Médico com emprego só se
for bom (ou seja, do MPLA)

O Sindicato Nacional dos Médicos de Angola, provavelmente infectado pelo vírus de algum marimbondo, acusou hoje o Ministério da Saúde de cometer “várias irregularidades”, nomeadamente “falta de definição” nos resultados do concurso público de Janeiro de 2019 e a “pretensão de trabalhar com médicos voluntários”. Assim não vale! Todos temos de deixar de azucrinar a equipa de João Lourenço que, afinal, ainda preciso de mais uns anos – provavelmente muitos – para pôr a casa na ordem. “O facto de o Ministério apelar ao voluntariado aos médicos recém-formados, ou seja,…

Leia mais

Jornalistas da RNA e da TPA acordaram? Será mesmo?

Os jornalistas da rádio e televisão públicas de Angola (RNA e TPA) ameaçaram hoje convocar uma greve caso as administrações das duas empresas se recusem a aceitar as exigências contidas num caderno reivindicativo a entregar segunda-feira de manhã. A decisão foi tomada por cerca de cinco dezenas de profissionais da comunicação social da Rádio Nacional de Angola (RNA) e da Televisão Popular de Angola (TPA) durante uma reunião com o Sindicato dos Jornalistas Angolanos (SJA), em que foi redefinido o caderno de reivindicações exigidas há quase um ano. Em declarações…

Leia mais

Professores ameaçam com mais uma greve nacional

O Sindicato Nacional dos Professores Angolanos (Sinprof) ameaça condicionar a realização das próximas provas de avaliação no ensino geral e avançar para uma nova greve nacional, alegando incumprimentos do Governo, sobre o memorando de entendimento assinado em Abril. Num comunicado de imprensa (que se reproduz na íntegra), o Sinprof acusa o Governo de incumprimentos no cronograma das acções previstas no memorando que em Abril levou ao levantamento da terceira fase da greve dos professores no ensino geral. Segundo o sindicato, o Governo não cumpriu a terceira acção do referido memorando,…

Leia mais

Três semanas de greve na PGR

VEJA O VÍDEO SOBRE A GREVE DE JULHO DE 2017. O sindicato dos funcionários da Procuradoria-Geral da República (PGR) angolana anunciou hoje uma greve de três semanas, com início a 29 de Janeiro, contestando a não aprovação dos diplomas legais sobre remunerações, reconversões e promoções. A informação foi confirmada pelo secretário-geral do Sindicato Nacional dos Técnicos de Justiça e Administrativos da PGR de Angola, Elias Pinto, acrescentando que a greve visa pressionar o Governo a decidir sobre documentos que estão prontos há quase um ano. “O anúncio da greve deu…

Leia mais

Basta! Dizem os enfermeiros

Os enfermeiros de Luanda decidiram hoje suspender as consultas nos centros de saúde e hospitais públicos a partir de 30 de Novembro, em protesto contra a falta de resposta das autoridades a reivindicações com cinco anos. A decisão foi tomada por unanimidade, em plenário realizado hoje, por 400 profissionais, revelou o secretário-geral adjunto do Sindicato dos Enfermeiros de Luanda, António Kileba, acrescentando que a directora provincial de Saúde também esteve presente. “Uma vez que a resposta foi negativa, então vamos avançar com esta postura, de não prescrever receitas e nem…

Leia mais

Chefias militares abafam
novo protesto de militares

VEJA O VÍDEO. Um grupo de quase uma centena de militares das Forças Armadas Angolanas (FAA) voltaram a sair hoje às ruas de Luanda, desta vez posicionando-se frente ao Palácio da Justiça. O Folha 8 deslocou-se ao local, que esteve sitiado por vários agentes da Polícia Nacional e efectivos das FAA. Por Pedrowski Teca Devido à manifestação dos militares, nos arredores do Palácio da Justiça, especificamente na via que dá acesso à Cidade Alta, militares e policiais impediam a paragem e circulação de cidadãos e viaturas. A via de acesso…

Leia mais

PGR afirma que não há razões para haver greve

A Procuradoria-Geral da República (PGR) de Angola diz desconhecer as reais razões da greve convocada pelos funcionários para 10 de Julho, garantindo que todas as reivindicações apresentadas durante as negociações foram atendidas. “N ós estamos estupefactos porque, de facto, havia uma negociação e tínhamos chegado a um acordo e, portanto, não percebemos o porquê desta greve anunciada agora. Todas a reivindicações dos funcionários foram atendidas”, disse a directora do gabinete de Intercâmbio e Cooperação Internacional da PGR. Em declarações hoje à agência Lusa, Eduarda Rodrigues afirmou que não existem fundamentos…

Leia mais

Taxistas esperam uma semana

A Associação de Taxistas de Luanda (ATL) vai esperar mais uma semana pela resposta do governo da capital às reivindicações destes profissionais, que na segunda-feira promoveram uma greve que terminou com detenções e destruição. O presidente da ATL, Manuel Faustino, disse que inicialmente tinha sido dado às autoridades o prazo de cinco dias, a contar da data do incidente, na segunda-feira, mas o documento com as reivindicações só terá sido entregue na quarta-feira. Manuel Faustino, que admite o “erro de má interpretação” da parte da associação, disse que, seguindo os…

Leia mais