“Se não fosse Portugal, estava morto. Morto”

Sofreu um grave acidente de moto em Angola. Veio para Portugal fazer reabilitação. Diz que a sua maior vitória é ter voltado a trabalhar. Este domingo, vota pela primeira vez numas presidenciais. Quinto capítulo da série sobre inclusão laboral. Por Ana Cristina Pereira (texto) e Nelson Garrido (fotografia) (*) Até às 16h30, quem liga para o número geral ouve a sua voz: “Centro de Reabilitação do Norte. Muito bom dia. Meu nome é António Jamba. Em que posso ajudar?” Muito se orgulha de trabalhar naquela unidade que presta cuidados de…

Leia mais

Pobres aplaudem luta contra tráfico de drogas

O presidente do Parlamento (do MPLA), Fernando da Piedade Dias dos Santos “Nandó”, considerou hoje que a luta contra o tráfico e uso de drogas lícitas ou ilícitas constitui um “enorme desafio” para o país, sobretudo no domínio da “segurança dos cidadãos”. Tem razão, gritaram em uníssono os 20 milhões de angolanos pobres. “P ara o nosso país, esses desafios têm a ver com a segurança dos cidadãos, com o desenvolvimento das nossas comunidades, com a justiça e a saúde das nossas populações”, afirmou Fernando da Piedade Dias dos Santos,…

Leia mais

No Brasil, PGR e SINSE mancharam o país

Entre 26.06 e 01.07, na cidade do Rio de Janeiro (Brasil) decorreu um curso, especialmente preparado para magistrados do Ministério Público e agentes dos Serviços de Segurança de Angola, denominado “Recuperação e gestão de activos”. Obviamente, lá estiveram alguns procuradores brasileiros, todos de viés ideológico, da extrema-direita brasileira, capitaneada por Jair Bolsonaro, presidente da República e Sérgio Moro, ex-juiz da 13.ª Vara de Curitiba, verdadeiro chefe da Lava Jacto e actual ministro da Justiça e Segurança Pública, que tudo fez – pouco importando a legalidade – para condenar Lula da…

Leia mais

Governo aposta em salvar espécies raras (estradas!)

O Governo angolano aprovou um orçamento preliminar de cerca de 175 milhões de dólares para o Plano Nacional de Salvação de Estradas (PNSE), projecto que visa recuperar cerca de 370 quilómetros de estradas do país, disse hoje fonte oficial. Não é bem um “Plano Nacional de Salvação” de gente que está a morrer de fome… mas poderia ser! Segundo o ministro da Construção e Obras Públicas, Manuel Tavares de Almeida, um concurso público a que concorreram para a empreitada 414 empresas e para fiscalização 57, “cujos resultados foram já apurados”,…

Leia mais

Ora então… mais do mesmo!

O Estado angolano recuperou nos primeiros cinco meses do ano mais de 9.000 milhões de kwanzas (22,3 milhões de euros) ao abrigo do Regime Excepcional de Regularização de Dívidas Fiscais e Aduaneiras. Segundo o órgão oficial do regime, o Jornal de Angola, que cita fontes do Centro de Estudos Tributários (CET) da Administração Geral Tributária (AGT), a arrecadação das receitas surge no quadro do prazo de adesão voluntária ao pagamento de dívidas ao fisco, processo iniciado a 28 de Dezembro de 2018 e que termina a 30 deste mês. Os…

Leia mais

O fundo do corredor e o falso corredor de fundo

Seis meses depois de a Assembleia Nacional angolana ter aprovado a Lei sobre Repatriamento Coercivo de Capitais, os cofres do Tesouro de Angola receberam (isto é como quem diz) cerca de 4.000 milhões de dólares (3.630 milhões de euros). O processo começou em 26 de Junho de 2018, com os deputados a aprovarem, sem votos contra, a Lei sobre Repatriamento de Capitais, que dava um prazo de seis meses, até 26 de Dezembro do mesmo ano, para fazerem regressar sem penalizações as verbas investidas ilegalmente fora de Angola, processo que,…

Leia mais

A PGR e as (suas) infantis histórias da carochinha

Angola não conseguiu recuperar, de forma voluntária, qualquer capital financeiro, mas, coercivamente já tem nos cofres perto de 4.000 milhões de dólares (3.480 milhões de euros) em dinheiro e bens conseguidos desde Dezembro de 2018. A garantia é da PGR. Será mesmo assim? A informação foi avançada pela directora nacional dos Serviços de Recuperação de Activos da Procuradoria-Geral da República (PGR) de Angola, Eduarda Rodrigues, na conferência sobre prevenção e combate à corrupção, acto central das celebrações dos 40 anos de existência da PGR angolana. Eduarda Rodrigues, que abordou o…

Leia mais

Uau! Prioridade às “picadas”

O Governo começou hoje, segundo diz, a analisar as cerca de 500 propostas do concurso público para reabilitação de 27 troços de estradas, cuja primeira fase está orçada em 175 milhões de dólares (152 milhões de euros). É, nada mais sintomático e esclarecedor, “Programa de Salvação de Estradas”. Enquadrado no denominado “Programa de Salvação de Estradas” de Angola, com um orçamento global de 350 milhões de dólares (304 milhões de euros), as autoridades admitiram já cerca de 400 propostas de empreitadas e 100 para fiscalização, entre empresas angolanas e estrangeiras,…

Leia mais

70% dos mais pobres do mundo são africanos

Segundo os números da World Data Lab, uma empresa de estatísticas que trabalha com a UNICEF, em Março o número de pessoas que saíram da pobreza extrema suplantou o número das que caíram nesta situação. Esta realidade não se aplica, infelizmente, a Angola. O número de africanos que conseguiram sair da pobreza extrema ultrapassou em Março, pela primeira vez desde que foram definidos os Objectivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), o número de pessoas que entraram nesta situação. De acordo com o World Data Lab, na compilação de dados e projecção…

Leia mais

Uau! O ano das… estradas!

Um concurso público para execução de projectos de reabilitação de 846 quilómetros de estradas inseridos no programa de estudos e projectos, será lançado pelo Ministério da Construção através do Instituto de Estradas de Angola (INEA). Sem precisar a data do arranque do concurso, o director do INEA, Henrique Victorino, disse que a par disso, existem projectos a serem concluídos onde constam os 544 quilómetros da estrada que liga Malanje a Saurimo. De acordo com Henrique Victorino, que falava no encontro com empresas prestadoras de serviços do sector da Construção e…

Leia mais