Deputados, patos, patrão, corrupção e… palhaçada

O ministro das Finanças de Angola, Archer Mangueira, disse hoje, em Luanda, que o Conselho de Ministros angolano vai aprovar, amanhã, quinta-feira, um Plano de Prevenção e Mitigação de Riscos que podem levar a actos relativos à velhinha instituição (tem 43 anos) implementada pelo poder absoluto e longevo do MPLA, a corrupção. O governante angolano respondia hoje na Assembleia Nacional, no âmbito da suposta discussão e aprovação (mesmo antes da formalidade da votação) na generalidade da proposta do Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2019, a dúvidas levantadas pelos deputados…

Leia mais

“Pequenas falhas” animam anedotário da CNE (MPLA)

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) admitiu hoje “pequenas falhas” no processo de votação das eleições gerais angolanas, entre elas a rejeição pelos presidentes das assembleias de voto da presença de delegados de lista dos partidos políticos para fiscalização. Pequenas? Claro. Se a sucursal do MPLA o diz… Há por todo o país, sobretudo em locais menos mediáticos, assembleias de voto onde não é preciso pôr o dedo no tinteiro nem apresentar a identificação. Um nosso leitor (devidamente identificado mas sobre o qual mantemos o anonimato) explicou ao Folha 8 que…

Leia mais

Vote certo, vote em… Angola!

VEJA VÍDEOS DAS VOTAÇÕES. Texto em actualização permanente. Mais de 9,3 milhões de angolanos estão inscritos para escolherem hoje, entre seis candidatos, o sucessor de José Eduardo dos Santos, Presidente da República desde 1979 (nunca nominalmente eleito) e que deixa o oficialmente o poder em Angola (mantém-se como presidente do MPLA) quando completa 75 anos. Tratam-se das quartas eleições em Angola, as segundas nos moldes actuais, com eleição directa do parlamento e indirecta do Presidente da República, que será o cabeça-de-lista do partido mais votado, com a abertura das urnas em…

Leia mais

Roubou dístico da CNE
para embelezar a casa

Um jovem angolano foi condenado em tribunal por vandalizar os símbolos colocados pela Comissão Nacional Eleitoral (CNE) para assinalar as assembleias de voto das eleições gerais, destruição que se repete perante a preocupação das autoridades. A CNE definiu 12.512 assembleias de voto e 25.873 mesas de voto a serem instaladas por exemplo em escolas ou tendas por todo o país, para as eleições gerais de 23 de Agosto, mas nas últimas semanas têm sido relatados vários casos de destruição ou roubo dos símbolos que identificam esses locais. No primeiro caso…

Leia mais

Caberá o rio Kwanza
numa garrafa de Cuca?

A Human Rights Watch (HRW) manifestou esperança de que o processo de transição que, supostamente, hoje se inicia em Angola, com o anúncio do Presidente de que não se recandidata, seja pacífico e sem violações dos direitos humanos. É mais ou menos como esperar que o rio Kwanza caiba numa garrafa de Cuca. Mas haja esperança… Por Orlando Castro (*) “E ste anúncio de hoje marca oficialmente o início de um processo de transição que esperamos que seja pacífico e não marcado por violações de direitos humanos, como acontece em…

Leia mais

Votação na diáspora
só com cartão do… MPLA

A votação dos cidadãos angolanos residentes no exterior nas eleições gerais previstas para Agosto de 2017 consta do plano de actividades da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) aprovado hoje, condicionado com base na lei e na averiguação das condições logísticas. “E sta é uma das tarefas que temos como diagnóstico de apreciação das condições para a sua materialização, também consta do plano mas é no sentido de verificarmos sobre a existência de condições materiais, humanas, e logísticas para aferirmos se há ou não condições no tempo que a lei prevê de…

Leia mais

Palavra do ano é…

A escolha da “Palavra do Ano”, uma iniciativa do grupo Porto Editora, através da Plural Editores Angola, acontece pela primeira vez em Angola, desde hoje, até ao dia 31, pelo endereço www.palavradoano.co.ao, anunciou fonte editorial. Aconcurso estão as dez palavras consideradas mais em uso em Angola, escolhidas num “trabalho permanente de observação e acompanhamento da realidade da língua portuguesa”, do grupo de linguistas e lexicólogos da Plural Editores, em Angola, “através da análise de frequência e distribuição de uso das palavras e do relevo que elas alcançam, tanto nos meios…

Leia mais

Adiada votação final da nova lei do registo eleitoral

O Parlamento adiou para 21 de Abril a sétima sessão plenária, agendada para esta quarta-feira, por falta de condições técnicas, conforme acordado em reunião de líderes e enquanto se arrasta a discussão da nova lei do registo eleitoral. E m declarações hoje à imprensa, no final da reunião, a porta-voz da Assembleia Nacional, Emília Carlota Dias, disse que na base do adiamento está a falta de documentação para a referida sessão, devido ao envolvimento de várias comissões na discussão da proposta de lei do registo eleitoral, que se arrasta há…

Leia mais

Votação final do OGE em 11 de Dezembro

Votação final do OGE em 11 de Dezembro - Folha 8

Os deputados da Assembleia Nacional de Angola agendaram a votação final da proposta de Lei do Orçamento Geral do Estado (OGE) de 2015, que prevê um défice de 7,6%, para 11 de Dezembro. A Na proposta entregue na Assembleia Nacional, o executivo prevê um crescimento da economia nacional de 9,7%, justificando o défice orçamental com a quebra no preço internacional do barril de petróleo. Segundo informação do Parlamento, o agendamento – que após aprovação do OGE permitirá a sua aplicação a partir de 01 de Janeiro – foi acordado pelos…

Leia mais