MPLA declara guerra aos jornalistas lusos

O Telejornal do canal público do MPLA, TPA, abriu com a leitura de um editorial em que os media portugueses foram acusados de ser um veículo de transmissão de uma campanha de desestabilização e “ingerência abusiva” em assuntos de outros Estados. Foi isso que o MPLA mandou dizer, é isso que a TPA diz. Nada de novo, portanto. Por Orlando Castro (*) Ao longo de cinco minutos, logo após abordar o tema da cimeira da CPLP que se realiza em meados de Julho em Luanda, a apresentadora Sílvia Samara, refere…

Leia mais

E se fossem gozar com o…?

“Finalmente” um português ficou gravemente ferido numa operação de resgate de Palma, vila sob ataque de rebeldes armados desde quarta-feira, junto aos projectos de gás natural de Cabo Delgado, norte de Moçambique. Talvez agora Portugal, a União Europeia, a ONU e a CPLP acordem e deixem de gozar à grande, neste caso, com a chipala dos moçambicanos. Por Orlando Castro (*) O ferido foi encaminhado para Pemba, capital provincial de Cabo Delgado, 250 quilómetros a sul, por via aérea, a partir do aeródromo do recinto do projecto de gás natural,…

Leia mais

FAA sem fronteiras

A FLEC-FLAC, movimento independentista de Cabinda. Acusa as Forças Armadas Angolanas de lançarem uma “operação militar contra um grupo de civis desarmados” na República Democrática do Congo (RD Congo), junto à fronteira com o enclave petrolífero ocupado por Angola. “A s Forças Armadas Angolanas (FAA) lançaram uma operação militar contra um grupo de civis desarmados, suspeitos de serem soldados da FLEC, perto da fronteira do Yema-di-Yanga e Mbaka-Khosi no sector de Kakongo, território de Lukula, província do Kongo-Central, na aldeia de Kinkiama”, na passada quinta-feira, às 21:45, acusa a Frente…

Leia mais

MPLA planta comentários racistas contra Adalberto

Os “DIPianos” e alguns “ERCAnianos” não perderam tempo. Mal se soube que Adalberto da Costa Júnior seria o próximo líder da UNITA colocaram os seus sipaios a comentar nas redes sociais (dezenas deles foram banidos do nosso Facebook) que ele era o candidato dos portugueses, dos colonialistas. A crítica, acéfala e racista, foi motivada pelo facto de ele ter estado muitos anos em Portugal. Ora, como se sabe, isso só não é crime se for praticado por quem for do MPLA. Não foi o caso. Então, recorde-se que o presidente…

Leia mais

Quando a injustiça abala o amor da vida, urge resistir

No dia 8 (ontem) rompi, definitivamente, com a última tábua de ligação à outra margem do rio da esperança, num 2019 espiritualmente melhor, tudo devido uma “picture fake news”. Tal como em 2018, colocaram-me em lugar nunca pisado com pessoas próximas, com recurso às técnicas do “Photoshop” (até podem, um dia, colocar-me como astronauta do satélite que desapareceu), visando passar a imagem de uma harmoniosa relação, quando tudo não passa de mais um jogo, igual ao dos políticos de baixo coturno. Sacanagem… Por William Tonet Noutro extremo, uma suposta amiga…

Leia mais

FLEC/FAC reivindica morte de seis soldados das FAA

O movimento independentista de Cabinda indicou hoje ter entrado na terça-feira em confrontos com as tropas angolanas no enclave, que causaram a morte a 12 pessoas, quatro delas civis, junto à aldeia e Tchiminzi, na região de Massabi. Num “comunicado de guerra”, assinado por Che Libika Nkulu, o Estado-Maior General da Frente de Libertação do Estado de Cabinda/Forças Armadas de Cabinda (FLEC/FLAC) indica que uma patrulha da ala militar do movimento independentista foi “alvo de uma emboscada das forças ocupantes” angolanas. “A FLEC/FAC lamenta a morte dois militares das FAC…

Leia mais

Lá como cá, cá como lá
– As balas andam por aí

O jornalista moçambicano Ericino de Salema foi hoje encontrado gravemente ferido no distrito de Marracuene, a oito quilómetros do centro de Maputo, onde fora raptado por desconhecidos, noticiou o canal privado STV. Lá como cá, quem se atreve a pensar fora da “educação patriótica” sujeita-se a chocar com a morte. Por Orlando Castro Em 2016, o politólogo e comentador do programa “Pontos de Vista”, José Macuane, foi baleado nas pernas por desconhecidos e abandonado numa estrada à saída de Maputo, depois de ter sido levado de carro perto da sua…

Leia mais

No MPLA, embora à socapa, contam-se espingardas

O líder do MPLA, José Eduardo dos Santos, e o Presidente da República, João Lourenço, estiveram reunidos a sós – segundo os serviços de propaganda do partido que nos (des)governa há 42 anos – horas antes de o chefe de Estado ter afastado do poder José Filomeno dos Santos, outro dos filhos do seu antecessor. A reunião aconteceu pouco antes de João Lourenço ter exonerado a Administração do Fundo Soberano de Angola (FSDEA), até quarta-feira liderada por José Filomeno dos Santos, filho do ex-chefe de Estado e actual presidente do…

Leia mais

FLEC continua a matar

Os independentistas da Frente de Libertação do Estado de Cabinda reivindicaram hoje a autoria de mais um ataque às Forças Armadas Angolanas (FAA), naquele enclave, provocando a morte de quatro militares, entre os quais um oficial superior. Num “comunicado de guerra” distribuído hoje e assinado pelo “tenente-general” Alfonso Nzau, a Frente de Libertação do Estado de Cabinda – Forças Armadas de Cabinda (FLEC-FAC) refere que o ataque – o terceiro reivindicado desde o início de mMaio – ocorreu na segunda-feira, na aldeia de Tshaca, nas imediações de Buco Zau. No…

Leia mais

Cabinda. “A luta continua e a vitória é certa”, diz a FLEC

Os independentistas da Frente de Libertação do Estado de Cabinda reivindicaram hoje a autoria de dois ataques, este mês, a patrulhas das Forças Armadas Angolanas (FAA), naquele enclave, os quais terão provocado a morte a nove militares. Num “comunicado de guerra” distribuído hoje, a Frente de Libertação do Estado de Cabinda – Forças Armadas de Cabinda (FLEC-FAC) refere que o primeiro destes ataques teve lugar na segunda-feira quando uma patrulha das FAA terá encontrado forças rebeldes nas matas de Buco-Zau. Neste confronto, a FLEC-FAC afirma que morreram quatro soldados angolanos,…

Leia mais