A preto e… preto

Os cidadãos que o Governo do MPLA considere serem angolanos e que vivam em Portugal vão ser os primeiros a beneficiar do processo de regularização do registo civil e atribuição do Bilhete de Identidade, preocupação que levantam há vários anos, anunciou o Governo de Angola. Por Orlando Castro “T emos neste momento já acertado, com o envolvimento do Ministério das Relações Exteriores, em colaboração com as nossas missões diplomáticas em cada um dos países onde há esses estrangeiros, levarmos as soluções tecnológicas para esses países e então fazermos o registo…

Leia mais

Há pessoas boas racistas?

Gostaria de responder que não até porque silogisticamente seria uma contradição – na medida em que ser-se boa pessoa implicaria não ter preconceitos raciais – mas de facto há sim, e, de ambos os lados da barricada. Por Brandão de Pinho O que não há, garanto, é pessoas boas e inteligentes e honestas que sejam racistas. Mas nem todas as pessoas são inteligentes (até acho que somos uma minoria), e há mais pessoas más do que boas e quanto à honestidade… bem nunca saberemos, pois as pessoas só a poderiam…

Leia mais

Se Angola é o MPLA,
nunca serei angolano

No dia 28 de Julho de 2007, na Faculdade de Economia do Porto (Portugal), realizou-se uma conferência sobre o processo eleitoral em Angola. Caetano de Sousa, presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), foi o orador principal do evento ao qual compareceram cerca de 200 angolanos de primeira e mais meia dúzia de segunda. Por Orlando Castro Com uma hora de atraso, o encontro começou com o aplauso da assistência à entrada do Embaixador de Angola, Assunção Afonso Sousa dos Anjos, bem como das cônsules em Lisboa e no Porto, respectivamente…

Leia mais