Tal pai… tais filhos

A Edições Novembro, empresa do MPLA que é proprietária – entre outros meios de propaganda do regime- do Jornal de Angola, vai ter em circulação, até aos próximos meses, 11 títulos, entre os quais sete regionais, de acordo com o seu presidente do Conselho de Administração, Drumond Jaime. A informação foi avançada, em Mbanza Kongo, província do Zaire, durante a cerimónia de celebração dos 45 anos da empresa, que coincidiu com o lançamento do quinto título regional, o jornal Nkanda, que vai cobrir as províncias do Zaire, Uíge e Cabinda.…

Leia mais

Não era Canga, era tanga!

«Angola vence a pobreza», escrevia – em manchete – o Jornal de Angola no dia 18 de Junho de 2013. Era ministro da Agricultura Pedro Canga. O MPLA estava, como está desde 1975, no Governo. E é assim que se faz a história de um local mal frequentado ao qual, erradamente, se chama país. Transcrevemos, “ipsis verbis” o texto em questão: «Angola foi homenageada no domingo em Roma pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) pelo cumprimento do primeiro Objectivo de Desenvolvimento do Milénio (ODM) ao…

Leia mais

Rir e fazer rir enquanto mama

Em Maio de 2018, a administração das Edições Novembro, Empresa Pública (do MPLA) de comunicação social que é detentora – entre muitos outros – do Jornal de Angola, afirmou que a Administração anterior, chefiada por José Ribeiro, era um bando de incompetentes (ladrões, em tradução linear). Por Orlando Castro José Ribeiro não perdeu tempo a responder, encarnando o papel de virgem ofendida, disse que era tudo mentira e que, afinal, a culpa do que se estoira no bordel é da equipa chefiada por Victor Silva. Certo, certo é que o…

Leia mais

Rabo escondido com MPLA de fora

A embaixadora dos EUA, Nina Maria Fite, deu uma entrevista à RNA (do MPLA) no passado dia 2 mas só foi transmitida ontem, dia 19, e hoje mereceu manchete do Jornal de Angola (do MPLA). Foi uma, mais uma, manipulação aberrante do MPLA que manteve a entrevista em carteira para tentar, agora, minimizar os estragos do relatório da consultora Pangea Risk que revelou que o Presidente João Lourenço e outros altos dirigentes estavam a ser investigados nos EUA. Como o Folha 8 revelou no dia 16, um relatório da consultora…

Leia mais

O banquete dos Juniores Caetanos

Então não é que as redes sociais tinham razão quando diziam que o MPLA não é um movimento popular de libertação de Angola mas sim uma Matilha de Predadores Ladrões de Angola? O júnior Caetano do Jornal da Angola (JA) do MPLA vem agora dizer que ele e os seus kapangas dos órgãos oficiais de comunicação social, parasitas do dinheiro de todos os angolanos, “endeusaram pessoas cuja conduta merecia reprovação e nunca exaltação”? Por Domingos Kambunji Não nos esqueçamos que o JA homenageou durante vários anos o soba da corrupção,…

Leia mais

Sem vergonha na chipala

Victor Silva, director do Jornal de Angola do MPLA diz que “o Estado, através da Procuradoria-Geral da República (PGR), tem feito uma série de apreensões de bens e património, no âmbito da recuperação de activos do Estado que estão ou foram parar indevidamente às mãos de interesses privados ou de grupos”. A actual administração das Edições Novembro, Empresa Pública de comunicação social que é detentora do Jornal de Angola, dos Desportos, de Economia & Finanças, de Cultura, do Metropolitano de Luanda e do Planalto, afirma que a Administração anterior, chefiada…

Leia mais

Cabeças de lama rolando nas pedras

O jornal de Angola do MPLA, uma filial da ERCA do Adelino Almeida, num rasgo que só pode ser de comédia pateta, agora vem a público dar lições do que é democracia e liberdade de expressão? O jornal de Angola do MPLA que propagandeou a decisão do assassino Agostinho Neto para o MPLA iniciar uma guerra civil e mandar o MPLA fuzilar dezenas de milhar de angolanos, sem julgamento prévio, para impor uma ditadura marxista-leninista fracassada, quer dar aulas do que é democracia e liberdade de expressão? Por Domingos Kambunji…

Leia mais

Três, dois, um… a farra

O ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, reiterou, nesta quinta-feira, a necessidade de acelerar a modernização das Edições Novembro, no quadro do processo de transformação em curso naquela instituição. Ou seja, disse o mesmo que já disseram Nuno “Carnaval” e João Melo. Diferentes discursos só tiveram os anteriores ministros: João Filipe Martins, Boaventura Cardoso, Rui de Carvalho, Hendrick Vaal Neto, Manuel António Rebelais, Carolina Cerqueira e José Luís de Matos. A empresa Edições Novembro – E.P. é a proprietária e produtora dos títulos Jornal de…

Leia mais

Ca(e)tanadas Juniores

O servente ajudante do Victor Silva, o Caetano Júnior do jornal da Angola do MPLA, está muito zangado por criticarem as receitas culinárias com que ambos cozinham o jornal da Angola do MPLA. Vai daí, o Caetano arregaça as mangas, levanta as saias, em gesto de protesto, e todos podem observar quem usa uma fralda com necessidade urgente de ser mudada. Por Domingos Kambunji As pessoas não criticam a diversidade de pensamento e opinião. Criticam, isso sim, a subserviência que o jornal da Angola do MPLA demonstra em relação ao…

Leia mais

Prostitutas virgens!

As crianças que nasceram a semana passada na Re(i)pública da Angola do MPLA ainda não sabem e as que morrem, devido à vergonhosa mortalidade infantil no país, nunca saberão que o jornal da Angola do MPLA defendeu a condenação, pelos tribunais do MPLA, do William Tonet e do Rafael Marques por publicarem opiniões de combate à corrupção e defenderem a democracia. Por Domingos Kambunji O jornal da Angola do MPLA era propriedade do mesmo patrão que continua a decidir o que os escribas deste megafone do poder devem publicar, o…

Leia mais