Irineia Gabriel representa Angola

A Directora do Centro de Estudos do Desporto de Guimarães (Portugal) – unidade de trabalho na área da investigação e formação criada em 2018 pela Tempo Livre-, Paula Nogueira, e Alexandra Gonçalves (atleta de futsal da GTeam e estudante de Enfermagem) são as portuguesas presentes no projecto FLOT – Female Leaders of Tomorrow, uma iniciativa da TAFISA – The Association for International Sport for All cofinanciada pela Comissão Europeia. Uma outra jovem atleta, dirigente desportiva e universitária, Irineia Gabriel (de Luanda), representa Angola no mesmo grupo de trabalho. O FLOT…

Leia mais

País adiado

Várias actividades culturais estão a ser proteladas em Angola, nomeadamente espectáculos musicais e de moda, como “medidas de precaução” à pandemia do novo coronavírus, apesar do país não registar qualquer caso confirmado. Entre as actividades adiadas, está o espectáculo musical “Vozes de Março”, agendado para 27 e 28 deste mês, em Luanda, uma medida que segundo a produtora Nova Energia surge para “prevenir e evitar a propagação do vírus”. Em comunicado hoje divulgado, a organização, que se manifesta “preocupada com a rápida evolução” do novo coronavírus a nível do mundo,…

Leia mais

Pérola de classe mundial no andebol angolano

Albertina Kassoma, a nova estrela do andebol mundial, nasceu em Angola, país riquíssimo no que toca a matérias-primas, inexploradas na sua maioria, e conta mais de 20 milhões de pobres entre cerca 26 milhões de nacionais. No dia 23 de Agosto próximo, nove milhões e meio de angolanos, passados ao crivo do aparelho de Estado, irão às urnas. O objectivo é escolher deputados e, por arrasto, o presidente da República de Angola, que será o cabeça-de-lista do partido que tiver mais votos. Em Angola o andebol feminino é um orgulho…

Leia mais

MPLA vence Girabola 2016

É sabido que, teoricamente, Angola é um país democrático e de direito mas, na prática, as acções do regime demonstram um país autocrático, onde o partido governante perdeu a vergonha de expor a promiscuidade entre as acções político-partidárias e as da Nação. Por Pedrowski Teca Em Angola, supostamente um Estado Laico, são enjoativas as demonstrações de afecto, expressas publicamente, do casamento promíscuo entre a política e a religião, onde líderes religiosos bajulam a camada governativa, sobretudo Sua Excelência, o presidente da República, José Eduardo dos Santos. O mesmo acontece no…

Leia mais

Futáfrica aposta nos PALOP

Futáfrica aposta nos PALOP - Folha 8

A nova versão da revista digital Futáfrica pretende levar ao público as notícias do desporto africano, nomeadamente do futebol nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), disse hoje um dos responsáveis pela publicação. “E xistem muitas comunidades em Portugal que têm origem nos PALOP, disse Adolfo Lopes, explicando o potencial da revista no mercado português, que pretende suprir uma lacuna que existe no país. “Os nossos jovens, que são filhos destas gerações de imigrantes, estão cada vez menos ligados a África. Queremos que as novas gerações olhem mais para…

Leia mais

“Portugal não sabe estar presente em Angola”

“Portugal não sabe estar presente em Angola" - Folha 8

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, afirmou em Luanda que por vezes Portugal “não sabe estar presente em Angola”, observando que a comitiva portista é mais apreciada neste país do que em território luso. O líder portista discursava no final da cerimónia de posse dos novos corpos dirigentes da casa do clube de Luanda, que integram um ministro e um governador provincial. “É agradável, direi mesmo que é reconfortante, a esta distância, ainda que num país amigo e irmão, possamos sentir que o FC Porto é aqui mais…

Leia mais

Atirador do 1º de Agosto conquista Taça de Angola

O atirador huilano filiado ao 1º de Agosto, Paulo Silva, conquistou, no Lubango, província da Huíla, a Taça de Angola de tiro aos pratos, quebrando 115 em 125 possíveis. A prova, que decorreu no campo de tiros com o seu nome, enquadrou-se também na quinta etapa do Campeonato Nacional da modalidade, teve nas posições seguintes Gastão Elias com 110 e Mário Ribeiro Cacongo com 109 pratos quebrados, ambos do Interclube. Ausente da edição passada da Taça de Angola, Paulo Silva mostrou-se radiante com o seu desempenho, por se tratar da segunda…

Leia mais