A China, tal como Angola, é propriedade dos… chineses

O Governo chinês vai conceder um apoio de 100 milhões de yuans (13 milhões de euros) a fundo perdido para o desenvolvimento de projectos agrícolas em Angola. De acordo com um decreto presidencial de 14 de Janeiro, e que torna efectivo o acordo de cooperação, de final de 2018, entre os dois países, este valor é parte de um montante global destinado à implementação de vários projectos, entre os quais o projecto de Assistência Técnica do Centro de Demonstração da Tecnologia Agrícola. O acordo de cooperação, que atende às “excelentes…

Leia mais

Xi amigo, JLo está contigo (tudo depende do… fiado)

O Presidente angolano, João Lourenço, agradeceu, em Pequim, ao homólogo chinês, Xi Jinping, a ajuda ao processo de reconstrução nacional em Angola, país que foi devastado por uma guerra civil e por um tsunami de incompetência governativa, ladroagem e corrupção (entre muitos outros crimes). Segundo o órgão oficial do regime do MPLA, o Jornal de Angola, João Lourenço falava durante a recepção oficial que lhe foi oferecida por Xi Jinping e afirmou que Angola encontrou na China um parceiro que está a ajudar a construir o país e que foi…

Leia mais

Angola é nossa, pensam
os chineses. Terão razão?

Os empréstimos da China a Angola totalizam mais de 60 mil milhões de dólares (50 mil milhões de euros), concedidos desde que os dois países estabeleceram relações diplomáticas, em 1983, disse hoje o embaixador chinês em Luanda, Cui Aimin. Num artigo de opinião publicado pelo diplomata na edição de hoje do Jornal de Angola, intitulado “Iniciar Nova Jornada na Parceria Estratégica entre a China e Angola”, Cui Aimin recorda os 35 anos das relações entre os dois países, que dispararam, em termos económicos, após o fim da guerra civil, em…

Leia mais

Miséria, fome, corrupção

A fome, segundo Angelina Jolie: “O mundo precisa de atitudes, não de opiniões. Opinião nenhuma mata a fome ou cura doenças.” Há um plano diabólico para exterminar a população angolana e no seu lugar colocar chineses, portugueses e outros estrangeiros. Só assim se explica a intensa mortandade que paira sobre os angolanos. Como exemplo, Rafael Marques de Morais disse que em cinco horas contou na morgue de um hospital em Luanda, não se conseguiu saber qual, 235 cadáveres. Os apetites e os vícios coloniais dos partidos políticos portugueses, o seu…

Leia mais

Onde param os portugueses africanos?

Até há pouco tempo, os portugueses europeus eram uma espécie em franco crescimento. Agora, pela mão da “sociedade” mais ou menos anónima, de Cavaco, Coelho & Portas, as coisas mudaram. Mudaram, não de forma sincera e honesta, mas mudaram. Por Orlando Castro Q ualquer homenagem, em Portugal, a José Eduardo dos Santos, presidente da Angola há 36 anos sem nunca ter sido nominalmente eleito, e presidente do MPLA, partido que “governa” o país desde 1975, não terá dificuldade em juntar quase 100% do Produto Interno Bruto de Angola (para isso…

Leia mais