Ora então, fazer o que não tem sido feito (trabalhar)

O líder da coligação angolana CASA-CE, Abel Chivukuvuku, lembrou, hoje, aos dirigentes da segunda maior força da oposição que o MPLA permite que exista, que a curto prazo têm o desafio das eleições autárquicas e o sucesso depende da qualidade e profundidade do trabalho. Abel Chivukuvuku falava na posse do novo secretário executivo nacional, Rafael Aguiar, antigo secretário da ala juvenil da coligação, que substituiu no cargo Leonel Gomes, deputado à Assembleia Nacional. De acordo com Abel Chivukuvuku, com este acto, a CASA-CE dá “mais um passo” no seu processo…

Leia mais

CASA – tudo para ser poder

VÁRIOS VÍDEOS DO CONGRESSO. Sob o lema “uma Angola para Todos”, a CASA-CE realizou entre os dias 06 à 07, o II Congresso Ordinário, para delinear não só o caminho, como a estratégia eleitoral, para as eleições gerais de 2017, onde ambiciona vencer para formar governo. Reunindo um universo de mais de 900 delegados oriundos das 18 províncias do país, o processo de transformação de coligação para partido político constituiu um dos pontos mais polémicos, pela divisão que proporcionou no seio dos congressistas. Uns, a maioria, defendia a transformação já,…

Leia mais

Logística das Forças Armadas em análise

A situação logística dos três ramos das Forças Armadas Angolanas (Exército, Força Aérea e Marinha de Guerra) está a ser analisada hoje, em Luanda, numa reunião da Direcção Principal de Logística do Estado Maior General das FAA. D urante o encontro, que termina amanhã, os participantes deverão avaliar o estado de execução dos programas de investimentos, aquisição e abastecimento de produtos, bem como proceder ao balanço das transportações efectuadas no segundo e terceiro trimestres de 2015. Ao discursar no acto de abertura, o vice-chefe do Estado Maior General das FAA…

Leia mais

DDT nada teme

DDT nada teme - Folha 8

O Presidente vitalício de Angola, também Presidente do MPLA e Chefe do Governo, José Eduardo dos Santos, afirmou hoje que a queda do preço do petróleo, que já vai levar o Governo a avançar com um orçamento rectificativo para 2015, “estimula a criatividade” e promove “novas oportunidades”. O chefe de Estado falava no Palácio Presidencial, em Luanda, na habitual cerimónia de apresentação de cumprimentos de Ano Novo pelo corpo diplomático e consular acreditado em Angola, a quem pediu apoio para ultrapassar as dificuldades que se avizinham. “No plano bilateral, queremos…

Leia mais

Cabo Verde precisa de um “novo GPS”

Cabo Verde precisa de um "novo GPS" - Folha 8

O analista cabo-verdiano Corsino Tolentino defende que Cabo Verde sobreviveu no “fio da navalha” em 2014 e precisa, para 2015, de um “novo GPS”, uma “governação mais credível, paz duradoura e segurança interna e externa”. E m entrevista à agência Lusa, o também diplomata, investigador e antigo director-geral da Fundação Calouste Gulbenkian salientou que, em 2014, o Governo manteve um programa de infra-estruturação do país com base em estradas, barragens, portos, aeroportos e habitação subvencionada. No entanto, referiu, “apesar da bondade social das escolhas”, existem dúvidas sobre a sua eficiência…

Leia mais