Turismo in(con)clusivo à moda do MPLA

O Executivo do MPLA (há 46 anos no Poder) reafirmou hoje, em Luanda, o compromisso com na “indústria turística” a julgar pela sua capacidade de fomentar a prosperidade e impulsionar o desenvolvimento sustentável e inclusivo. Segundo o ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, Jomo Fortunato, que falava na abertura das comemorações do Dia Mundial do Turismo que hoje se assinala, a perspectiva é “beneficiar todos os intervenientes deste amplo e diversificado sector, que vão desde as grandes empresas, incluindo as multinacionais do sector aéreo, até às mais pequenas agremiações, constituídas…

Leia mais

À caça de (turistas) chineses

O potencial turístico que Angola oferece foi apresentado em Pequim durante a abertura da Feira Internacional da cidade, pelo embaixador de Angola na China, João Salvador dos Santos Neto. O diplomata afirmou que Angola deseja fazer parte da rota internacional do turismo e que actualmente oferece várias oportunidades de investimento nesse sector. João Salvador Neto falou das praias atraentes, paisagens deslumbrantes, rios com cachoeiras espectaculares, bom clima, uma diversidade linguístico-cultural, referindo que “Angola está a efectuar reformas económicas que encorajam o investimento privado nas áreas que visam potenciar o turismo”.…

Leia mais

O ambiente cultural do turismo no reino da fome

O superministério do novo (mais um) executivo angolano que junta Cultura, Turismo e Ambiente vai gerir um orçamento menor do que o que estava adstrito às três pastas, assumiu a ministra Adjany Costa. Nada de anormal se levarmos em conta o tempo que estiver no cargo, desde logo porque a especialidade do Titular do Poder Executivo é mascarar a sua incompetência com exonerações, remodelações e estratégias similares. “O orçamento vai ser único. Com a situação que estamos a viver vai haver um corte ainda maior, mas vai haver negociações e…

Leia mais

Angola é Luanda. O resto?
Bem, o resto é só paisagem

A Associação dos Hotéis e Resorts de Angola (AHRA) lamentou hoje a falência de muitas unidades hoteleiras do país, originada pela “brutal redução das taxas de ocupação”, apontando, no entanto, uma “considerável subida” nas taxas de Luanda. Como nos tempos coloniais, Angola continua a ser Luanda e o resto paisagem. “T rouxemos também para o debate as causas que têm levado a termos maior constrangimento neste momento e que provoca uma brutal, para não dizermos dramática, baixa de taxas de ocupação e que tem estado a levar à falência muitas…

Leia mais

Qatar ofereceu elixir que fará crescer quase tudo!

A experiência do Qatar no aproveitamento de recursos para a sua economia pode acelerar o desenvolvimento de Angola, defendeu com toda a originalidade, em Doha, o ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto. Finalmente. Ao fim de 44 anos o MPLA encontrou o elixir (remédio infalível e não aguardente de cana). Bravo! No balanço da visita oficial do Presidente da República, João Lourenço, ao Qatar, o chefe da diplomacia angolana afirmou que é o início de novo ciclo das relações bilaterais entre os dois estados. Por saber (embora já não existam…

Leia mais

Do Morro do Moco “vê-se” gente que morrer à fome

A reabilitação das vias de acesso ao Morro do Moco, o ponto mais alto do país, com 2.620 metros, bem como a implementação, neste mesmo local, de vários equipamentos sociais para torná-lo mais atractivo, figuram entre as principais acções da administração municipal do Londuimbali, âmbito do Programa Integrado de Desenvolvimento dos Município (PIIM). Registe-se, entretanto, que em vários municípios do Huambo há gente a morrer à fome. Quais? Caála, Bailundo, Mungo, Cachiungo e… Londuimbali. Ao confirmar o facto à ANGOP, o administrador do Londuimbali, 92 quilómetros a Nordeste da cidade…

Leia mais

Muitos buracos com muito pouca estrada

A exploração dos principais pontos turísticos do município da Caála, a 23 quilómetros da cidade do Huambo, está condicionada devido à avançada degradação das vias de acesso, disse esta segunda-feira à Angop a directora local das actividades económicas, Amélia Chivela. Segundo a responsável, apenas quatro dos 26 principais pontos de atracção turística recebem visitas diárias de turistas nacionais e estrangeiros, enquanto os demais 22 estão “quase que abandonados”, pois que a situação das estradas não permite a circulação automóvel, principalmente na época chuvosa. Amélia Chivela disse que apenas estão a…

Leia mais

Turismo sobre carris

Angola recebe dentro de uma semana o primeiro comboio turístico, proveniente de Dar Es Salaam, Tanzânia, que traz ao país mais de 100 turistas estrangeiros para uma estada de oito dias, num itinerário promovido pela sul-africana Rovos Rail. Esta actividade foi hoje anunciada em conferência de imprensa pela coordenadora da Benguela Turismo, Rebeca Barreiros, e responsáveis do Ministério da Hotelaria e Turismo de Angola. O comboio chega a Angola, entrando pela fronteira do Luau, província do Moxico, no dia 26 de Julho, com 53 turistas norte-americanos, suíços, australianos, belgas, neozelandeses,…

Leia mais

Do rio Okavango às minas e aos chimunos do re(i)gime

O Governo angolano anunciou hoje o investimento de 60 milhões de dólares (54 milhões de euros) para a remoção de minas terrestres da bacia do rio Okavango, no âmbito de uma conferência em Londres. O financiamento, a aplicar num projecto da organização não-governamental britânica Halo Trust ao longo de cinco anos, destina-se a limpar 153 campos minados dentro dos parques naturais de Mavinga e Luengue-Luiana, na província de Cuando Cubango. Na região, disse James Cowan, presidente executivo da Halo Trust, vive 50% da população de elefantes do mundo e tem…

Leia mais

Turismo em Cabo Verde continua a crescer

Os turistas que escolheram Cabo Verde para destino atingiram os 233.721 no primeiro trimestre deste ano, mais 8,5% do que no mesmo período de 2018, segundo dados do Instituto Nacional de Estatísticas cabo-verdiano. Nos primeiros três meses do ano, os estabelecimentos hoteleiros acolheram mais 18.372 turistas do que em igual período do ano anterior. Estes indicadores referem que as dormidas, entre Janeiro e Março, atingiram 1.403.555, mais 61.002 (4,5%) do que no período homólogo de 2018. Em Cabo Verde, os turistas preferem os hotéis, que representam 85,7% do total das…

Leia mais