Obrigado Presidente. Adeus Amigo Ben

O Ben voltou. Arlindo Chenda Pena “Ben Ben”. Vinte anos depois. General (à época do fatídico) chefe de Estado-Maior General Adjunto das FAA (hipoteticamente exército nacional e não do MPLA), logo distante, da guerrilha. Evacuado, por doença, para a África do Sul aí viria a falecer. Por William Tonet Sendo cidadão de pleno direito, a família pensou em trazer o corpo, como acontece com qualquer cidadão, mas, inesperadamente, o regime, vetou a pretensão. Com este gesto, levou, também, à morte a mulher Vide. Aprisionar um corpo inerte, numa câmara fria,…

Leia mais

Ouro? Esperemos… sentados

Em Maio de 2015 a informação oficial era a de que a fase de prospecção de ouro na localidade de Limpopo, município da Jamba, na província angolana da Huíla, termina em 2015, devendo a exploração do mineral arrancar no início de 2016. Hoje a informação indica que começará em 2018. Regressemos a Maio de 2015. De acordo com a directora provincial da Indústria, Geologia e Minas, Paula Joaquim, os primeiros resultados da prospecção iniciada em 2012, naquela zona, a sul de Angola, apontam para a existência de ouro de qualidade…

Leia mais

Cabinda, Jamba, Raúl Danda e José Ribeiro

Cabinda, Jamba, Raúl Danda e José Ribeiro - Folha 8

Como é natural quando o entendimento do que é uma democracia se resume ao umbigo, o “Jornal do MPLA”, que se arroga o direito de dizer que é o “Jornal de Angola”, tem alvos privilegiados. Internamente, Raúl Danda, deputado da UNITA, é um deles. Por Orlando Castro J osé Ribeiro, lá do alto da sua copa, diz que foi na Jamba que Raúl Danda andou na escola de jornalismo, e que lá “nunca existiu lei e nos palcos políticos que pisa, também não”. O sipaio não faz a mínima ideia…

Leia mais

Clima de paz permite reconstruir o país

Clima de paz permite reconstruir o país - Folha 8

O segundo secretário do MPLA no Kuando Kubango, João António Lineha, reafirmou na localidade da Jamba, comuna do Luiana, município do Rivungo, que a paz definitiva conquistada em 2002 está a permitir reconstruir e construir o país, em particular a província que viu parte das suas infra-estruturas sociais e económicas destruídas ao longo do conflito armado. Já la vão doze anos. Mais vale tarde do que nunca, não é? O dirigente, que falava no acto político de massas realizado na Jamba, antigo bastião militar da UNITA, destacou que fruto da…

Leia mais