As aventuras do general Bonito Visseprezidente…

As FAPLA (Forças Armadas do Peculato dos Ladrões da Angola), comandadas pelo general Bonito Visseprezidente, declararam guerra a Paulo Murrais, Presidente da Frente Cívica, e iniciaram uma Batalha do Koito-Karnaval em Portugal. O motivo para esta invasão militar deve-se ao facto de Murrais ter revelado o preço, muito elevado, do vestido de noiva da filha do general Bonito Visseprezidente. Este ficou muito chateado e foi imediatamente a Portugal iniciar essa Batalha do Koito-Karnaval. Por Veríssimo Kambiote Quando chegaram a Portugal, as forças comandadas pelo general Bonito Vissepresidente dominaram e prenderam…

Leia mais

Extravagância, matumbez
ou… coerência ideológica

Muitos se indignaram, justa ou injustamente, sobre o casamento de uma das filhas de Fernando da Piedade Dias dos Santos “Nandó”, considerado do século, apadrinhada pelo Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, assumido desde 2017, como o mais emblemático arauto da moralidade e intrépido (não menos emblemático) combatente contra o despesismo, nepotismo e corrupção. Por William Tonet É crime casar uma filha? Desde logo não, pois, todos os pais se sentem orgulhosos, quando isso ocorre, esmerando-se os que podem, para ajuda à materialização dos sonhos dos meninos. Pacífico! Os…

Leia mais

Turismo sobre carris

Angola recebe dentro de uma semana o primeiro comboio turístico, proveniente de Dar Es Salaam, Tanzânia, que traz ao país mais de 100 turistas estrangeiros para uma estada de oito dias, num itinerário promovido pela sul-africana Rovos Rail. Esta actividade foi hoje anunciada em conferência de imprensa pela coordenadora da Benguela Turismo, Rebeca Barreiros, e responsáveis do Ministério da Hotelaria e Turismo de Angola. O comboio chega a Angola, entrando pela fronteira do Luau, província do Moxico, no dia 26 de Julho, com 53 turistas norte-americanos, suíços, australianos, belgas, neozelandeses,…

Leia mais

Mais dinheiro para os deputados? Claro! Claro!

A Assembleia Nacional de Angola aprovou a fixação de um salário-base equivalente a 1.530 euros para os seus deputados, acrescido de vários subsídios, para lhes “conferir maior dignidade remuneratória” face à inflação verificada no país. Nem mais. Eles são também o espelho de um país que só tem 20 milhões de pobres. “A actual conjuntura económico-financeira caracterizada por níveis elevados de inflação e de perda do poder de compra” (presume-se que seja um problema geral) levou a que a Assembleia Nacional aprovasse a resolução n.º 6/19, de 19 de Fevereiro.…

Leia mais

Presidente não brinca.
Vai exonerar a malária

Angola, um país cujo Presidente alugou um luxuoso avião para se deslocar à Europa, já registou este ano 3.853 óbitos provocados pela malária, de um total de 1,5 milhões de casos referenciados (muitos são os que não entram nesta estatística), que é a principal causa de morte no país, segundo fonte oficial do Ministério da Saúde. Os dados foram avançados hoje pelo secretário de Estado da Saúde, José Vieira Dias da Cunha, na apresentação do tema sobre “A Malária em Angola no Contexto Actual: Estratégias”, no âmbito do Encontro Metodológico…

Leia mais

Presidente, que vergonha!

O portal de informação espanhol La Nueva España noticiou (sem a autorização obrigatória do Governo do MPLA) que o Presidente de Angola, João Lourenço, aterrou em Oviedo, no norte de Espanha, para realizar uma “visita privada” (tratamento médico), acompanhado por um “séquito gigante”. Angola, fiquem a saber os jornalistas espanhóis, é um reino muito riquíssimo, com elevada qualidade de vida e que, por exemplo, só tem 20… milhões de… pobres. Por Óscar Cabinda “U m avião de 320 milhões e um séquito gigante: o Presidente de Angola aterra nas Astúrias”…

Leia mais

MPLA acovarda-se porque
a verdade não prescreve!

No final de mais um Maio, um mês diferenciado, dos 12 do ano, não visualizo, pese a mudança nominal de liderança, a esperança e a crença numa política integradora, cidadã e de justiça. A justiça de que a maioria dos angolanos carece, merece e lhe foi prometida, desde que um partido, privatizou, colonizando todas as instituições, e órgãos do Estado, colocando-se mesmo acima destes. Por William Tonet A maioria dos autóctones augura uma “justiça-cidadã”, que torne desnecessária a condenação de alguém, sem que seja julgado, num justo processo legal, alavancado…

Leia mais

“Eu vou-te cá mandar um…”

“Não te tratam mal. Eu vou-te cá mandar um jornalista da televisão para te fazer uma entrevista e tu dás essa entrevista na véspera da viagem e metes os portugueses no coração. E assim foi, fez uma entrevista belíssima. Quando cá chegou não houve nem uma manifestação de protesto”. Por Orlando Castro Este episódio refere-se à visita a Portugal de Samora Machel, líder da FRELIMO, partido que – tal como o MPLA em Angola – comanda os destinos do país desde a independência, e foi contado pelo socialista Almeida Santos.…

Leia mais

O orgasmo dos vampiros

O Estado angolano (o tal que mantém hasteada a bandeira da crise) vai gastar em 2018 a módica quantia de seis milhões de euros na construção, que chegou a estar suspensa devido à tal questão da crise, dos escritórios de apoio aos deputados, junto à nova sede da Assembleia Nacional, em Luanda. Os nossos 20 milhões de pobres já arrotam da satisfação. Ou será de fome? Em causa está uma obra a cargo da empresa de origem portuguesa Somague, que foi avaliada em 2014, quando a construtora iniciou os trabalhos,…

Leia mais

Governo aumenta
despesas em Davos

Os ministros auxiliares do Titular do Poder Executivo de Angola, João Lourenço, viajaram para Davos, Suíça, em avião privado, num custo milionário de 80 mil dólares/dia, quando aqueles a quem vão pedir dinheiro o fizeram em avião de carreira e alguns em classe económica. Nada de novo, portanto. Ainda por cima contando com a presença de… Manuel Vicente. A localidade suíça é a capital mundial, por cerca de cinco dias, ao concentrar presidentes da República das maiores potências mundiais e em desenvolvimento, políticos renomados, empresários, académicos e jornalistas, mas também,…

Leia mais