CHULAR O POVO E QUERER QUE ELE AGRADEÇA

O director do departamento africano do Fundo Monetário Internacional (FMI), Abebe Aemro Selassie,  disse hoje que é preciso “dar crédito a Angola” por ter continuado a implementar as reformas apesar das dificuldades, e acrescentou que brevemente os esforços darão frutos. Para os angolanos só é preciso continuar a fazer o que fazem há 46 anos… esperar. “Quando o programa de ajustamento financeiro começou, em 2018, ninguém antecipava a pandemia e as terríveis consequências que teria, mas em termos das reformas de que o país precisava, Angola merece muito crédito por…

Leia mais

E o pior de todos é… Angola

Todos os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) vão voltar a ver as suas economias crescer este ano, com excepção de Angola, que continua em recessão, segundo as estimativas do Fundo Monetário Internacional (FMI). De acordo com as Previsões Económicas Mundiais, hoje divulgadas no âmbito dos Encontros Anuais do FMI e do Banco Mundial, que decorrem esta semana, o crescimento negativo de Angola, estimado em 0,7% este ano, é a única contracção nas economias lusófonas, que crescerão, em média, 2,5%, tal como o Folha 8 escreve no artigo «FMI…

Leia mais

FMI piora previsões de crescimento

O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou a previsão de crescimento para Angola, antecipando agora uma recessão de 0,7%, a sexta queda anual consecutiva da riqueza do país, que deverá crescer 2,4% em 2022. Deverá. Ou será mais uma forma de azucrinar os peritos económicos (quatro ministros nos quatro anos de governo de João Lourenço)? De acordo com as Previsões Económicas Mundiais, hoje divulgadas no âmbito dos Encontros Anuais do FMI e do Banco Mundial, que decorrem esta semana, o segundo maior produtor de petróleo na África subsaariana vai registar o…

Leia mais

Tirando o que está mal… tudo está bem

A economia de Angola terá registado um crescimento de 1,2% no segundo trimestre deste ano face ao período homólogo de 2021, mas teve uma queda de 2,4% face aos primeiros três meses do ano, segundo dados oficiais. Bem que INE poderia omitir qualquer comparação homóloga… De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), a economia de Angola registou uma expansão de 1,2% de Abril a Junho deste ano, o que representa o maior crescimento desde o primeiro trimestre de 2019, ainda antes da pandemia de Covid-19, quando…

Leia mais

Crescimento e desenvolvimento urbano da cidade de Luanda

Luanda foi fundada em 1575 com a chegada de Paulo Dias de Novais. O povoamento iniciou-se em torno da fortaleza erguida numa elevação junto à baía de Luanda. A nomeação de “Loanda” foi dada em meados do século XVII. Até então a cidade era designada por São Paulo de Assumpção cujo núcleo nasceu com a construção do hospital e da Igreja na hoje ainda chamada Cidade Alta. Por Andrea Carina de Almeida Bettencourt (*) A cidade desenvolve-se em dois níveis muito marcantes: A Cidade Alta, onde se localizam o centro…

Leia mais

Há mais comida nos contentores (do lixo)

A agência de notação financeira Standard & Poor’s considera que Angola deverá manter-se novamente em recessão este ano, regressando ao crescimento apenas em 2022, salientando a queda na produção petrolífera e a lentidão na vacinação. Que chatice. Se ao menos ouvissem os peritos dos peritos angolanos (todos do MPLA) evitariam estes “erros” e saberiam que a culpa é do líder da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, das redes sociais e da oposição das couves que teimam em morrer (coisa estranha) por serem plantadas com a raiz para cima… “A perspectiva…

Leia mais

Controlador financeiro versus quadratura da elipse

A ministra das Finanças de Angola, Vera Daves, realçou hoje, em Luanda, o crescimento ainda que “tímido” verificado no primeiro trimestre deste ano comparativamente ao quarto trimestre de 2020. Bem que o MPLA poderia, quiçá, obter melhor crescimento se o comparasse com o primeiro trimestre do ano em que Diogo Cão se filiou no partido… Vera Daves, que procedia à apresentação na Assembleia Nacional do Relatório de Execução Orçamental do primeiro trimestre, salientou que o país registou uma taxa de crescimento negativa, de menos 3,4%, comparativamente ao mesmo período de…

Leia mais

Decretada retoma da economia

O ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos, “decretou” uma retoma gradual da actividade económica em Angola, com a reabertura de empresas que estiveram limitadas durante o período crítico da pandemia da Covid-19 em Angola. A decisão teve a concordância do Presidente do MPLA, do Presidente da República e do Titular do Poder Executivo… Sérgio Santos, que falava à imprensa, à margem do acto de apresentação pública da Associação Angolana dos Jovens Produtores (AAJP), em Luanda, afirmou que se regista um novo dinamismo da produção nacional, com o surgimento de…

Leia mais

Burros de pijama às riscas não são zebras

O ministro de Estado e da Coordenação Económica de Angola, Manuel Nunes Júnior, disse hoje que as últimas previsões do governo apontam para uma estagnação em vez de recessão económica este ano e um regresso aos saldos positivos. Ou seja, diz o contrário do que disse em Abril e repete – como se fosse novidade – o que afirmou no passado dia 28 de Maio o Ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos. Manuel Nunes Júnior, que falava em conferência de imprensa sobre os resultados da quinta avaliação do programa…

Leia mais

Chulam África até ao tutano

O director do departamento africano do Fundo Monetário Internacional (FMI) considerou hoje que o continente enfrenta uma “divergência perigosa” face ao resto do mundo em termos de vacinas e de crescimento económico decorrente da pandemia. “A recuperação é mais anémica do que gostaríamos, temos um crescimento de 6% no mundo, e na África subsaariana é de 3,4% este ano, queríamos que fosse ao contrário, porque esta é uma divergência perigosa”, afirmou Abebe Aemro Selassie, durante a Cimeira da Paz, que decorre na véspera da realização da cimeira sobre o financiamento…

Leia mais