Se em Portugal é assim…

O Sindicato dos Jornalistas de Portugal pediu esclarecimentos urgentes à Procuradora-Geral da República sobre a vigilância a jornalistas que investigaram o caso “e-toupeira”, considerando-a uma clara violação do sigilo profissional e da protecção das fontes de informação. Nas costas dos outros devemos ver as nossas. Se em Portugal é assim… Depois de ter sido informado de que dois jornalistas de dois órgãos de informação foram vigiados por autoridades públicas, “numa clara violação do seu sigilo profissional e da protecção das fontes de informação”, o Sindicato dos Jornalistas solicitou um esclarecimento…

Leia mais

Supermercado da fé ataca soberania de Angola

Porra! Porra! É demais, é mesmo canibalesco, o silêncio cúmplice. Por isso hoje, aqui e agora, manifesto a minha indignação ante a aselhice da elite assimilada, complexada e inculta, que nos (des)governa, ante os insultos diários passados na comunicação social, por uma seita religiosa estrangeira, accionista do maior supermercado da fé a operar, com requintes de malvadez diabólica, no território nacional. Por William Tonet Dá nojo, revolta, vontade de partir para a retaliação… verbal, ao assistir, dia após dia, aos ataques dos comerciantes brasileiros da fé, nas emissões na TV…

Leia mais

Entre a Covid-19 e a fome, entre a morte e o… óbito!

O administrador do município angolano de Cacuaco, Auxílio Jacob, anunciou hoje que mais 500.000 pessoas continuam a sair diariamente à rua naquela localidade do norte de Luanda, em “desobediência” ao estado de emergência devido à Covid-19, defendendo “medidas mais duras”. Entre morrer com Covid-19 ou à fome… As autoridades não querem perceber que o Povo, ainda mais nesta fase, não consegue sequer ter peixe podre e fuba podre. Ameaçá-lo com porrada não resulta. E não resulta porque os autóctones que vivem nos musseques (e que, ao contrário do que pensam…

Leia mais

Não há dinheiro para fuba
mas há para… espionagem!

Mesmo com todo controlo da Comunicação Social pública (facto que só por si caracteriza o Estado de Direito que Angola não é), os órgãos de Defesa e Segurança, a Polícia Nacional e as Forças Armadas, o Titular do Poder Executivo, também comandante-em-chefe das Forças Armadas terá autorizado, numa altura de forte crise económico-financeira, onde 20 milhões de pobres vivem com fome e há centenas de crianças a morrer de subnutrição (fome), a compra de um sofisticado sistema de controlo das redes de WhatsApp. Por William Tonet É um escândalo, um…

Leia mais

“Operação Resgate” assassina zungueira

A brutalidade e boçalidade de agentes dos Serviços de Fiscalização e da Polícia Nacional, maioritariamente mal formados (como o Folha 8 denunciou sistematicamente) quanto à adopção de métodos republicanos de actuação junto dos cidadãos. Por William Tonet Se ao longo dos anos a Polícia já vinha agindo com brutalidade excessiva, com a implantação da, por muitos considerada, famigerada, “Operação Resgate”, decretada pelo Titular do Poder Executivo, aumentou exponencialmente a brutalidade no excesso das acções que têm sido levadas a cabo, culminou, no dia 12 de Março, com um dos mais…

Leia mais

Dívidas de 2017 da CNE afundam hotelaria

O processo eleitoral de 2017 continua a estar envolto num mar de suspeições em toda a dimensão, pese ser, superiormente, gerida por um juiz, Silva Neto, talhado na alta corte do judiciário: Tribunal Supremo, onde se jubilou, mas cujos créditos, na condução da Comissão Nacional Eleitoral, têm ficado em mãos alheias. Desde as denúncias de procedimentos ilegais, feitas pelos comissários eleitorais, à fraude denunciada pelos partidos políticos, por não ter havido escrutínio em 15 das 18 províncias, as caloteirices aos prestadores de serviços, um pouco por todo o país. É…

Leia mais

Vale tudo? Três meses
sem sinal da… TVCABO

As operadores de telecomunicações em Angola, principalmente, de televisão, internet e telefonia móvel, por falta de concorrência, por manifesta incúria e não raras vezes por incompetência, pouco se importam com a qualidade dos serviços prestados. “Tenho contrato com a TVCABO, que começou com uma boa campanha de aliciamento de clientes. Campanha legítima mas que, com o tempo, virou um atentado às cláusulas contratuais e desrespeito pelos serviços pelos quais é paga”. A empresa desviou muitos de outras pradarias, onde se incluiu William Tonet (Director do Folha 8). Nos últimos tempos,…

Leia mais

Rui Rio enaltece pacto de bajulação e subserviência

O presidente do (ainda) maior partido português, o PSD, recusou hoje que a sua vinda a despacho ao MPLA (ainda na versão Eduardo dos Santos/João Lourenço) tenha causado algum mal-estar no Governo de António Costa, salientando o “simbolismo” de uma visita que diz ser uma “ajuda” nas relações entre os dois países. E foi uma ajuda importante, reconheça-se. Para além da assinatura que renova o pacto de subserviência e bajulação anteriormente subscrito por Pedro Passos Coelho, Rui Rio acrescentou uma cláusula implícita em que, sempre que necessário, o PSD passa…

Leia mais

Joalharias sabem o que
são direitos humanos?

A Human Rights Watch quer que as multinacionais de joalharia dêem passos para garantir que adquirem ouro e diamantes a fornecedores que respeitem os direitos humanos, sendo que nenhuma das empresas que analisou cumpre totalmente os critérios da organização. O que terá Angola a ver com isso? A organização de direitos humanos solicitou a 13 multinacionais do sector da joalharia informação detalhada sobre as suas práticas de verificação de fornecedores, nomeadamente se respeitam os direitos humanos nos locais de mineração, informação que reuniu num relatório agora divulgado. “As 13 companhias…

Leia mais