No reino de Obiang, 90 anos
de prisão. Parabéns à… CPLP

A Guiné Equatorial condenou a penas de prisão até 90 anos quatro opositores detidos no ano passado no Sudão do Sul por suposta associação com uma alegada tentativa de golpe de estado em 2017, segundo informação oficial. Os condenados são Martin Obiang Ondo (advogado), Bienvenido Ndong Ondo (empresário) e Feliciano Efa Mangue (soldado do exército espanhol), sentenciados a 90 anos de cadeia, além de Julio Obama Mefuman (ex-cabo do exército espanhol), a quem foi decretada uma pena de 60 anos de cadeia, segundo a sentença do Tribunal Militar, divulgada pelos…

Leia mais

“(Não) vamos perder tempo com julgamentos”

O Presidente da República de Angola (não nominalmente eleito, recorde-se) congratulou-se hoje com os resultados da justiça nos dois anos de mandato, com dez vezes mais inquéritos do que nos cinco anos anteriores e recuperação de milhões de dólares para o Estado. Que sorte teve João Lourenço. Se o anterior PGR fosse sério e íntegro, onde estaria hoje o Presidente do MPLA? Discursando na Assembleia Nacional sobre o Estado do seu reino, na abertura do ano legislativo, João Lourenço referiu que o departamento de combate à corrupção da Procuradoria-Geral da…

Leia mais

“Condenação encomendada”, afirma a CASA-CE

A segunda força da oposição angolana, CASA-CE, afirmou hoje que a Constituição foi “atentada e subvertida” com a condenação “encomendada” de 17 activistas, com penas até oito anos de cadeia pelo tribunal de Luanda. A posição consta de um comunicado do conselho presidencial da Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA-CE), no qual aquele órgão diz ter tomado conhecimento, “com bastante preocupação e repulsa”, da condenação dos activistas, por supostos e não provados actos preparatórios para uma rebelião e associação de malfeitores. “Num Estado democrático e de…

Leia mais

“Farsa do Executivo”

A UNITA, maior partido da oposição em Angola, classificou hoje o julgamento e a condenação de 17 jovens activistas a prisão efectiva como “uma farsa do executivo angolano para coarctar liberdades e intimidar a população”. “Nós temos vindo a dizer, muito antes deste veredicto final agora anunciado, que este processo era eminentemente político, porque estes homens foram detidos quando liam livros, o que é uma actividade normal para jovens estudantes universitários”, disse o porta-voz da UNITA, Alcides Sakala, em declarações à Lusa. O tribunal de Luanda condenou hoje, embora a…

Leia mais

BD e GAPPA reagem às condenações

O Bloco Democrático e o GAPPA-Grupo de Apoio aos Presos Políticos Angolanos, reagiram de forma violenta às condenações dos jovens activistas. Reflectem, aliás, o sentimento generalizados dos angolanos de bem. “Foi com grande atenção que o Bloco Democrático (BD), recebeu pela imprensa e pelas redes de activistas a informação de que hoje terão sido condenados os vários activistas cívicos do Caso ou Processo dos 15+Duas, sem esquecer a condenação já com Dr. Mavungo em Cabinda. Este resultado já era de esperar baseando-nos na experiência e nos sinais que estavam a…

Leia mais

Dá para aprender alguma coisa com a China?

Dá para aprender alguma coisa com a China? - Folha 8

Dezasseis oficiais superiores das Forças Armadas chinesas foram “colocados sob investigação” em 2014 por suspeita de corrupção, anunciou hoje a imprensa oficial. O s três últimos processos conhecidos, instaurados em Novembro e Dezembro passado, envolvem nomeadamente o general Liu Zheng, vice-director do Departamento-geral de Logística do Exército Popular de Libertação (o nome oficial das Forças Armadas da China, constituída por cerca de 2,3 milhões de efectivos). Liu Zheng substituiu em Dezembro de 2012 o general Gu Junshan, afastado por ter alegadamente recebido mais de 600 milhões de yuan (cerca de…

Leia mais