Anedota do ano!

O procurador-geral da República (PGR) angolano desafiou hoje os filhos do ex-Presidente José Eduardo dos Santos para apresentarem queixas, “com provas fundamentadas”, sobre alegadas perseguições e ameaças de que dizem ser alvo em Angola. O general Hélder Pitta Grós conseguiu, mesmo a acabar ano, ser o mais do que provável vencedor da mais brilhante anedota de 2019. “Não, eles [os filhos do ex-Presidente angolano] é que têm que ser mais concretos e dizer qual o tipo de perseguição que existe. Não podemos abrir processos sob coisas muito abstractas”, afirmou Hélder…

Leia mais

MPLA criou a sua PIDE
mas chamou-lhe… ERCA

O jornalista e conselheiro da ERCA – Entidade Reguladora da Comunicação Social Angolana (sucursal do MPLA para este sector que inclui também o Ministério da Comunicação Social), Carlos Alberto, denunciou hoje uma alegada “perseguição política criminosa” de que será alvo da parte de militantes do MPLA, partido no poder, afectos ao órgão, e “teme pela vida”. “E stamos, portanto, perante uma perseguição política criminosa e de coacção psicológica clara contra a minha pessoa devido, em meu entender, a uma incompetência generalizada, incluindo o sector da comunicação social, do partido MPLA,…

Leia mais

Rainha de África, princesa de Portugal

O povo – presumivelmente o másculo – andou entretido com a disputa até ao ultimo minuto do Girabola entre o D’agosto e o Petro (agora sem a liquidez financeira da Sonangol de outros tempos), com a taça de Angola de futebol e o campeonato africano de clubes de basquetebol. Tudo açambarcado pelos militares. Sinais dos novos tempos e do seu poder? Por Brandão de Pinho Sendo assim e tendo tudo isso já terminado, poderia haver um interregno para esse mesmo povo prestar atenção ao que vem acontecendo em Angola de…

Leia mais

Vingança servir-se-á fria?

Não tenho dúvidas nenhumas que se as eleições presidenciais de Angola dependessem dos votos dos portugueses ou até dos restantes habitantes do planeta Terra incluindo os africanos, JLo ganharia com percentagens estalinistas tal a forma eficiente como a máquina propagandista emepeliana trabalha. Por Brandão de Pinho Todavia para já e até ver – mesmo que porventura nem todos possam poder exercer o direito de voto nas autárquicas – só os angolanos inscritos nos cadernos eleitorais poderão participar no escrutínio para eleger o próximo presidente da República de Angola. Muitas vezes…

Leia mais

Médico espanhol teme
pela vida de Dos Santos

A situação social em Angola poderá estar à beira de uma crise de grandes repercussões políticas se vier a consumar-se um eventual suicídio, ou morte prematura, do ex-Presidente da República, José Eduardo dos Santos que se nega a deslocar-se a Espanha (há cerca de 5 meses), onde se encontra a equipa médica que o vem seguindo, nos últimos tempos. A razão principal, poderá estar ligada com a prisão do filho, Zenú dos Santos. Por William Tonet O antigo presidente do Fundo Soberano foi indiciado num processo – crime n.º22/18-DNIAP, cujos…

Leia mais

Vergonhosa “justiça” de chicote, como na escravatura

Na sua edição de sexta-feira, 25 de Janeiro, sob o título “Rabelais impedido de deixar o País”, o Jornal de Angola, que continua a ser (pese a maquilhagem) o órgão oficial do regime, noticiou que o deputado Manuel António Rabelais viu gorada a sua intenção de se deslocar à Portugal por duas razões, supostamente verdadeiras: Ausência de autorização do Presidente da Assembleia Nacional e convocatória para prestar declarações à PGR, na próxima terça-feira, amanhã, portanto. A reacção, em comunicado, do deputado eleito na lista do MPLA, Manuel Rabelais, não se…

Leia mais

Tudo igual. Perseguição política “ad hominem”

“Que um dia a Justiça seja feita, independente de se saber se vai levar muito tempo, mesmo você não vendo ou não estando lá. Porque a verdade é uma das maiores riquezas que o tempo faz o favor de trazer, e o ser humano não pode renunciar” (Gislainne Sucupira). Por Orlando Castro O regime, dizem os eufóricos, mudou. A Angola de ontem, nunca mais. Balelas! Na prática, mudou, o que nada mudou. Os injustiçados de ontem, são os perseguidos de hoje. Só não vê quem, voluntariamente ou não, quer ser…

Leia mais

A islamofobia do regime

O representante da comunidade islâmica em Angola denuncia laivos de islamafobia no país e acusa Angola de ser “o único país do mundo” que “nunca reconheceu” a religião islâmica, apesar de estar implantada desde 1977. Numa altura em que Angola discute o caso de seis jovens angolanos muçulmanos detidos e acusados de associação ao grupo extremista Estado Islâmico, David Alberto Já (foto) afirma que o país “ainda está fechado”, recordando que “ninguém tem o direito de escolher que religião o cidadão angolano deve seguir”. “Repare apenas no pronunciamento de certos…

Leia mais

“É uma guerra contra o
Islão e os muçulmanos”

O Caso do Estado Islâmico é um “processo político com carácter de perseguição religiosa do islamismo em Angola” dizem os réus que são acusados pelo Ministério Público de organização terrorista. N uma carta intitulada “A tese da nossa defesa”, assinada por Ahmed Nlandu José (porta-voz do grupo), dizem que “não tem ligação com Estado Islâmico”. Cinco dos suspeitos estão em prisão preventiva desde Dezembro de 2016. Eis, na íntegra, o texto da carta agora divulgada: “O Estado Angolano, através das suas instituições continuam hostis contra o Islão e os Muçulmanos,…

Leia mais

Porque José Eduardo dos Santos me persegue tanto?

Estou a viver as primeiras horas, na semana do primeiro mês do ano 2017, na expectativa, ainda que improvável, de assistir uma governação mais coerente, responsável e cidadã, pelo menos nos aspectos fundamentais, como o Direito à vida. Por William Tonet Sou céptico. O ADN do Titular do Poder Executivo, parecer não ter a latitude de estender a mão a quem não gravite em torno do seu cordão umbilical, mesmo quando em causa está algo de muito mais nobre: Angola e os angolanos. Se o conseguisse, ou fosse sensível a…

Leia mais