Para ganhar volta a valer tudo

A UNITA “repudia e deplora veementemente” as declarações do Ministro do Interior e do 1º Secretário Provincial de Luanda do MPLA, Bento Bento, segundo as quais, “a UNITA está a mobilizar elementos afectos ao Movimento Revolucionário para efectuar manifestações violentas nas ruas de Luanda contra o MPLA e o seu líder durante a realização do Congresso extraordinário desse partido”. Quando é que isto se passou? Não, não foi agora depois da cura de patriotismo e de reeducação ministrada pelo MPLA a Bento Bento. Foi exactamente em Novembro. Novembro de… 2014.…

Leia mais

Quadrilheiros e outros mafiosos

O jornalista Carlos Alberto diz que Celso Malavoloneke foi agente duplo, explicando que na época da guerra, quando Malavoloneke trabalhava para ONU, foi agente duplo ao serviço do MPLA e também da UNITA. O ex-Secretário de Estado da Comunicação Social diz que o vai processar. Por Orlando Castro O Jornal de Angola, órgão oficial do MPLA, correia de transmissão do regime, atacou violentamente nos dias 18 e 19 de Novembro de… 2014, todos aqueles, nomeadamente portugueses, que não se curvavam perante o sumo pontífice do regime, o então “escolhido de…

Leia mais

Triunvirato despótico

Angola “celebra” hoje o 19º Aniversário do Dia da Paz e da Reconciliação Nacional, apenas – segundo o triunvirato que governa o país – “alguns dias depois de termos assinalado com o devido relevo, o Dia da Libertação da África Austral”. Triunvirato unipessoal (Presidente da República, do MPLA e Titular do Poder Executivo) que dá pelo nome de João Lourenço. Por Orlando Castro “Essas duas datas estão intrinsecamente ligadas, pois o dia 23 de Março consagra a nossa vitória na Batalha do Cuíto Cuanavale sobre o Exército do regime do…

Leia mais

Réquiem pelo 4 de Abril

João Lourenço, Presidente da República de Angola (não nominalmente eleito), igualmente Presidente do MPLA (partido no Poder há 45 anos) e Titular do Poder Executivo, considerou hoje que Angola “ressuscitou das cinzas para a vida” no dia 4 de Abril de 2002, data que o país registou o fim da guerra, sendo “obrigação de cada angolano proteger essa vida”. Ou seja, segundo João Lourenço, cabe a cada angolano fazer o que o primeiro presidente e herói nacional do MPLA, Agostinho Neto, não fez em 27 de Maio de 1977 quando…

Leia mais

ACJ “merece estima e apreço dos angolanos”

O Adalberto está na moda e o “da Costa Júnior” também, face ao seu carácter reconciliador e de coerência, que metem medo ao seu principal adversário. Quem o ouve, quem o lê, sente estar diante de um homem equilibrado e só mesmo um grande sacana, safado, mal educado e invejoso pode odiar um homem com a grandeza da sua estrutura ética e moral, moldada muito antes de se ter tornado presidente da UNITA ou militante deste partido. Por Fernando Vumby (*) Conheço-o desde os tempos de estudante na cidade invicta…

Leia mais

Escrutinar o Poder? É mais fácil as galinhas terem dentes

O grupo parlamentar da UNITA, o principal partido da oposição que o MPLA ainda (não se sabe por quanto tempo) permite em Angola, submeteu hoje ao presidente da Assembleia Nacional (do MPLA) pedidos de audições a vários responsáveis ministeriais, para esclarecerem situações que afectam os seus sectores. A iniciativa foi divulgada pelo líder do grupo parlamentar da UNITA, Liberty Chiaka. Segundo o deputado, o grupo parlamentar da UNITA pretende ouvir a ministra das Finanças, o governador do Banco Nacional de Angola e o presidente do Conselho de Administração do Banco…

Leia mais

Para o MPLA, governar é… destruir a UNITA

A UNITA, o maior partido da oposição que o MPLA ainda permite (não se sabe por quanto tempo) que exista em Angola, acusou hoje o Governo do MPLA (que só está no Poder há 45 anos) de ter “um plano para acomodar os que se oferecem em diabolizar” o seu líder, afirmando que combater Adalberto da Costa Júnior “é a sua única agenda de governação”. Isto, acrescente-se, para além do apoio ao mercado imobiliário já que cada sipaio da UNITA que diga mal do seu líder poderá ser gratificado com…

Leia mais

Lavadores ao serviço da mentira

Os Estados membros da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) celebram hoje o Dia da Libertação da África Austral. A data, instituída pela organização regional, em 2018, assinala – segundo os ensinamentos de Joseph Goebbels, o guru do MPLA – a vitória das então Forças Armadas Populares de Libertação de Angola (FAPLA) e das tropas cubanas sobre o exército racista sul-africano, na batalha sangrenta do Cuito Cuanavale, no Cuando Cubango. Em entrevista ao Pravda do MPLA (Jornal de Angola), o embaixador da Namíbia em Angola, Patrick Nandago, reconheceu o…

Leia mais

KO no primeiro “round”

A Assembleia Nacional (do MPLA) de Angola aprovou hoje – numa mera formalidade recomendada quando se quer fingir que o país é uma democracia – a proposta de revisão pontual da Constituição da República, apresentada pelo Presidente do MPLA, com a UNITA, maior partido da oposição que o MPLA ainda permite, a abster-se na votação. A proposta, como estava determinado por quem manda, passou com 157 votos a favor do MPLA, da CASA-CE, do PRS e da FNLA, e a abstenção da UNITA e de deputados (in)dependentes. Na apresentação da…

Leia mais