E SIGA A FARRA

O Presidente angolano, João Lourenço, disse hoje, num debate com o seu homólogo português, que as relações de amizade e cooperação entre os dois países estão num “nível bastante alto”, sublinhando que os relacionamentos pessoais ajudam a que isso aconteça. “Tive a felicidade de durante este meu primeiro mandato termos sabido manter a um nível bastante alto as relações de amizade e cooperação entre os nossos dois países, entre Angola e Portugal, a todos os níveis, incluindo a nível pessoal, não obstante, no caso de Portugal o chefe de Estado…

Leia mais

FLEC/FAC “retoma” relações diplomáticas com Portugal

A FLEC/FAC, Frente de Libertação do Estado de Cabinda, em comunicado hoje divulgado e assinado pelo seu secretário-geral, Jacinto António Télica, diz ter decido retomar as relações diplomáticas com o Governo português e exortou Portugal a reconhecer aquele território como um Estado. A decisão de “retomar oficialmente as suas relações diplomáticas” com Portugal foi anunciada pela direcção político-militar da FLEC/FAC, num comunicado em que se afirma “disposta a fazer todo o possível para fazer da cooperação com o Governo português uma parceria estratégica”. No comunicado hoje divulgado, a FLEC lembra…

Leia mais

Dia de Portugal (europeu)

A embaixada portuguesa em Angola vai oferecer, quarta-feira, às autoridades angolanas, uma quantidade de equipamento de protecção individual sanitário e medicamentos, no âmbito da comemoração do Dia de Portugal. Agradecemos. Numa altura em que as balas (versão brasileira para rebuçados) estão a matar… é simpático. Segundo uma nota da Embaixada portuguesa, a entrega do material é uma “expressão da gratidão dos portugueses face ao país que tão bem os acolhe”. Em bom rigor, acolhe tão bem os estrangeiros. Mas essa é outra história. O acto simbólico, que terá lugar na…

Leia mais

“Eu e a primeira-dama”

“Bem-vindo, senhor Presidente”, saudou o Santo Padre, em português. “Muito obrigado. É uma grande honra para mim”, respondeu o Chefe de Estado angolano, num longo e fraternal aperto de mãos. Quase fez lembrar o que se passara com o seu antecessor, José Eduardo dos Santos. Em declarações à Rádio Vaticano, o Chefe de Estado angolano disse que a conversa foi em torno da cooperação entre ambos os países, tendo informado ao Papa Francisco que Angola, sendo um Estado laico, promove a sã convivência entre as várias religiões. “Falamos de Angola,…

Leia mais

“Europa não pode trocar dinheiro por dignidade”

O cabeça-de-lista do partido português Nós, Cidadãos! às eleições europeias, Paulo Morais, acusa (com toda a razão) as televisões portuguesas de não darem a mesma atenção a todos os partidos, apesar de as expectativas da campanha estarem a ser “superadas”. Contactado pelo Folha 8, perguntou: “Pode (a Europa) aceitar negociar com países, como Angola, onde as populações não vêem reconhecidos os mais básicos direitos humanos? Pode ajudar, por essa via, a enriquecer uma elite cada vez mais corrupta e cada vez mais desumana? E respondeu: “Não”. “A s televisões estão…

Leia mais

Portugal e Angola

Pelos meus minúsculos conhecimentos entendo que toda amizade deve ser baseada numa óptica de mutualidade e reciprocidade e não na rivalidade e conflitualidade permanente. Portugal e Angola falam, mas não conversam. Ser amigo de alguém não significa concordar com tudo que ele diz e pensa. Por Malundo Kudiqueba (*) Não defendo a unanimidade ou uniformidade de pensamento como condição para ser amigo de alguém. Dizem que Portugal e Angola são países irmãos, mas não vejo irmandade. Portugal e Angola têm uma amizade baseada em interesses, e toda amizade baseada em…

Leia mais

Amigos descartáveis

Faltam poucos dias para conhecermos um novo ano. Se eu tiver que fazer uma análise política daquilo que foi o ano de 2018 para a República de Angola, começarei por dizer que, este país, para além de vários problemas sociais internos, perdeu a capacidade de consolidar as suas amizades com os países irmãos e amigos acolhedores de longa data, com destaque a República Democrática do Congo (RDC). Por João Kanda Bernardo Em Outubro do ano em curso, quando Angola celebrava 40 anos dos acordos de boa vizinhança com a RDC,…

Leia mais

A melhoria das “ralações”

Nós nunca tivemos problemas de “ralações” bilaterais, com os portugueses, os angolanos ou com outros “eses” e “anos”, para termos necessidade de apaziguar e mudar comportamentos e atitudes. Também temos a certeza de que os angolanos e os portugueses de bom senso não tiveram problemas de “ralações” depois de reconhecida a dependência de Angola do MPLA, sem reconhecerem os cambalachos. Por Domingos Kambunji O que sabemos é que, muito recentemente, os que pensam ser donos das mentalidades, manipuladores de opiniões, em Angola e em Portugal, envolveram-se em grandes makas, especialmente…

Leia mais

Um passo histórico para portugueses e angolanos

Um forte dispositivo de segurança marcou a chegada do Presidente João Lourenço a Lisboa, onde hoje inicia a sua primeira visita de Estado a Portugal. António Costa considera que a visita do Presidente completa “um ciclo de normalização das relações” e Marcelo Rebelo de Sousa espera que Portugal e Angola estejam à altura do “desafio histórico”. A chegada do chefe de Estado ao hotel no centro da capital portuguesa, onde ficará hospedado até domingo, ficou marcada por um forte aparato de segurança junto do estabelecimento e que envolveu duas dezenas…

Leia mais

Sim, patrão; 是的,老板

A visita oficial à China feita pelo Presidente angolano, João Lourenço, saldou-se na assinatura de 138 contratos e garantias de empréstimo de 2.300 milhões de dólares (2.000 milhões de euros). Êxito total, diz o Governo. Será? Perguntam os mais cépticos. E a comida quando é que chega? Questionamos 20 milhões de pobres. Num encontro com o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, o Presidente da República, “acompanhado” pelo Presidente do MPLA e do Titular do Poder Executivo, prometeu que os financiamentos obtidos, bem como os que vier a contratar (sim, este é…

Leia mais