São geradas com fome, nascem com fome, morrem com fome

Metade das crianças com idade entre seis meses e dois anos de 91 países não faz o número mínimo de refeições recomendadas por dia, enquanto dois terços não têm a dieta variada necessária para se desenvolverem adequadamente. A denúncia, recorrente, é feita pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), num relatório hoje divulgado. “Os resultados do relatório são claros: Numa fase em que muito está em jogo, milhões de crianças pequenas sentem a ameaça do fracasso”, declarou a directora da UNICEF, Henrietta Fore, citada num comunicado que insta…

Leia mais

Kahama e Kuroca, os campos para a morte

A vida é uma bênção, mas também uma incógnita e um oceano de adversidades, confrontada, no quotidiano com luta, batalha, guerra, tristeza, alegria, filhos, família e sonhos. A liberdade, como bem maior, tem na felicidade a melhor aliada, para um ser humano credibilizar a sua soberania. Sócrates (470-399 aC), o grande filósofo dizia: “A vida não examinada não vale a pena ser vivida”. Por William Tonet O Folha 8 ouviu, viu e sentiu o clamor, gemeres e sentires das suas gentes, vindas do interior do torrão identitário e, ao contrário…

Leia mais

Boçalidade política coloca os angolanos pior que os cães

O clima de tensão, nos últimos quatro anos, está em crescendo, em função do fracasso, raiva, selvajaria e boçalidade da política económica liderada por Manuel Nunes e cegamente apoiada pelo Titular do Poder Executivo. Por William Tonet Angola, pela incompetência e falta de visão de desenvolvimento sustentado do território, pelo partido que sustenta o Executivo, está colocada sob a bota abjecta e neocolonialista do FMI (Fundo Monetário Internacional). Nos países civilizados, conduzidos por dirigentes comprometidos com a cidadania e a democracia, existem três órgãos de poder de Estado: Legislativo, Executivo,…

Leia mais

Terrorismo alimenta-se da pobreza

O académico moçambicano Domingos do Rosário considera que a presença militar estrangeira não vai acabar com a insurgência armada na província de Cabo Delgado, norte de Moçambique, enquanto não forem combatidos os “altos níveis de pobreza na região”. Domingos do Rosário fez o alerta na análise intitulada “Por um entendimento da intervenção militar ruandesa no combate ao ´jihadismo` em Cabo Delgado” publicada no boletim “Diálogos: governação” da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), a maior e mais antiga do país. “Enquanto a sociedade local continuar fora de um Estado completamente ausente, registarem-se…

Leia mais

Cães matam mulher em Benguela

Uma mulher morreu, na província angolana de Benguela (a tal que era para ser a “nossa” Califórnia), depois de ter sido atacada por dois cães da raça rottweiler, informou o Instituto Nacional de Emergência Médica de Angola (INEMA). Segundo o responsável do INEMA em Benguela, Hernâni Francisco, a vítima, de 60 anos, foi atacada, domingo, nas imediações do bairro Caluhumbo, zona B, do município sede da província. “Dia 5, numa das residências, passavam duas senhoras e ela foi mordida até à morte, a nossa equipa foi até ao local, ainda…

Leia mais

Operação… “task force” (da seca)

O Governo angolano criou, alinhando na moda internacional, uma “task force” para acompanhar a distribuição de ajuda para as vítimas da seca no sul de Angola, tendo sido enviadas 5.176 toneladas de bens desde 2019, das quais 840 este ano, foi hoje anunciado. Enviadas terão sido, se chegaram aos destinatários é outra questão. O anúncio foi feito pela ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, coordenadora de (mais) uma comissão de acompanhamento e resposta à seca no sul de Angola, e pelo ministro de Estado e chefe da…

Leia mais

Num não-país vale (mesmo) tudo

A situação económica de Angola é “muito periclitante” afirma o economista angolano Alves da Rocha, alertando para que o financiamento da campanha para as próximas eleições gerais de 2022 pode ter impacto no défice orçamental. E sendo assim… se calhar o melhor é prorrogar o mandato anterior do MPLA por mais… 54 anos. “Estamos numa situação muito periclitante”, disse à Lusa Manuel Alves da Rocha, resumindo desta forma as conclusões do relatório económico de Angola (2019-2020), produzido pelo Centro de Estudos e Investigação Científica (CEIC) da Universidade Católica de Angola,…

Leia mais

Está difícil viver sem… comer

Cidadãos em Luanda dizem-se “desiludidos” com a governação de João Lourenço, eleito (não nominalmente) há quatro anos, apontando a “degradação socioeconómica, o desemprego e altos preços dos produtos” como “grandes males”, enaltecem o combate à corrupção, mas pedem “resultados práticos”. João Lourenço foi eleito como cabeça-de-lista do partido vencedor, o MPLA, em 23 de Agosto de 2017 como novo Presidente da República em substituição de José Eduardo dos Santos, que esteve no Poder durante 38 anos. Populares em Luanda consideraram hoje crítica a situação do país, com o “escalar” do…

Leia mais

Angosat, fome… MPLA

O Governo angolano, nas mãos do MPLA desde a independência, mantém o prazo de lançamento e colocação em órbita, no próximo ano, do Angosat-2, um satélite de telecomunicações de alto rendimento. Angola é, neste momento, o único país da Região Austral do Continente Africano, que possui mais de 60 técnicos superiores em engenharia aeroespacial, e uma infra-estrutura capaz de operar três satélites de grande dimensão em simultâneo. Será que vamos mandar para o espaço (eventualmente para outro planeta) os nossos 20 milhões de pobres? O Angosat-2 deverá entrar em órbita…

Leia mais

Caviar e Château-Grillet para o MPLA

A desnutrição (fome na linguagem dos nossos 20 milhões de pobres) provocou a morte de 87 crianças no primeiro semestre do ano na província angolana de Benguela, um aumento de quatro casos em relação ao mesmo período de 2020, informou hoje fonte sanitária local. Segundo a supervisora municipal do programa de nutrição em Benguela, Filomena Manuel, o desmame precoce e uma dieta alimentar desequilibrada estão na base do aumento de casos de crianças desnutridas, com idades até aos cinco anos. Filomena Manuel, citada pela agência noticiosa angolana, Angop, referiu que…

Leia mais