Presidente exonera e nomeia altos oficiais das FAA e da Polícia

O Presidente angolano, João Lourenço, remodelou hoje, entre outras, as estruturas de topo das Forças Armadas Angolanas (FAA) e da Polícia Nacional, com substituições, promoções e alterações de posto, entre as quais a do juiz presidente do Tribunal Supremo, Joel Leonardo. Dezenas de oficiais generais e almirantes das FAA, bem como dirigentes de Polícia Nacional, foram exonerados, substituídos e nomeados para novos cargos, segundo oito decretos presidenciais hoje publicados em Diário da República e seis Ordens do Comandante-em-Chefe das FAA, por inerência de funções, o próprio general João Lourenço. Entre…

Leia mais

Fogo na palha(çada)

A quase patológica ânsia de mandar em toda a gente e esperar que toda a gente obedeça servil e bajuladoramente, levou – recorde-se – João Lourenço a exonerar, em Dezembro de 2017, uma pessoa que já tinha morrido dois anos antes (o engenheiro José Pedro Tonet, falecido a 23 de Dezembro de 2015, na África do Sul, sendo na altura da sua morte administrador não executivo da ENANA EP). Mas João Lourenço continua a mostrar que, se calhar, não são só os seus colaboradores que têm o cérebro no intestino…

Leia mais

Das virtudes dos refrescamentos

Qual será a percentagem de refrescamentos de ministros, nos vários países do mundo, a partir da qual o presidente – no caso de Angola e Brasil – ou o primeiro-ministro no – caso da Tuga – também tenha de ser ele próprio refrescado? Por Brandão de Pinho Nestes dias para além de ministros, foram também secretários, governadores (cargo que em qualquer parte do mundo deveria ser consequência de escrutínio directo e nominal) e embaixadores. Sai um Laborinho de um cargo entra um Laborinho para ministro, sai um Nhunga entra outro…

Leia mais

UNITA entrega à PGR queixa contra nomeação de juízes

A UNITA apresentou hoje ao Procurador-Geral da República de Angola, Hélder Pitta Grós, uma reclamação sobre a nomeação de pelo menos quatro juízes de tribunais superiores, que supostamente violam a lei e a Constituição. A decisão do Galo Negro surgiu depois de uma noite de sono em que o partido sonhou que Angola era aquilo que não é, um Estado de Direito. Em declarações à imprensa, o líder da UNITA, Isaías Samakuva, disse que se trata de um assunto antigo, com um ano, com a nomeação do Presidente da República,…

Leia mais

Mais mexidas nos “tachos”
do (+ ou -) nosso petróleo

O chefe de Estado angolano, João Lourenço, nomeou o até agora secretário de Estado dos Petróleos, Paulino Fernando Jerónimo, como presidente da Administração da recém-criada Agência Nacional de Petróleos e Gás (ANPG). Num comunicado da Casa Civil da Presidência da República, João Lourenço nomeou José Alexandre Barroso como novo secretário de Estado dos Petróleos. O Presidente anunciou também os quatro nomes que passam a integrar o Conselho de Administração da ANPG – Belarmino Emílio Chitangueleca, César Paxi Pedro, Natacha Alexandre Tavares Ferreira Monteiro Massano e Gerson Henda Baptista Afonso dos…

Leia mais

JLo até exonerou um morto e (com)provou que os que roubam são todos do MPLA

O Presidente angolano, João Lourenço, que tal como José Eduardo dos Santos não foi nominalmente eleito (foi-o como cabeça-de-lista do MPLA escolhido por Dos Santos) afastou pelo menos 230 governantes, administradores de empresas públicas e altas chefias militares no primeiro ano de mandato, a um ritmo de uma exoneração a cada dois dias, valendo-lhe a alcunha popular de “exonerador implacável”. Também conseguir mostrar ao mundo que os protagonistas da corrupção, do branqueamento, da roubalheira são todos do MPLA, o seu partido. AA informação estatística resulta de uma análise da agência…

Leia mais

TAAG. JLo exonerou,
nomeou, exonerou!

O Presidente de Angola aprovou hoje, por decreto, a transformação de companhia aérea angolana TAAG em sociedade anónima, primeiro passo para a provável privatização da empresa, cujo Conselho de Administração foi exonerado. João Lourenço também exonerou o Conselho de Administração da Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea (ENANA) e criou, sob dependência do Ministério dos Transportes, uma comissão de gestão encarregada da reestruturação da companhia. João Lourenço decreta a criação da TAAG, SA, “sem quebra de identidade e personalidade jurídica”, em vez da TAAG – Linhas Aéreas…

Leia mais

Após o general Neto eis o generalíssimo dos Santos

O Presidente angolano, general João Lourenço, promoveu o ex-chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, ao grau militar de general de Exército, licenciando-o à reforma, de acordo com a decisão publicada em Diário da República. A decisão consta da Ordem 9/18 do Comandante-em-Chefe das Forças Armadas Angolanas, e Presidente da República. Durante 38 anos, José Eduardo dos Santos, actualmente com 75 anos, foi Presidente da República (nunca nominalmente eleito), e por inerência de funções comandante das Forças Armadas Angolanas, mas nas eleições gerais de 2017 já não concorreu ao cargo,…

Leia mais

(Mais) exonerações e (mais) compensações… amigáveis

Nove embaixadores de Angola e o governador provincial do Bengo foram exonerados nesta quarta-feira, em Luanda, pelo Chefe de Estado angolano, João Lourenço. Trata-se dos embaixadores de Angola junto da ONU, Botswana, Japão, Quénia, Bélgica, França, China, Áustria e junto do Escritório da ONU em Genebra e Organizações Internacionais. Eis o teor da nota da Casa Civil do Presidente da República: “O Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, exonerou hoje – nos termos da alínea d) do artigo 121º e do número 3 do artigo 125º da Constituição da…

Leia mais

Cem dias de erros, falhas
e até alguns tiros nos pés

Em menos de 100 dias de governação, o novo Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, tem vindo a perder a popularidade que esteve em alta, principalmente, face às ousadas exonerações, a maioria, expectáveis: Isabel dos Santos, Tchizé dos Santos, José Eduardo Paulino dos Santos, que constituíam uma pressão e ansiedade popular, além de algumas nomeações (surpreendentes, por não trazerem nada de novo), efectuadas no aparelho do Estado. Por Pedrowski Teca Mas, nestes dois quesitos, reconheça-se o empenho da equipa de marketing, responsável pela sua imagem. Se boa ou má,…

Leia mais