerável, como constatou a Lusa numa ronda pelos principais hospitais de Luanda. Com os médicos em greve a partir das primeiras…

Leia mais

SALÁRIOS EM ATRASO NA SODIBA

O Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado (IGAPE) confirmou que 160 funcionários da Sodiba, empresa de Isabel dos Santos que foi alvo de arresto, têm salários em atraso, garantindo estar à procura de uma solução. “Estamos à procura de uma solução que permita desbloquear os recursos financeiros necessários para investir na linha de produção da Luandina e da Sagres”, disse uma fonte do IGAPE, escusando-se a detalhar quais os valores estimados. “Não há ainda um valor definido, estamos a analisar com a gestão da Sodiba”, acrescentou. A…

Leia mais

COVID-19 (TAMBÉM) É NOME DE BARBEARIA

Covid-19 foi provavelmente uma das palavras mais pesquisadas na Internet desde 2020, que mais se continua a ouvir e certamente a que todos querem esquecer. Mas em Angola, há também quem queira marcar esta época, baptizando a sua barbearia, nascida em tempos de pandemia, com o nome da doença. A placa desta barbearia angolana que ostenta orgulhosamente o nome de “Covid-19” não passa despercebida a quem atravessa Ndalantando, capital da fértil província do Kwanza Norte, sobretudo num dia de Sol que torna ainda mais luminosos os contrastes do azul do…

Leia mais

ECONOMIA NÃO RECUPERA DA PANDEMIA ATÉ 2023

A economista Helena Afonso, do Departamento das Nações Unidas para Assuntos Económicos e Sociais (UNDESA), afirma que “a economia de Angola em 2022 deverá crescer pela primeira vez em seis anos, depois de ter contraído 4% em 2020, a quinta consecutiva e a mais grave em 30 anos, e em 2021 estimamos um crescimento nulo dada a menor produção petrolífera, apesar do aumento dos preços”. Em declarações à Lusa na sequência da divulgação do relatório sobre a Situação e Perspectivas Económicas Mundiais deste ano, na quinta-feira, Helena Afonso afirmou que…

Leia mais

HOTELEIROS ESTENDEM A MÃO AO GOVERNO

A Associação dos Hotéis e Resorts de Angola (AHRA) considerou hoje que o turismo interno “está a revitalizar-se”, fruto da diminuição das viagens internacionais, exortando o Governo a uma “maior compreensão e apoio financeiro” ao sector. “O que precisamos é de apoio financeiro em condições de viabilidade económica e financeira no âmbito dos programas de revitalização da economia, cuja responsabilidade é dos órgãos do Estado”, afirmou o presidente da AHARA, Ramiro Barreira. Numa mensagem, divulgada por ocasião do Ano Novo, o responsável disse esperar, em 2022, “uma maior compreensão das…

Leia mais

AS (DE)LONGAS ESTRADAS DO… PARAÍSO

A proposta de Orçamento Geral de Estado (OGE) para 2022 prevê a asfaltagem de 456 quilómetros de estradas da rede primária e 69 da rede secundária. Mais do mesmo… há 46 anos. Conforme se lê no documento disponibilizado na página institucional do Ministério das Finanças, já em sede do Parlamento para discussões e aprovação na generalidade, a partir de amanhã, pretende-se também construir ou reabilitar 203 metros de pontes, construir 2.183 km de estradas em terra. Deve-se, igualmente, investir na conservação de 262 km de estradas, verificar e desminar 150…

Leia mais