MAIS UMA MEDALHA DE MORTE NO PEITO DO DITADOR

Partidários de Alexei Navalny acusaram hoje as autoridades russas de procurarem “apagar o rasto” dos “assassinos” ao recusarem entregar o corpo do opositor russo à família, numa altura em que decorrem várias manifestações em sua homenagem. pesar da dura repressão e dos avisos, centenas de russos participaram hoje em pequenas concentrações em várias cidades para prestar homenagem a este conhecido crítico de Vladimir Putin, que morreu na sexta-feira aos 47 anos numa prisão do Ártico russo. Desde sexta-feira, a polícia já efectuou centenas de detenções nestas manifestações, segundo a organização…

Leia mais

NINGUÉM ESCAPA À CRUZADA DE ASSASSINATOS

A liberdade é conferida quando a bolsa de nascimento rebenta e o (a) bebé dá o primeiro grito. É a primeira propriedade do ser humano. Sem o grito, não há vida! Não há liberdade! Não há cidadão! Mas, para desgraça da maioria dos povos, pode-se ter liberdade individual, mas não se ser um homem livre, ainda que, aparentemente, se tenha voz… Os povos angolanos, infelizmente, vivem há 48 anos sufocados na sua dignidade, sendo o grande e exclusivo responsável, o MPLA, cada vez mais conhecido por Menos Pão Luz Água.…

Leia mais

JORNALISTAS, AO MENOS MORRAMOS DE PÉ!

Segundo o artigo 3 do Código Deontológico dos Jornalistas (de Portugal), “o jornalista deve lutar contra as restrições no acesso às fontes de informação e as tentativas de limitar a liberdade de expressão e o direito de informar. É obrigação do jornalista divulgar as ofensas a estes direitos.” m grupo de jornalistas e académicos portugueses lançaram o site artigo37.pt, uma plataforma online para denunciar as restrições à liberdade de informação em Portugal. Por cá, por Angola, os Jornalistas continuam a lamber as feridas deixando os seus créditos por interesses alheios.…

Leia mais

REGIME QUER ASSASSINAR O “FOLHA 8”

O texto que se segue foi escrito por mim há mais de dez anos, era eu na altura editor de Política do Folha 8. Por uma questão de memória e porque a verdade (apesar das ordens superiores do MPLA) não prescreve, volto a publicá-lo. Como sempre foi aqui dito, em Angola não há jacarés vegetarianos: Por Orlando Castro Ministério da Comunicação Social (MCS), reflectindo desde logo pela sua própria existência a distância que nos separa de um democracia e de um Estado de Direito, entende que nós aqui no “Folha…

Leia mais

DIREITO DE ACESSO A LOCAIS PÚBLICOS

O Secretariado da Comissão da Carteira Profissional de Jornalista (CCPJ) de Portugal “tem vindo a receber cada vez mais denúncias de jornalistas que relatam o impedimento, permanência e ou restrições no acesso a locais públicos, ou na generalidade abertos à comunicação social, para realização de trabalho profissional sem que sejam apresentadas justificações plausíveis e enquadradas na lei”. mbora seja uma realidade diferente da que se vive em Angola, o Folha 8 toma a liberdade de publicar o comunicado da CCPJ, esperando que a (nossa) CCE – Comissão de Carteira e…

Leia mais

JORNALISTAS QUE PENSAM SÃO UM PERIGO (PARA O MPLA)

O jurista e jornalista Alcídio David defende a capacitação contínua e permanente da classe jornalística em matéria sobre responsabilidade criminal no exercício da profissão, à luz do novo Código Penal em vigor no país. Kofi Annan, ex-secretário-geral da ONU, disse que os jornalistas “deveriam ser agentes da mudança”. Recordam-se? lcídio David apresentou essa tese durante a defesa do seu trabalho de fim de curso para a obtenção do grau de licenciatura em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade José Eduardo dos Santos, com o tema “A responsabilidade criminal dos…

Leia mais

ANGOLA NÃO SE DEFINE – SENTE-SE!

O 3 de Agosto é o dia em que, no longínquo ano de 1934, na localidade de Munhango, nascia Jonas Malheiro Savimbi, Presidente Fundador da UNITA. Se estivesse em vida, Jonas Savimbi completaria hoje 89 anos. Jonas Malheiro Savimbi dedicou cerca de 44 anos da sua vida à luta por Angola e pelos angolanos. or esta ocasião e pelos seus feitos, o Secretariado Executivo do Comité Permanente da Comissão Política da UNITA enaltece, “com incomensurável gratidão, a nobre contribuição deste ilustre filho de Angola, nacionalista e patriota, que legou ao…

Leia mais

PEIXE PODRE E PORRADA DE CRIAR BICHO

João Lourenço, Presidente da Re(i)pública de Angola, Presidente do MPLA, Titular do Poder Executivo e Comandante-em-Chefe das Forças Armadas, diz regulamente que os angolanos (tal como todos os que não pensam como ele) são “burros, bandidos e lúmpenes”. Em nome desses angolanos agradeço a qualificação, desde logo porque ela significa que, em matéria de angolanidade, qualquer semelhança entre nós e João Lourenço é mera e ténue coincidência. Por Orlando Castro omos (des)governados há 48 anos pelo mesmo partido, o MPLA. Quererão os angolanos mais do mesmo? Não. Angola é um…

Leia mais

O DEUS DOS DEUSES

O polémico artigo 333º do novo Código Penal de Angola, que condena o ultraje à figura do Presidente da República e órgãos de soberania, é um retrocesso à liberdade de expressão e às regras basilares da democracia e do Estado de Direito. É por isso que o MPLA gosta tanto dele. Assim, em Angola, o Presidente (na sua tripla qualidade de também Presidente do MPLA e Titular do Poder Executivo) deixa de ser uma Pessoa Politicamente Exposta e ganha o título de, talvez, o intocável deus dos deuses… uma discussão…

Leia mais

É ISSO. É URGENTE DEFENDER ANGOLA E OS ANGOLANOS

O activista Luther “King” Campos manifestou-se hoje satisfeito pela restituição da sua liberdade, após ser condenado a um ano e 10 meses com pena suspensa, e prometeu “continuar a lutar” pela “necessidade urgente de defender Angola e os angolanos”. or isso, “graças a Deus fui restituído à liberdade, vamos continuar, nós temos uma necessidade urgente de defender Angola e os angolanos”, disse o activista, a partir da viatura dos serviços prisionais, à saída do tribunal, onde um grupo de activistas gritava “resistência”. O termo “resistência” tem sido uma palavra de…

Leia mais