Foi há 20 anos

Na manhã desse 11 de Setembro de 2001, 19 terroristas sequestraram quatro aviões comerciais de passageiros, levando-os a colidir dois deles contra as Torres Gémeas do complexo empresarial do World Trade Center, na cidade de Nova Iorque, nos EUA. O terceiro avião de passageiros colidiu contra o Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos EUA, no Condado de Arlington, Virgínia, nos arredores de Washington, D.C. O quarto avião caiu num campo aberto próximo de Shanksville, na Pensilvânia, depois de alguns de seus passageiros e tripulantes terem tentado retomar o…

Leia mais

Terrorismo alimenta-se da pobreza

O académico moçambicano Domingos do Rosário considera que a presença militar estrangeira não vai acabar com a insurgência armada na província de Cabo Delgado, norte de Moçambique, enquanto não forem combatidos os “altos níveis de pobreza na região”. Domingos do Rosário fez o alerta na análise intitulada “Por um entendimento da intervenção militar ruandesa no combate ao ´jihadismo` em Cabo Delgado” publicada no boletim “Diálogos: governação” da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), a maior e mais antiga do país. “Enquanto a sociedade local continuar fora de um Estado completamente ausente, registarem-se…

Leia mais

A propósito dos talibans

Nota prévia. Este texto de Eugénio Costa Almeida, um dos mais reputados especialistas angolanos em questões africanas, data de 26 de Setembro de 2005 e foi publicado no Notícias Lusófonas. A questão do terrorismo, também em África, é mais do que actual, como é há muito conhecida. Daí a importância deste texto: «A questão islâmica tem sido largamente debatida em Angola, havendo quem questione das vantagens do aparecimento e proliferação de mesquitas em Luanda e em algumas outras cidades angolanas O Semanário Angolenese (SA), sob o título ”As pegadas de…

Leia mais

UCCLA solidária com as vítimas de Cabo Delgado

Representantes das 55 cidades associadas da UCCLA (União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa), estiveram hoje reunidos e, para além da solidariedade com as vítimas do terrorismo em Cabo Delgado, Moçambique, apresentaram a proposta que o Folha 8 reproduz. «Considerando que a região de Cabo Delgado, em Moçambique, preencheu subitamente as manchetes dos media de todo o mundo; Considerando que tal facto se ficou a dever à divulgação de um ataque ainda mais traiçoeiro, que os anteriores, preparado com a intenção clara de ter repercussão internacional ao atingir não só…

Leia mais

Apelo dramático e urgente da UCCLA sobre Moçambique

O secretário-geral da UCCLA (União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa), Vítor Ramalho (foto), escreveu a todos os presidentes das cidades associadas da UCCLA, sensibilizando-os para a necessidade de todos contribuírem para uma convergência de esforços, com vista à necessidade de tudo se fazer para pôr termo à gravíssima situação que se vive em Cabo Delgado, Moçambique. Eis, na íntegra, o teor da carta: «Apelo com vista à concertação de esforços para que eficazmente contribuamos para pôr termo à indescritível desumanidade perpetrada por acções de grupos fanáticos que atingem cidadãos…

Leia mais

Formação no Sul, terrorismo no Norte

Os primeiros elementos do contingente português que vai ajudar na formação das forças militares moçambicanas partirão na primeira quinzena de Abril, confirmou o Ministério da Defesa de Portugal. E sendo assim, os terroristas têm tempo de sobra para continuarem a matar com toda a impunidade. O envio deste contingente de 60 militares portugueses, das forças especiais, é enquadrado pelo novo acordo-quadro de cooperação bilateral que está a ser ultimado pelos ministérios português e moçambicano, disse fonte da tutela. Em entrevista à Lusa divulgada no passado dia 17 de Fevereiro, o…

Leia mais

Uma vergonha chamada CPLP

O antigo secretário-executivo de uma “coisa” que existe “de jure” mas que “de facto” é só um elefante branco e que dá pelo nome de Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Murade Murargy, defendeu em Junho de 2020 que a organização devia ajudar Moçambique no combate aos ataques em Cabo Delgado, nomeadamente agindo “como um padrinho” na mobilização de apoios internacionais. Como moçambicano, Murade Murargy, que também fez parte de anteriores governos do seu país e foi chefe da Casa Civil de ex-Presidente Joaquim Chissano, disse, em entrevista à…

Leia mais

Tenha vergonha, senhor Silva!

Enquanto em Cabo Delgado, norte de Moçambique, morrem moçambicanos vítimas de ataques terroristas, o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, sorri, olha para o lado e justifica que a diplomacia europeia está a preparar o “documento político” de enquadramento da missão europeia de apoio ao combate ao terrorismo. Quanta hipocrisia, quanta vilanagem, quanto nojo. Por Orlando Castro “O Serviço de Acção Externa está a trabalhar com a Comissão Europeia no documento político de abordagem de crise, que é essencial para que a missão de…

Leia mais

Estrangeiros na rebelião

Vários cidadãos estrangeiros estão entre os envolvidos na rebelião armada registada na madrugada de sábado na vila mineira de Cafunfo, município do Cuango, província da Lunda-Norte, já que entre os detidos estão cidadãos estrangeiros, segundo o Jornal de Angola (JA), nomeadamente do… MPLA que foram instruídos e documentados para se apresentarem como sendo, por exemplo, da República Democrática do Congo (RDC). Por Artur José Queirós de Ribeiro Sénior e Silva “Uma fonte deste diário (embora anónima “cheira” a Artur Queirós) avança que a ideia dos insurrectos é criar uma guerrilha…

Leia mais

Refrescamento salobro

O novo ministro do Interior de Angola, Eugénio Laborinho, apontou hoje, entre as várias prioridades do mandato que agora inicia, o “combate à droga pesada e contra os barões da droga”. Promete, portanto, dar força à afirmação (feita hoje pelo Presidente de Angola, Presidente do MPLA e Titular do Poder Executivo, João Lourenço) de que a remodelação governamental (a próxima já está na calha) corresponde a um “ligeiro refrescamento do executivo”. Eugénio Laborinho falava à imprensa, no final da cerimónia de tomada de posse realizada pelo Presidente angolano, João Lourenço.…

Leia mais