FURTADO PROMETE ACABAR COM OS FURTOS

O ministro de Estado e chefe da Casa Militar do Presidente da República, Francisco Furtado, disse hoje, em Luanda, que vão ser orientadas medidas concretas para fazer face aos actos de vandalização de bens públicos que se verifica no país. Vamos ver por aí os mísseis intercontinentais do Comandante da Polícia, Paulo de Almeida? Francisco Furtado liderou uma delegação composta por dirigentes do Ministério da Energia e Águas, do governo da província de Luanda e da Polícia Nacional numa visita a ruas da capital angolana, com o objectivo de avaliar…

Leia mais

“ASSALTOS VIOLENTOS” (E IMPUNES) À IGREJA CATÓLICA

A Igreja Católica angolana tem registado, de “modo dramático, assaltos violentos” às suas instituições, nos últimos três meses, lamentando a “ausência de resposta” das autoridades policiais que, no seu entender, “encoraja os assaltantes”, foi hoje noticiado. Provavelmente, parafraseando João Lourenço, a “ausência de resposta” da Polícia é… relativa. A preocupação foi manifestada pelo arcebispo de Luanda, Filomeno Vieira Dias, que em declarações hoje à Rádio Ecclesia – Emissora Católica de Angola -, denunciou dois assaltos ocorridos em duas instituições católicas da província de Malanje, na última semana, em que as…

Leia mais

PALAVRAS, LEVA-AS O… MPLA

A responsável da Unidade de Informação Financeira (UIF) de Angola, Francisca de Brito, rejeitou hoje a ideia de que haja sistemas financeiros “limpos” ou “sujos”, salientando que os bilionários africanos existem porque tiveram ajuda dos bancos estrangeiros. Não seria caso para dizer que ladrões tanto são os que roubam, como os que ficam de guarda e como os que recebem o produto do roubo? Numa conversa com jornalistas em Luanda, Francisca de Brito (foto) sublinhou a importância da unidade que dirige no combate ao branqueamento de capitais e defendeu que…

Leia mais

“Devemos ser todos fiscais da coisa pública”

O ministro do Interior de Angola, Eugénio Laborinho, que discursava na abertura do primeiro Conselho Metodológico da Direcção de Administração e Serviços do Ministério do Interior, manifestou hoje preocupação com a vandalização de bens públicos, um fenómeno que se vem registando e aumentando na sociedade angolana nos últimos tempos. O titular da pasta do Interior referiu que este crime tem estado a ganhar contornos alarmantes, se se olhar para os prejuízos que tem causado ao Estado angolano. O governante pediu o apoio dos órgãos de comunicação social para sensibilizar a…

Leia mais

MPLA enaltece o seu Presidente. Quem diria?

O MPLA, partido no poder em Angola há 45 anos, enalteceu hoje a “coragem e convicção demonstradas” pelo seu Presidente, João Lourenço, na gestão do que considera “tão sensível processo” que envolve responsáveis da Casa de Segurança do chefe de Estado. O secretariado do Bureau Político do Comité Central do MPLA, em comunicado tornado público hoje, “encoraja” igualmente João Lourenço a “permanecer firme na liderança do combate sem tréguas à corrupção, à impunidade e ao nepotismo”. Para os camaradas do MPLA, no poder desde 1975, as acções em curso visam…

Leia mais

Quem vê roubar, quem entra no roubo, quem beneficia do roubo é… ladrão

João Lourenço, Presidente de Angola, Presidente do MPLA, Titular do Poder Executivo, escolhido pessoalmente por José Eduardo Santos para ser o seu sucessor, de quem foi – aliás – ministro da Defesa, estimou este domingo em cerca de 24 mil milhões de dólares (20,2 mil milhões de euros) os prejuízos causados ao Estado angolano pela política de delapidação do erário público dos últimos anos, exactamente aqueles em que teve importantíssimos cargos dirigentes. Por Orlando Castro O valor, que resulta dos processos (selectivos e que, por isso, não abarcam os novos…

Leia mais

Então e agora? Afinal como é?

O MPLA já esgotou todas as mentiras e desculpas para poder enganar os angolanos? Nós avisámos anteriormente de que a culpa era das desculpas. Toda a gente conseguia perceber, excepto os que revelam atrasos no desenvolvimento da capacidade de raciocínio. Por Domingos Kambunji Ainda não há muito tempo, quando se iniciou a anterior crise internacional, o MPLA dizia que o país não entraria em crise porque foi capaz de diversificar a economia atempadamente. Depois começou a faltar kumbu devido ao abaixamento do preço do petróleo. O MPLA disse que o…

Leia mais

Combater a fome matando
os milhões que têm… fome!

O I Fórum Económico Rússia-Africa integra uma ampla área de exposição de armamento russo, onde empresários de mais de 40 países africanos podem experimentar e encomendar “Kalashnikovs”, sistemas de defesa anti-aérea ou programas de reconhecimento facial. Nada como ajudar a combater a fome matando quem tem… fome. O presidente russo, Vladimir Putin, reuniu quarta-feira e hoje em Sochi chefes de Estado e de Governo de 43 dos 54 países africanos e aproveitou a ocasião para assinar novos acordos de cooperação nuclear e para expor as novidades da indústria militar aos…

Leia mais

Porra! Parem estes assassinos!

Morreu mais uma. Paz à sua alma. Mais uma mulher. Uma mãe zungueira. Inocente. Morreu nas mãos de um energúmeno assassino, vestido com as cores do Estado (que Estado, afinal?), postando um colete azul, identificado mais com a morte do que com a pedagogia, mais com ódio do que com o civismo. Por William Tonet O crime pelo qual mereceu tão cruel, covarde e selvática sentença foi o de trabalhar honestamente, rasgando as ruas de uma cidade (sem oportunidades empregantícias públicas e privadas), vendendo hortícolas, para alimentar sete filhos, um…

Leia mais

Roubar, violar, matar…

O cidadão quando ouve falar de fiscal, em Luanda, associa (por longa e dolorosa experiência) sem pestanejar a actividade deste agente público, à de um reles bandido ou delinquente comum, com a diferença do primeiro portar um colete, com insígnias Fiscalização, cartão de identificação e andar numa carrinha oficial. Era assim em 2017, é assim em 2019. Tirando estes elementos de identificação do Estado, a prática quotidiana é de autênticos bandoleiros que actuam num não-Estado, como se fizessem parte de uma ampla organização mafiosa de malandros da ladroagem pública e…

Leia mais