RTP “apoia” o mercenário

Os iluminados do MPLA de João Lourenço estão a recuperar os acéfalos mercenários do MPLA de José Eduardo dos Santos. Quando souberam que Artur Queiroz tinha sido operado, com sucesso, para mudar o cérebro do intestino delgado para o grosso, resolveram pedir-lhe ajuda. Foi contratado. É que o cheiro que ele agora exala transporta-os de forma mais emocional para as origens do partido. A “recuperação” contou agora, a propósito do 27 de Maio, com a ajuda da RTP África (órgão público português), num programa de Victor Hugo Mendes. Por Orlando…

Leia mais

Isabel confirma o que escrevemos em Outubro

Na entrevista que deu à RTP (e que será transmitida integralmente hoje à meia noite em Angola, 11 horas em Portugal) Isabel dos Santos confirma o que o Folha 8 escreveu no dia 25 de Outubro de 2019 ao admitir ser candidata à presidência de Angola. Vejamos, na íntegra, o texto que o Folha 8 publicou no dia 25 de Outubro de 2019 sob o título “Cavalo de Tróia” da Rússia em Angola chama-se Isabel”: Tanto quanto parece, Vladimir Putin não só encostou João Lourenço à parede como o chantageou.…

Leia mais

Presidente João Lourenço, tenha (alguma) vergonha!

O Presidente da República, João Lourenço, mentiu quando, na entrevista à RTP, disse que não há fome em Angola, retratando que o que há, apenas aqui ou ali, é uma ligeiríssima má-nutrição. E com ele mentiram também o Presidente do MPLA, João Lourenço, e o Titular do Poder Executivo, João Lourenço. Vejamos o que, sobre isto, afirma o Padre Jacinto Wacussanga (a voz dos pobres no sul do país): «Agora já sabemos porque nós os das periferias não somos pessoas, somos simples cartões eleitorais! Quando vêm as eleições, votar com…

Leia mais

Socorro. Lourenço na RTP lança o seu charme

Lourenço – a muito custo e com um ar enfadonho (o que não é de estranhar tão enfastiado e entediante é o entrevistador da RTP) – a uma questão sobre a coincidência do seu aniversário com a presença de “Ticelitium”, ainda que auto-imposta, em Angola, ia mesmo para dizer que em política não há confidências para jornalecos e publicistas de pacotilha, mas acabou por dizer que não há coincidências, como poderia ter dito o contrário, se acaso lhe viesse isso à cabeça e justificar-se assertivamente no seu tom monocórdico e…

Leia mais

Ordens superiores a quanto obrigam…

O Presidente angolano, João Lourenço, deu uma entrevista à RTP. O enviado da televisão pública portuguesa perguntou o que todos já perguntaram e ouviu as respostas que todos já ouviram. Ora, isso não é Jornalismo. É propaganda. Jornalismo é perguntar o que o entrevistado, neste caso, não quer que seja perguntado. Tudo o resto (como foi o caso) é apenas e só publicidade. Nessa acção de propaganda da RTP (fazendo lembrar os tempos de Paulo Catarro), João Lourenço afirmou hoje que as relações entre Angola e Portugal estão neste momento…

Leia mais

Granada sem cavilha,
jacarés esfomeados!

Ao longo de, pelo menos 46 anos (portanto bem antes da independência) tenho defendido aquilo que considero ser o mais correcto para a minha terra, Angola. Com a chegada de João Lourenço ao trono, os recados e as ameaças pararam. Bom sinal, pensei. Obviamente estava enganado. Por Orlando Castro Uma fugaz participação (enquanto jornalista do Folha 8) no programa “Conversas ao Sul”, da RTP África, fez alguns democratas de pacotilha mandar os sipaios do MPLA retirar a cavilha da granada. Exactamente a mesma estratégia do tempo de José Eduardo dos…

Leia mais

Escolha de Seixas da Costa para a RTP gera polémica

Dez cidadãos portugueses, entre os quais Paulo de Morais, João Paulo Batalha e Vasco Lourenço, contestam a indigitação por parte do Governo português de Francisco Seixas da Costa para o Conselho Geral Independente da RTP. E, por carta (à qual o Folha 8 teve acesso e que a seguir transcrevemos na íntegra), manifestaram essa oposição ao Presidente da Entidade Reguladora para a Comunicação Social. “O governo decidiu indigitar o Dr. Francisco Seixas da Costa para o Conselho Geral Independente da RTP. Esta indigitação muito nos surpreendeu, uma vez que entendemos…

Leia mais

Por um prato de lentilhas

Paulo Catarro diz que foi jornalista dos bons, trocou a RTP (era correspondente em Angola) pela Sonangol e é o mais recente caso de mercenarismo jornalístico “made in Portugal”. E siga a farra que o bordel está cheio. Lá como cá. Por Orlando Castro Uma trabalhadora independente com lugar marcado nas esquinas da cidade, que seja amiga (ou fornecedora de serviços) do dono, ou do filho do dono, de um jornal, pode de um momento para o outro ser jornalista. Em tempos, o presidente da República de Portugal, Cavaco Silva,…

Leia mais

O ponta-de-lança que a Sonangol foi buscar à RTP

No 24 de Junho de 2011, o Notícias Lusófonas publicou uma carta de um leitor sobre os excessos na delegação da RTP-África em Luanda, comandada por Paulo Catarro, e que – escrevia o leitor – punha em causa dignidade da RTP. Eis o que se dizia sobre o ex-delegado da RTP e agora “ponta-de-lança” da Sonangol. “Q ueria dar-vos conta do que se passa na Delegação da RTP-África e que põe em causa a dignidade dos jornalistas angolanos que lá trabalham. O jornalista português que dirige a redacção, Paulo Catarro,…

Leia mais

Paulo Catarro semeou
e a recompensa aí está

Para sua majestade o rei de Angola, José Eduardo dos Santos, “jornalista” bom, e que quer continuar vivo, é aquele que não viu nada, nada ouviu e que faz tudo para agradar ao regime de quem, aliás, recebe benesses. O mais recente paradigma desta tese chama-se Paulo Catarro. Por Orlando Castro Paulo Catarro deixou a RTP ao fim de 27 anos ao serviço da estação pública portuguesa. A sua decisão, disse, foi “muito ponderada”. Foi correspondente da RTP em Angola desde 2009. Pouco tempo depois converteu-se profissionalmente ao MPLA, foi-lhe…

Leia mais