Urgência de um FMI mais
sábio e mais experiente

Angola não é a Venezuela. Angola não é a Coreia do Norte. Angola não é a Grécia. Mas Angola pode aprender com o seu irmão europeu. Estamos falidos. Na bancarrota. É preciso dinheiro e mudar tudo, e que este venha do FMI e não da China, Israel, Rússia ou até dos cínicos alemães. Por Brandão de Pinho Quando um cidadão não tem dinheiro nem disciplina ou sabedoria para o vir a ganhar ou, sequer, para ter as condições mínimas de dignidade para se propor a um trabalho para receber o…

Leia mais

Carta aberta da UNITA ao Embaixador na Alemanha

O representante da UNITA junto das comunidades angolanas na República Federal da Alemanha, João Kanda Bernardo, escreveu uma Carta Aberta ao Chefe da Missão Diplomática da República de Angola em Berlim, General Alberto Correia Neto, a propósito dos “Emolumentos Consulares e Diversos”, que o Folha 8 revela na íntegra. «S ua Excelência, antes de tudo queira aceitar as nossas cordiais saudações. Do nosso lado as coisas correm na medida do possível e desejamos que esta carta lhe encontre no gozo de boa saúde e disposição. O intervalo que separa a…

Leia mais

Angola deve a Portugal
cinco milhões de dólares
de serviços médicos

A dívida de Angola com tratamento médico de cidadãos angolanos em Portugal ronda os cinco milhões de dólares, anunciou hoje o embaixador angolano em Lisboa. Marcos Barrica disse que, por essa razão, os doentes em tratamento em Portugal passam por dificuldades. No dia 2 de Agosto de 2016 o Folha 8 escreveu: “Doentes angolanos em Lisboa passam fome”. “Há dificuldades reconhecidas, que não são novas, periodicamente temos vindo a reportar e estamos a acompanhar. Há dificuldades, temos que reconhecer isso”, afirmou Marcos Barrica, em declarações à Rádio Nacional de Angola.…

Leia mais

Temos 6.400 médicos. Deveríamos ter 28 mil

Angola conta actualmente com 6.400 médicos para uma população de cerca de 28 milhões de habitantes, número que a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, considera insuficiente, defendendo por isso uma maior aposta na formação de quadros. Sílvia Lutucuta, que falava à imprensa no final da sessão de abertura do XII Congresso Internacional de Médicos em Angola, que hoje arrancou em Luanda, recordou a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), que para cada mil habitantes exista um médico. Nessa estatística, Angola deveria ter 28.000 médicos ao serviço, quando no quadro…

Leia mais

Estudantes na Rússia apelam a João Lourenço

Os estudantes angolanos na Federação da Rússia enfrentam há muito tempo uma situação de sobrevivência que consideram “deplorável”. Os seus apelos públicos caem em saco roto. Por isso, com esperanças renovadas, escrevem agora uma carta aberta ao Presidente da República, João Lourenço. Eis o conteúdo dessa carta aberta com o assunto: S.O.S. sobre situação deplorável dos Estudantes na Federação da Rússia. “Senhor Presidente da República, Antes de mais, endereçamos cordiais saudações pela espinhosa missão, que doravante, tem de dirigir os destinos de Angola e dos Angolanos. Senhor Presidente, Somos humildes…

Leia mais

Jornalistas criticam homenagens do Sindicato

Vários jornalistas angolanos criticaram nas redes sociais as homenagens feitas pelo Sindicato dos Jornalistas Angolanos (SJA), que celebrou a 28.03.2017 os seus 25 anos de existência. O evento homenageou 25 figuras e instituições do jornalismo angolano que contribuíram para a promoção da liberdade de imprensa, de expressão, e na edificação do sindicato dos jornalistas. Por Pedrowski Teca Para alguns jornalistas, nas suas 25 homenagens, o Sindicato dos Jornalistas Angolanos “pecou por excesso e por e defeito”, e foi preconceituoso por consagrar apenas os jornalistas de Luanda. Para o jornalista Agostinho…

Leia mais

Twapandula princesa Diana

Os Estados Unidos da América vão doar quatro milhões de dólares para o programa de desminagem de Angola, mas o país precisa de 246 milhões de dólares para cumprir o objectivo de concluir a limpeza até 2025. Isto se, entretanto, o dinheiro não “explodir” noutras frentes mais do agrado do regime de sua majestade o rei José Eduardo dos Santos. O anúncio da disponibilização desta verba pelo Departamento do Estado, a aplicar este ano, foi feito hoje no Huambo por Constance Arvis, ministra conselheira da embaixada norte-americana em Luanda, no…

Leia mais

Crise reduz participação nos Jogos Olímpicos

Mais de 20 atletas angolanos procuram em Agosto, nos Jogos Olímpicos Rio2016, novas marcas nacionais em seis modalidades, numa participação condicionada pela crise em Angola e reduzida face às competições anteriores. Em entrevista à agência Lusa, o presidente do Comité Olímpico Angolano, Gustavo da Conceição, admitiu que as dificuldades financeiras, económicas e cambiais que afectam o país, devido à quebra nas receitas da exportação de crude, influenciaram a preparação destes Jogos. “Neste período de dificuldades financeiras e de acesso às divisas, enfrentamos um conjunto de problemas de ordem organizativa e…

Leia mais

Desespero dos estudantes na Roménia

Os estudantes angolanos na Roménia, perante as dificuldades económicas e financeiras, escreveram ao Director do Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo – INAGBE expondo o seu problema. Da carta, que a seguir o Folha 8 revela, foi enviada cópia ao Ministro do Ensino Superior, ao Vice-Presidente Manuel Domingos Vicente, ao Embaixador da República de Angola na Sérvia e ao Chefe do Sector Consular de Angola na Roménia. “Nós, estudantes angolanos na Roménia, distribuídos nas mais diversas Universidades, Regiões/Cidades e Estados e em variados Cursos de Graduação, matriculados sob…

Leia mais

Carta aberta ao Presidente de Angola

“Caro Presidente, escrevo esta carta com intuito de expor a minha opinião em relação às restrições financeiras em Angola, concretamente à proibição de mandar dinheiro para o exterior. Antes de prosseguir irei apresentar-me. Sou um jovem angolano de 25 anos, não tenho nenhuma filiação política e não escrevo esta carta com o intuito de crítica, mas sim para expor a sua Excelência as dificuldades que os angolanos que estão no exterior estão a passar e propor alguma solução. Sua Excelência Presidente José Eduardo dos Santos, nós estudantes angolanos no exterior…

Leia mais