MILHARES DE MILHÕES DE DÓLARES PARA ÁFRICA

Os líderes do G-7, reunidos na cimeira em Puglia, Itália, reafirmaram o apoio a projectos de infra-estruturas de vários milhares de milhões de dólares em toda a África, a fim de concretizar o potencial económico e a transformação do continente. presidente dos EUA, Joe Biden, e a actual presidente do G-7, a primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, co-presidiram a uma reunião “ad hoc” especial, à margem da cimeira, para analisar a Parceria para as Infra-estruturas e o Investimento Globais (PGII) do G-7 e as suas ligações com o Plano Mattei para…

Leia mais

ITÁLIA TAMBÉM APOSTA EM ÁFRICA

A primeira-ministra de Itália, Giorgia Meloni, e o presidente do Grupo Banco Africano de Desenvolvimento, Akinwumi A. Adesina, reuniram-se à margem da Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo do G7, em Apúlia. debate centrou-se no próximo lançamento de uma série de iniciativas conjuntas para apoiar a implementação do Plano Mattei de Itália para África e da agenda do Processo de Roma sobre Migração e Desenvolvimento, conforme acordado durante a Cimeira Itália-África, realizada em Roma, em Janeiro de 2024. Segundo Giorgia Meloni, “o ‘Piano Mattei’ de Itália promoverá parcerias…

Leia mais

SEGURANÇA E PAZ PARA ASSEGURAR UMA DEMOCRACIA DURADOURA

Para os que me não conhecem, eu sou Adalberto Costa Júnior, Presidente da UNITA, Partido fundado por Jonas Malheiro Savimbi, em 1966 em Angola. Sou também Vice-Presidente do IDC. Por Adalberto Costa Júnior (*) É para mim uma grande honra estar perante tão ilustres personalidades, representando todos os continentes do mundo, onde o IDC está presente, e por isso com grande honra aceitei o desafio de aqui estar e discorrer sobre um tema candente e sempre actual: SEGURANÇA E PAZ COMO FUNDAMENTOS DE UMA DEMOCRACIA DURADOURA. Ante os riscos, perigos…

Leia mais

ANGOLA ASSINA TUDO (DESDE QUE SÓ CUMPRA O QUE QUISER)

As comissões especializadas da Assembleia Nacional deram parecer positivo, esta terça-feira, a adesão de Angola ao Protocolo Relativo à Criação do Tribunal Africano dos Direitos do Homem e dos Povos. Nos 49 anos que leva de Governo, o MPLA não tem problemas em assinar protocolos, acordos, convenções, convénios etc.. Só tem problemas em cumprir o que subscreve. relatório-parecer conjunto do documento, aprovado pelas comissões especializadas em razão da matéria, vai à votação na próxima reunião plenária do órgão legislativo. A Conferência dos Chefes de Estado e de Governo da OUA,…

Leia mais

EUA QUEREM ANGOLA A TRAVAR RUSSOS

Angola e os Estados Unidos da América (EUA) assinaram, quinta-feira, em Washington, um acordo de cooperação militar, para uma assistência técnica e logística mais estreita entre as Forças Armadas dos dois países. m comunicado de imprensa enviado à refere que delegações ministeriais de ambos os países estiveram reunidas durante dois dias na capital norte-americana, com vista ao reforço das relações no campo da defesa. Angola pretende dos EUA o fortalecimento da capacidade técnica e operacional, como a aquisição de um sistema de construção de máquinas de última geração e de…

Leia mais

MAIS DE 180 MILHÕES DE CRIANÇAS  PASSAM FOME

Mais de 25% (uma em cada quatro) das crianças menores de 5 anos no mundo sofrem de “pobreza alimentar severa” (fome), o que significa que mais de 180 milhões de crianças correm o risco de sofrer graves consequências para a saúde se não tiverem uma dieta nutritiva e diversificada, adverte a Unicef. Em Angola, o MPLA (no Poder há 49 anos) continua a luta para ser o primeiro país no mundo a ensinar as crianças (tal como os adultos) a viver sem comer… m número “impactante” de crianças “sobrevive com…

Leia mais

O QUE SERIA DE ÁFRICA SEM ELE?

Angola (sob o messiânico e divino comando do general João Lourenço) deve continuar a desempenhar um papel relevante em África, priorizando o estabelecimento e o aprofundamento de relações bilaterais com os países limítrofes e com os das regiões austral e central, costuma dizer o MPLA. A propósito do Dia de África, o MPLA, partido no poder em Angola desde a independência, em 1975, também costuma realçar que o país deve, sobretudo, “contribuir para a eliminação definitiva dos focos de tensão e dos conflitos”. partido liderado pelo general João Lourenço, igualmente…

Leia mais

UNS MAIS IGUAIS DO QUE OUTROS

O Presidente da Direcção do Conselho da Diáspora Portuguesa, António Calçada de Sá, considerou hoje que mais do que definir estratégias de cooperação entre a Europa e África, é importante implementar a cooperação e o comércio. ntónio Calçada de Sá diz que “fala-se muito de uma nova estratégia [para as relações entre os dois continentes], mas já não é bem isso, temos é de falar em execução, porque não é preciso mais inspiração, é preciso é mais transpiração, ou seja, que as empresas portuguesas e africanas trabalhem em conjunto, em…

Leia mais

“WE ARE THE CHAMPIONS”

O Presidente João Lourenço, bem como o Presidente do MPLA e o Titular do Poder Executivo, mandou a sua agência de notícias (a Angop) dizer que ele apresta-se para celebrar o seu segundo aniversário como “Campeão para a Paz e Reconciliação em África, um mandato em que Angola tem colocado a sua diplomacia plenamente ao serviço da pacificação e da estabilização do continente”. om efeito, foi na 16ª cimeira extraordinária da União Africana (UA), também conhecida por Cimeira de Malabo de 28 de Maio de 2022, que a propaganda oficial…

Leia mais

EM PROL DA COZINHA LIMPA EM ÁFRICA

O Presidente francês Emmanuel Macron elogia o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) pelo seu papel catalisador. O acesso à cozinha limpa é mais do que cozinhar, é uma questão de dignidade, diz Akinwumi Adesina. A Presidente Samia Suluhu, da Tanzânia, apela a uma reconstituição generosa do Fundo Africano de Desenvolvimento para garantir recursos para a cozinha limpa nos países africanos de baixo rendimento. Grupo Banco Africano de Desenvolvimento prometeu dois mil milhões de dólares ao longo de 10 anos para soluções de cozinha limpa em África – um passo importante…

Leia mais