Ladrões bons, ladrões maus

O Presidente angolano, João Lourenço, tem o “rei na barriga” (isto significa presunção, pretensão ou vaidade) e, sob o manto diáfano da popularidade revolucionária, conquistada pelo voto fraudulento de um Povo obrigado a pensar com a… barriga, vai solidificando a sua estratégica posição de “quero, posso e mando” que, por regra, constitui o ADN dos ditadores. Reduzidas a cinzas as esperanças de 20 milhões de pobres, João Lourenço veio dizer-nos que estão programados “encontros ao mais alto nível” com os governos de países com que Angola pretende “intensificar” a cooperação,…

Leia mais

Quem peca a favor do Poder sempre alcança

O arcebispo de Saurimo, Lunda Sul, Dom José Imbamba, apelou hoje, domingo, aos angolanos para optarem pelo diálogo com vista a resolverem os pontos divergentes. Será este o mesmo arcebispo que, recentemente, afirmou que o Presidente da República, João Lourenço, introduziu um novo paradigma de governação, assente na gestão ética, e abriu espaço ao diálogo com as vozes críticas da sociedade e à liberdade de imprensa? Como se vê, é mais fácil um jacaré passar pelo buraco de uma agulha do que um dirigente do MPLA cumprir com as suas…

Leia mais

Ode a um criminoso

As cinco novas notas de kwanza entram em circulação no mercado de forma faseada a partir de 30 de Julho e até Janeiro de 2021. Não se trata, obviamente, de qualquer perseguição política no seio do MPLA mas, antes, da solidificação do que João Lourenço chama de reconciliação. Foi retirada a foto de um corrupto que escolheu pessoalmente o novo Presidente, José Eduardo dos Santos, mas mantém-se a de um genocida que mandou assassinar milhares e milhares de angolanos no 27 de Maio de 1977, António Agostinho Neto. O Banco…

Leia mais

Obrigado MPLA!

O MPLA repudiou, com veemência, esta terça-feira, o jornal “Folha 8”, pela publicação de um texto (apenas na sua página do Facebook) em que – segundo o partido dirigido por João Lourenço – associa o então Presidente de Angola, António Agostinho Neto, às figuras consideradas defensoras da escravatura. O pequeno texto diz: «Vários países estão a retirar dos espaços públicos as estátuas de assassinos, ditadores e defensores da escravatura. Em Angola está a demorar muito para que isso aconteça». Das três “acusações” (assassinos, ditadores e defensores da escravatura) o Bureau…

Leia mais

Deus no céu, Neto na Terra (será que assim está bem?)

O MPLA repudiou, com veemência, esta terça-feira, o jornal “Folha 8”, pela publicação de um texto em que associa o então Presidente de Angola, António Agostinho Neto, às figuras consideradas defensoras da escravatura. Nem ler sabem. Por alguma razão o Presidente do MPLA quer um melhor ensino em Angola. Por Orlando Castro O Folha 8 escreveu: «Vários países estão a retirar dos espaços públicos as estátuas de assassinos, ditadores e defensores da escravatura. Em Angola está a demorar muito para que isso aconteça». Onde está a associação de Agostinho Neto…

Leia mais

Ditador e carrasco, diz ela

A deputada Welwitschea dos Santos, eleita pelo MPLA, partido no poder em Angola há 44 anos, 38 dos quais sob o comando do seu pai, José Eduardo dos Santos, considera que a revogação do seu mandato foi “um golpe” do Presidente João Lourenço, acusando-o de ser um “ditador” e o seu “carrasco político”. Se ela diz isso do actual Presidente, o que se deve dizer do seu pai? A empresária e deputada “Tchizé” dos Santos defende uma reflexão na sociedade portuguesa sobre os desequilíbrios nas relações entre os dois povos,…

Leia mais

Presidente do MPLA não pode falar em nome de todos os angolanos

O Presidente dos angolanos do MPLA, João Manuel Gonçalves Lourenço, disse, em Harare, que o antigo Chefe de Estado zimbabueano, Robert Mugabe, foi uma figura de destaque no processo de luta de libertação dos povos do continente africano. Tal como Agostinho Neto, acrescentamos nós… Por Orlando Castro João Lourenço falava à imprensa pouco depois da chegada a Harare, e ainda no Aeroporto Internacional Robert Gabriel Mugabe (JLo merece, obviamente, ter também um aeroporto – talvez no Cuito Cuanavale – com o seu nome) assinou um livro de condolências em homenagem…

Leia mais

Morreu Robert Mugabe

O ex-Presidente do Zimbabué, Robert Mugabe, morreu hoje aos 95 anos, cerca de dois anos após renunciar ao cargo que ocupou durante 37 anos, anunciou o actual chefe de Estado, Emmerson Mnangagwa. “É com muita tristeza que anuncio a morte do pai fundador e ex-Presidente do Zimbabué, major Robert Mugabe”, disse Emmerson Mnangagwa na sua página da rede social Twitter. “Mugabe era um ícone da libertação, um pan-africanista que dedicou a sua vida à emancipação e capacitação do seu povo. A sua contribuição para a História da nossa nação e…

Leia mais

5-27 de 77

Em Portugal e quiçá em Angola e restante Europa as datas ora são designadas através das fórmulas: DD-MM-AAAA ou AAA-MM-DD em que “D” significa dia; “M” quer dizer mês; e, obviamente “A” reporta-se a ano. Nos EUA claro que tinham de ser diferentes – mas pelo menos não há uma duplicidade de formulação das datas, optando-se por colocar primeiro o mês, depois o dia e por fim o ano, razão pela qual se reportam ao “11 de Setembro” como “nine eleven”. Por Brandão de Pinho Eu gosto do Agostinho Neto…

Leia mais

Destino do Brasil nas mãos de um fascista e racista

O capitão do Exército brasileiro na reserva e ex-deputado Jair Bolsonaro, de 63 anos, é a partir de hoje o Presidente da República Federativa do Brasil. Pelo menos uma dúzia de chefes de Estado e de Governo estão presentes. Entre eles estão o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, e presidentes latino-americanos como Evo Morales (Bolívia), Ivan Duque (Colômbia), Sebastián Piñera (Chile), Juan Orlando Hernández (Honduras), Mario Abdo Benitez (Paraguai), Martin Vizcarra (Peru), e Tabare Vazquez (Uruguai). Estiveram também presente o Presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, o primeiro-ministro da Hungria,…

Leia mais