O (nosso) povo passa fome.
– O que jantou Presidente?

Cinquenta toneladas de trigo apodreceram nas comunas de Cachingues, Mumbuwe, Soma-Kwanza, Mutumbo e Malengue, município do Chitembro, província do Bié, por falta de meios de transporte, disse, na cidade do Lobito, o administrador da empresa de Cereais de Angola (Cerangola), Ecumbi David. E assim vai o país, presidente João Lourenço. “A falta de mercado e de meios para transportar a produção de trigo estão na base da deterioração de mais de 50 toneladas de trigo no Chitembo, situação que está a levar os mais de 150 camponeses das comunas de…

Leia mais

Povo passa fome enquanto arroz e milho… apodrecem

O insuspeito “Jornal de Angola” revelou hoje que “numa altura em que o país ainda recorre a importações para cobrir o défice de produção de cereais, cerca de seis mil toneladas de arroz e milho, resultantes da campanha agrícola 2015-2016, correm o risco de deteriorar-se em silos, por razões meramente burocráticas que impedem a sua comercialização”. A acusação é do presidente do Conselho de Administração da Gesterra, empresa que geria as fazendas de onde foram colhidas, sendo que “parte do arroz “esquecido” em silos foi produzido na comuna do Longa,…

Leia mais

Quiminha está quase em velocidade de cruzeiro

O Pólo Agrícola da Quiminha, considerado o maior projecto integrado de agricultura em Angola, que resulta de uma parceria público-privada que junta especialistas israelitas, deverá atingir este ano a plena produção e prevendo já a exportação para a Europa. Localizado a cerca de 50 quilómetros de Luanda, o projecto foi lançado em 2012, pelo Estado angolano, que avançou com a infra-estruturação dos 5.000 hectares de cultivo, onde hoje já trabalham 600 pessoas na produção de cerca de 30.000 toneladas anual de todo o tipo de legumes e frutas. Como explicou…

Leia mais

Até o pão, Presidente?

Os industriais de panificação e pastelaria de Angola vão propor ao Governo a atribuição de um “plafond” em divisas, para assumirem, com uma cooperativa própria, a importação de equipamentos e matéria-prima, travando a especulação no sector. Em Malanje, durante a campanha eleitoral, João Lourenço disse que aquela província podia ser o celeiro de Angola… A informação foi avançada em entrevista à agência Lusa pelo presidente da Associação das Industriais de Panificação e Pastelaria de Angola (AIPPA), Gilberto Simão, instituição que junta mais de 1.000 profissionais do sector. “Neste momento, 80%…

Leia mais

Ao que isto chegou!

O Governo da Zâmbia está a equacionar a venda a Angola de 20.000 toneladas de milho das suas reservas, conforme pedido feito nos últimos dias pelo executivo de sua majestade o rei José Eduardo dos Santos. Um país rico gerido por criminosos só pode dar nisto. Por Norberto Hossi (*) O assunto foi abordado na última quinta-feira entre a embaixadora angolana na Zâmbia, Balbina Dias da Silva, e a ministra da Agricultura daquele país, Dora Siliya, com Angola a transmitir o pedido para disponibilização desta quantidade de milho “no menor…

Leia mais

Cereais caem a pique

Angola deverá produzir este ano menos de metade das quatro milhões de toneladas de cereais que necessita para consumo directo e industrial, indicou hoje o director-geral do Instituto Nacional de Cereais de Angola (INCER). Benjamim Castelo referiu que, devido à crise provocada pela quebra da cotação do petróleo e pelas alterações climáticas, a produção anual de cereais este ano se cifre em apenas 1,8 milhões de toneladas, admitindo que o défice de cereais em Angola está a “agravar-se”, com a falta de meios de produção e a dificuldade de importações…

Leia mais