Quem interfere não é o Governo. É o Presidente do MPLA

A Unitel admite que a decisão de processar Isabel dos Santos na justiça britânica para recuperar uma alegada dívida foi discutida e aprovada pela Administração, mas negou (como se alguém acreditasse nisso), em documentos apresentados em tribunal, que tenha sido por ordem do Governo angolano que, há 45 anos, é do MPLA. Numa réplica aos advogados de Isabel dos Santos apresentada no Tribunal Comercial de Londres, a Unitel reconhece que o processo judicial no Reino Unido contra a Unitel International Holdings (UIH), detida pela Isabel dos Santos, para recuperar uma…

Leia mais

Unitel, Sonangol, Santos, Lourenço = MPLA

A empresária Isabel dos Santos, que controla a Vidatel, detentora de 25% da Unitel, explica que a sua decisão de deixar administração da operadora se prende com “o clima de conflito permanente”. Conflito que opõe os marimbondos de ontem aos de hoje e que, por sinal, também eram os de… ontem. “A pós 20 anos dedicados à criação, ao desenvolvimento e ao sucesso da Unitel, optei por deixar o cargo de membro do conselho de administração da empresa”, disse Isabel dos Santos em comunicado. A empresária que controla a Vidatel,…

Leia mais

Isabel 1 – Unitel 0

A Vidatel, da empresária Isabel dos Santos, congratulou-se hoje pelo reconhecimento, pela Unitel, da existência de dividendos a serem pagos pela operadora angolana no valor de 89 mil milhões de kwanzas (136 milhões de euros ao câmbio actual). “O comunicado emitido pela Unitel vem oficialmente confirmar a posição da Vidatel, na medida em que a Unitel é devedora da Vidatel e confirma também a não existência de quaisquer transferências injustificadas”, aponta a empresa de Isabel dos Santos, numa nota hoje emitida. No documento, a Vidatel “congratula-se” com a “confirmação por…

Leia mais

A luta, essa continua

Isabel dos Santos negou hoje ter recebido transferências injustificadas da Unitel, garantindo antes ser credora da operadora de telecomunicações que alegadamente não terá devolvido um empréstimo que obteve junto da accionista Vidatel Ltd., controlada pela empresária. A Vidatel Ltd., que detém 25% da Unitel, rebate em comunicado notícias que dão conta de que a filha do ex-Presidente da República, José Eduardo dos Santos, teria aproveitado a sua posição accionista na operadora para transferir, sem justificativos, fundos para as contas da Vidatel Ltd. em Portugal. O dinheiro circularia depois através de…

Leia mais

Quem se segue à Telstar?

Governo angolano abre esta segunda-feira uma nova fase de candidaturas para atribuição de licença à quarta operadora de telecomunicações do país, que decorre até ao dia 8 de Novembro, depois do primeiro concurso ter sido anulado. Segundo um comunicado do Ministério angolano das Finanças (MINFIN), tratando-se de um concurso limitado por qualificação prévia, desenrola-se em duas fases: a primeira, para habilitação dos interessados, até dia 8 de Novembro, seguindo-se uma segunda, de submissão das propostas pelos candidatos qualificados. O MINFIN adianta que a fase de propostas “será restrita aos candidatos…

Leia mais

PRA-JA o MPLA deixa!

O Tribunal Constitucional deferiu “o pedido de credenciamento da comissão instaladora para a inscrição do partido político de Abel Chivukuvuku”, denominado “PRA-JA Servir Angola”. Sem querermos transformar esta questão num saralho do carilho, UNIT(EL) e UNIT(A) são confundíveis? O despacho do Tribunal Constitucional refere que na sequência da primeira sigla do novo partido, PRA-JA, ter sido rejeitada por se confundir com a sigla de um partido inexistente, PRJA, a comissão instaladora requereu a inscrição da nova denominação PRA-JA Servir Angola. O Tribunal determinou um prazo de 15 dias para a…

Leia mais

Unitel na banca móvel porque liderar é servir

O administrador da Unitel, Miguel Geraldes, afirmou hoje que a operadora móvel angolana está interessada “em explorar” a possibilidade de entrar no negócio da banca móvel que considerou ter “grande impacto” na recuperação económica. Em declarações à Lusa à margem de uma conferência, em Lisboa, sobre desenvolvimento económico em África, Miguel Geraldes, nomeado director-geral da empresa em Maio, destacou que a entrada da banca móvel (‘mobile money’) em África tem ajudado as economias locais e beneficiado os bancos, considerando que “o ‘mobile money’ é essencial para as economias em choques…

Leia mais

Isabel dos Santos eleita para o CA da Unitel

Isabel dos Santos foi hoje reeleita por unanimidade para o Conselho de Administração da operadora angolana Unitel, para o período 2019/21, entrando a equipa em funções até 6 de Maio próximo, indica um comunicado da assessoria da empresária. Segundo o documento, a decisão foi tomada na Assembleia-Geral da operadora de telecomunicações angolana, que decorreu ao longo de todo o dia de hoje em Talatona, a sul de Luanda, em que estiveram presentes os representantes dos quatro accionistas que detêm a totalidade do capital social da empresa. No comunicado é indicado…

Leia mais

Unitel é a primeira empresa angolana a integrar o WEF

A operadora de telecomunicações Unitel, liderada por Isabel dos Santos, tornou-se na primeira empresa angolana a integrar a lista de Parceiros do Fórum Económico Mundial (WEF, sigla em inglês), anunciou hoje esta instituição que fomenta o desenvolvimento económico. “A parceria vai permitir à Unitel apoiar a missão do Fórum em África, envolver-se activamente nos projectos e estar representada no Encontro Anual de Davos, em 2020, no Encontro Anual dos Novos Campeões, na China, bem como nas cimeiras regionais em África e no Médio Oriente”, lê-se num comunicado distribuído hoje, em…

Leia mais

Carlos Saturnino mente

O presidente da petrolífera angolana Sonangol garantiu hoje que, para já, a empresa não vai alienar a participação de 25% na estrutura accionista da Unitel. Carlos Saturnino disse também nunca ter dito que a Sonangol queria vender a sua participação na Unitel, indicando terem sido “invenções da imprensa”. Mentira. Carlos Saturnino está a mentir. Na apresentação do programa de Regeneração da Sonangol, Carlos Saturnino diz (sic): “Até Dezembro de 2019 (…) a Sonangol pretende vender a sua participação na Unitel”. Numa conferência de imprensa de quase quatro horas, para assinalar…

Leia mais