Agarrem-me! Agarrem-me!
(se o não fizerem eu… fujo)

A ex-eurodeputada, socialista e portuguesa, Ana Gomes afirma que vai apresentar na Justiça “todos os elementos” que possui, envolvendo as dúvidas que tem lançado à origem dos investimentos da empresária angolana Isabel dos Santos, caso seja levada a tribunal. “De dúvidas estão também cheios os socialistas portugueses quanto às razões que levam Ana Gomes a atacar Isabel dos Santos”, disse ao Folha 8 um ex-dirigente do PS. Em entrevista à Lusa, a antiga diplomata portuguesa afirmou que mantém todas as acusações feitas recentemente e que já levaram o banco EuroBic…

Leia mais

“Sipaios” tugas vão ajudar
a abrir as portas da Europa

A administradora da Agência de Investimento Privado e Promoção das Exportações (AIPEX) angolana, Sandra Santos, afirma que Angola vê Portugal como uma alavanca para o alargamento das exportações ao mercado europeu. Convidada do seminário sobre Angola, que decorreu em Matosinhos (Portugal), e intervindo no painel sobre “A importância do relacionamento bilateral entre Portugal e Angola para o crescimento económico mútuo”, a administradora da AIPEX mostrou, também, vontade em equilibrar balança comercial com Portugal, mais favoráveis às exportações portuguesas. No evento, que decorreu na Associação Empresarial de Portugal, promovido pela Câmara…

Leia mais

PS (traz… parente) reforça aposta na Lusofonia

O Governo socialista português (conhecido por ser o mais “traz…parente” de sempre) tem como objectivo um crescimento anual de 3% das exportações para os países lusófonos, em seis ou sete anos, disse à Lusa o secretário de Estado português da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias. Eurico Brilhante Dias referiu que para cumprir a meta estabelecida pelo executivo de as exportações nacionais atingirem um peso de 50% no Produto Interno Bruto português em meados da próxima década, seria “útil que a presença nos mercados lusófonos, quer em África, quer, em particular, no…

Leia mais

Quem mais bajula o MPLA?
– Os políticos portugueses

O VII Congresso Ordinário do MPLA, que decorre em Luanda, mostrou a todos o que todos já sabiam: Os políticos portugueses adoram estar de cócoras perante sua majestade o rei de Angola, José Eduardo dos Santos. Por Orlando Castro Por partes. Uma delegação do Partido Comunista Português (PCP), chefiada por Pedro Guerreiro, membro do secretariado do Comité Central, esteve em Junho deste ano em Angola a convite do MPLA, partido no poder em Angola desde 1975. O PCP é um aliado histórico do MPLA, desde o período da luta anticolonial,…

Leia mais

Kangamba elogiou Marcelo
Só falta Marcelo elogiar o rei

O general secretário do comité provincial do MPLA para Organização Periférica e Rural, Bento dos Santos Kangamba, igualmente sobrinho do Presidente Eduardo dos Santos e intelectual de elevada craveira canina, elogiou a eleição nominal (coisa que em Angola nunca existiu) de Marcelo Rebelo de Sousa para Presidente da República de Portugal, apelando ao seu papel como “mediador” nas relações entre os dois países. Por Orlando Castro “N este momento não temos que ter dirigentes com muito fogo-de-artifício entre os dois países e sim com calma e paciência para ultrapassarmos os…

Leia mais