O reino (electrónico) do MPLA

O ministro do Interior angolano, Eugénio Laborinho, destacou hoje a discussão de propostas de leis, entre as quais a Lei do Controlo Electrónico, que vai “de certeza, ajudar a descongestionar as unidades penitenciárias do país”. Provavelmente, se o resultado for o esperado, o sistema poderá ser adoptado no descongestionamento das grandes superfícies de fornecimento gratuito de comida aos (20 milhões) pobres – as lixeiras. Eugénio Laborinho, que discursava no encerramento do conselho consultivo alargado iniciado segunda-feira, disse que a necessidade de definição de um instrumento de fiscalização e controlo do…

Leia mais

Internet gratuita nas lixeiras?

De acordo com o órgão oficial do MPLA, Jornal de Angola (JA), a ministra da Educação, Luísa Grilo, defendeu, em Moçâmedes, Namibe, que as tecnologias digitais devem estar ao dispor de todos e o seu uso aproveitado como uma nova forma de alfabetizar. Os 20 milhões de angolanos pobres… agradeceram. A ministra, que falava no acto central do Dia Mundial da Alfabetização, que decorreu sob o lema “Alfabetizar para aumentar a inclusão digital em tempos de pandemia”, disse – segundo o JA – que as novas tecnologias devem ser geridas…

Leia mais

Vila Nova aposta no “elefante branco”

O Presidente nominalmente eleito de São Tomé e Príncipe, Carlos Vila Nova, disse hoje que gostaria “imenso” que o seu país assumisse a presidência da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) em 2023, identificando a mobilidade como uma prioridade. “Eu gostaria imenso que São Tomé e Príncipe assumisse a presidência que por direito de alguma maneira lhe cabe”, afirmou Carlos Vila Nova, eleito Presidente da República são-tomense, à segunda volta, no domingo passado. Na cimeira realizada a 16 e 17 de Julho, em Luanda, os chefes de Estado e…

Leia mais

Governação de excelência. Quatro ministros da economia em quatro anos

João Lourenço, na sua qualidade de Presidente de Angola (não nominalmente eleito), por proposta do Titular do Poder Executivo (João Lourenço) e com a bênção do Presidente do MPLA (João Lourenço) exonerou Sérgio Mendes dos Santos do cargo de ministro da Economia e nomeou para o cargo Mário Caetano de Sousa. Até agora (mais haverá, com certeza) a pasta da Economia teve em quatro anos… quatro titulares. Apesar de ser o perito dos peritos em todas as matérias da governação, seja nas questões macro económicas ou no achatamento polar das…

Leia mais

Seis é melhor do que… meia dúzia

O Presidente angolano autorizou a contratação emergencial para a aquisição de insumos agrícolas, com vista a apoiar a agricultura familiar, sector afectado pela Pandemia de Covid-19. O despacho presidencial nº 137/21, de 26 de Agosto, refere que devido à pandemia a programação normal para a compra de insumos agrícolas ficou afectada. Nesse sentido, João Lourenço autorizou a despesa e abertura do procedimento de contratação emergencial, para a adjudicação dos contratos de aquisição de fertilizantes composto e simples, de sementes de milho amarelo e branco, massambala, massango, trigo, feijão, soja, sementes…

Leia mais

Zacarias da Costa no lado A de Angola

O secretário-executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Zacarias da Costa, inicia na segunda-feira uma visita de três dias, a primeira, a Angola, que preside à organização, onde se reunirá com o Presidente (não nominalmente eleito). Em comunicado, a CPLP refere que durante a deslocação, entre 30 de Agosto e 1 de Setembro, Zacarias da Costa “vai ser recebido em audiência pelo Presidente da República de Angola, João Lourenço” (“presumivelmente” também pelo Titular do Poder Executivo, João Lourenço, e pelo Presidente do MPLA, João Lourenço), que presidente à…

Leia mais

Amém Presidente!

O Presidente angolano (João Lourenço), bem como o Presidente do MPLA (João Lourenço) e o Titular do Poder Executivo (João Lourenço) “disseram” hoje que um país não se constrói em dez anos, tempo de mandato permitido constitucionalmente, e que vem cumprindo as suas promessas eleitorais. Deve ser verdade. Se o MPLA está no Poder há quase 46 anos e ainda não conseguiu… Por Orlando Castro (*) João Lourenço, que falava à imprensa no final da cerimónia de inauguração do Polo de Desenvolvimento Industrial de Saurimo, na província da Lunda Sul,…

Leia mais

Ao MPLA só falta definir a percentagem da vitória

A ADRA – Acção para o Desenvolvimento Rural e Ambiente, organização não-governamental angolana, disse hoje que muitos angolanos continuam a manifestar dúvidas e receios sobre a implementação das autarquias locais no país, por falta de informação. O problema foi referido pelo director-geral da ADRA, Carlos Cambuta, na abertura da Conferência Nacional sobre as Autarquias Locais e Desenvolvimento de Comunidades em Angola, realizada com o objectivo de promover um espaço de reflexão e partilha de conhecimento sobre o processo autárquico. Angola tinha previsto várias vezes realizar as primeiras eleições autárquicas, sendo…

Leia mais

Há mais comida nos contentores (do lixo)

A agência de notação financeira Standard & Poor’s considera que Angola deverá manter-se novamente em recessão este ano, regressando ao crescimento apenas em 2022, salientando a queda na produção petrolífera e a lentidão na vacinação. Que chatice. Se ao menos ouvissem os peritos dos peritos angolanos (todos do MPLA) evitariam estes “erros” e saberiam que a culpa é do líder da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, das redes sociais e da oposição das couves que teimam em morrer (coisa estranha) por serem plantadas com a raiz para cima… “A perspectiva…

Leia mais

Chip do MPLA está a fazer fumo (negro)

A província de Luanda passa a contar, a partir de hoje, de 71 novos autocarros, adquiridos no Brasil, para serem distribuídos pelas cinco operadoras do mercado, devendo a frota chegar aos 900 veículos até 2022, disse fonte do Governo de Angola. Assim, será mais fácil, muito mais fácil, aos angolanos pobres recorrem ao plano universal e gratuito de “self-service” alimentar baseado no livre acesso dos angolanos famintos a todas as lixeiras… Segundo o ministro dos Transportes de Angola, Ricardo de Abreu, em colaboração com os governos provinciais de todo o…

Leia mais