Paulo de Morais mantém tudo o que afirmou

Paulo de Morais foi hoje ouvido, no Porto (Portugal), pelo Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) na sequência da acusação de difamação que lhe foi movida pelo actual vice-presidente de Angola, Bornito de Sousa. Em causa, estão declarações do activista português na sua página pessoal do Facebook e em declarações a uma televisão sobre o casamento da filha de Bornito de Sousa e sobre o valor da respectiva indumentária. Lembrando que Naulila Diogo gastou, nos vestidos do seu casamento, 200 mil dólares, Paulo de Morais afirmou que esta prática…

Leia mais

Vestido bo(r)nito e milionário num país de famintos

A DW escreve hoje que “o vice-Presidente de Angola, Bornito de Sousa, e a filha, Naulila Diogo Graça, pretendem processar o activista português anti-corrupção Paulo de Morais por difamação. Em causa estão vestidos de noiva de alta gama”. Por Orlando Castro A questão não é nova. Pelo contrário. O anúncio do processo já fora divulgado em Março deste ano. Volta agora à ribalta porque é necessário desviar a atenção do que se passa na Angola real, criando uma cortina de fumo que quer pôr o povo a falar do vestido…

Leia mais

O chora chora

Um órgão da comunicação online informou que o vice-presidente Bornito de Sousa vai mover acções judiciais contra pessoas que o acusaram de ter participado nos acontecimentos do 27 de Maio. Tudo indica que Bornito de Sousa é muito sensível e necessita dos tribunais para repor a verdade, se for verdade que não cooperou nesse Crime contra a Humanidade praticado por militantes do MPLA, que o MPLA, dono de todos os poderes, decidiu amnistiar, contrariando os mais elementares princípios da justiça e da ética. Por Domingos Kambunji Se Bornito de Sousa…

Leia mais

As aventuras do general Bonito Visseprezidente…

As FAPLA (Forças Armadas do Peculato dos Ladrões da Angola), comandadas pelo general Bonito Visseprezidente, declararam guerra a Paulo Murrais, Presidente da Frente Cívica, e iniciaram uma Batalha do Koito-Karnaval em Portugal. O motivo para esta invasão militar deve-se ao facto de Murrais ter revelado o preço, muito elevado, do vestido de noiva da filha do general Bonito Visseprezidente. Este ficou muito chateado e foi imediatamente a Portugal iniciar essa Batalha do Koito-Karnaval. Por Veríssimo Kambiote Quando chegaram a Portugal, as forças comandadas pelo general Bonito Vissepresidente dominaram e prenderam…

Leia mais

Bornito de Sousa (e filha) ameaçam Paulo de Morais

Através dos seus advogados em Portugal, o vice-presidente de Angola, Bornito de Sousa, e a sua filha, Naulila Katika Ferreira Diogo Graça, ameaçam Paulo de Morais (Presidente da Frente Cívica) , pelo que este escreveu na sua página do Facebook e corroborou em declaração ao canal de televisão português CMTV, a propósito dos 200 mil dólares gastos nos vestidos de casamento de Naulila. O Folha 8 teve acesso à carta que Paulo de Moura Marques, advogado da firma portuguesa Abecasis, Moura Marques & Associados – Sociedade de Advogados, SP, RL,…

Leia mais

Dêem-nos água, por favor!

O secretário de Estado das Águas de Angola, Lucrécio Costa, pediu, hoje, na cidade da Praia, apoio à Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) para combater a seca prolongada que assola o sul do país. Apesar de o Governo de João Lourenço meter água por todos os lados, lá vamos ter pedir ajuda ao democrata, impoluto e venerável Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, presidente da Guiné Equatorial, o grande amigo do MPLA. “V ivemos um período de seca prolongada no sul do país e esperamos também que a contribuição e…

Leia mais

Do rio Okavango às minas e aos chimunos do re(i)gime

O Governo angolano anunciou hoje o investimento de 60 milhões de dólares (54 milhões de euros) para a remoção de minas terrestres da bacia do rio Okavango, no âmbito de uma conferência em Londres. O financiamento, a aplicar num projecto da organização não-governamental britânica Halo Trust ao longo de cinco anos, destina-se a limpar 153 campos minados dentro dos parques naturais de Mavinga e Luengue-Luiana, na província de Cuando Cubango. Na região, disse James Cowan, presidente executivo da Halo Trust, vive 50% da população de elefantes do mundo e tem…

Leia mais

Se todos bajulam…

O vice-presidente da República destacou, nesta sexta-feira, os sinais positivos da dinâmica governativa do Chefe de Estado angolano, João Lourenço, desde que chegou ao poder a 26 de Setembro de 2017. Meus senhores, ministros e similares, façam fila e sigam o exemplo bajulador de Bornito de Sousa. O vice-presidente enumerou o combate à corrupção, bajulação (pasme-se!), impunidade e o nepotismo como os sinais positivos desta nova dinâmica na forma de governar. Segundo Bornito de Sousa, que falava na cerimónia de cumprimentos de fim de ano ao Presidente da República, confirma-se…

Leia mais

“Operação Repatriamento” conta com ajuda europeia

O vice-presidente da República, Bornito de Sousa, solicitou hoje, em Viena (Áustria) o apoio dos Estados europeus para o sucesso dessa árdua missão que bem poderia, até porque está na moda e nos recorda a razão da força do MPLA, chamar-se “Operação Repatriamento” de capitais e fortunas que o regime considera terem sido ilicitamente adquiridas. Ao intervir no Fórum África-Europa, sob os auspícios da Chancelaria da Áustria, país que exerce a presidência rotativa do Conselho da União Europeia, o governante angolano ressaltou que tal pressuposto requer a cooperação de todos…

Leia mais

MPLA íntegro? Sim, quando JLo escrever sem v_g__s

O Vice-Presidente da República, Bornito de Sousa, defendeu esta segunda-feira, no Cuito (Bié), que o desenvolvimento do país passa pela formação de recursos humanos capazes e competentes, conjugando a formação superior de qualidade com a profissional, empreendedorismo e a valorização salarial dos quadros com formações não universitárias. Tem toda a razão. Pena é que, apesar de estar no governo há 43 anos, o MPLA ainda não tenha implementado o essencial, apostando sempre no acessório – o primado da bajulação. Estes desafios fundamentais há décadas para o desenvolvimento de Angola, segundo…

Leia mais