UNICEF QUER FAZER AQUILO QUE O MPLA NÃO FAZ

A Unicef quer garantir o tratamento imediato da desnutrição severa de 10 mil crianças no sul de Angola, região que enfrenta actualmente uma das piores secas dos últimos 40 anos, anunciou hoje a organização. Ao que parece, o MPLA (que está no Poder há 46 anos) desconhecia que o sul de Angola faz parte de… Angola! Em comunicado, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) adianta estar a trabalhar com os governos de províncias do sul de Angola num projecto financiado pela Direcção de Protecção Civil e Ajuda…

Leia mais

NASCER COM FOME E MORRER COM… FOME

O dia 20 de Novembro é o Dia dos Direitos da Criança. Celebra-se mais um aniversário da Convenção sobre os Direitos da Criança, o tratado internacional mais ratificado em toda história. Nunca mais chega a altura de todos os dias do ano serem dia das crianças. Então em África, então em Angola… Como sempre, Angola ratificou a Convenção em 1990 manifestando desta forma o seu pleno compromisso com a realização de cada direito da criança. Contudo, as nossas crianças continuam a ser geradas com fome, a nascer com fome e…

Leia mais

A história do Joãozinho

A Polícia angolana desmantelou, em Luanda, um grupo de supostos marginais, liderados por um menor de 10 anos, que se dedicavam ao crime de roubo em residências e estabelecimentos comerciais, com recurso a catanas e facas. Segundo o informe do comando provincial de Luanda da Polícia Nacional, o grupo era ainda integrado por outros menores de 16 e 17 anos e um adulto de 37 anos, que actuavam no distrito urbano do Zango, município de Viana. Conta-se que, em tempos, o mais ilustre comandante da Polícia Nacional (do MPLA), Paulo…

Leia mais

São geradas com fome, nascem com fome, morrem com fome

Metade das crianças com idade entre seis meses e dois anos de 91 países não faz o número mínimo de refeições recomendadas por dia, enquanto dois terços não têm a dieta variada necessária para se desenvolverem adequadamente. A denúncia, recorrente, é feita pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), num relatório hoje divulgado. “Os resultados do relatório são claros: Numa fase em que muito está em jogo, milhões de crianças pequenas sentem a ameaça do fracasso”, declarou a directora da UNICEF, Henrietta Fore, citada num comunicado que insta…

Leia mais

Crianças são escravos em duplicado

Angola fracassou no alcance das metas definidas no protocolo internacional dos 11 compromissos da criança, dizem analistas angolanos para quem é necessário que o Governo do MPLA há 46 anos tenha (como é seu dever) um papel mais activo para que se cumpram esses objectivos. Os 11 compromisso são “a esperança de vida ao nascer”, a “segurança alimentar e nutricional”, o “registo de nascimento”, a “educação da primeira infância”, “a educação primária e formação profissional”, “ justiça juvenil”, “prevenção e redução do impacto do VIH/SIDA nas famílias e nas crianças”,…

Leia mais

Num não-país vale (mesmo) tudo

A situação económica de Angola é “muito periclitante” afirma o economista angolano Alves da Rocha, alertando para que o financiamento da campanha para as próximas eleições gerais de 2022 pode ter impacto no défice orçamental. E sendo assim… se calhar o melhor é prorrogar o mandato anterior do MPLA por mais… 54 anos. “Estamos numa situação muito periclitante”, disse à Lusa Manuel Alves da Rocha, resumindo desta forma as conclusões do relatório económico de Angola (2019-2020), produzido pelo Centro de Estudos e Investigação Científica (CEIC) da Universidade Católica de Angola,…

Leia mais

Caviar e Château-Grillet para o MPLA

A desnutrição (fome na linguagem dos nossos 20 milhões de pobres) provocou a morte de 87 crianças no primeiro semestre do ano na província angolana de Benguela, um aumento de quatro casos em relação ao mesmo período de 2020, informou hoje fonte sanitária local. Segundo a supervisora municipal do programa de nutrição em Benguela, Filomena Manuel, o desmame precoce e uma dieta alimentar desequilibrada estão na base do aumento de casos de crianças desnutridas, com idades até aos cinco anos. Filomena Manuel, citada pela agência noticiosa angolana, Angop, referiu que…

Leia mais

Crianças (também) são uma espécie menor?

O número de crianças desacompanhadas ou separadas em fuga de Cabo Delgado para centros de reinstalação em Montepuez, no norte de Moçambique, aumentou 40% em Julho, segundo dados divulgados hoje pela organização não-governamental (ONG) Save the Children. Enquanto isso, os dirigentes daquela aberração chamada Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), cantam, riem e olham para o lado. O aumento nos centros de reinstalação na pequena cidade de Montepuez, em Cabo Delgado, “de 395 crianças no final de Junho para 550 no final de Julho realça o impacto devastador do…

Leia mais

Em vias de extinção em 2012, a declinar em 2021

Em 25 de Abril de… 2012, a malária estava em vias de extinção, segundo o órgão oficial do MPLA (Jornal de Angola), em 2021 o surto de malária que Angola registou, nos últimos meses, com quatro milhões de casos e acima de 5.000 óbitos, “está a declinar”, anunciou hoje o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda. O governante angolano falava à imprensa à margem do seminário sobre o Mapeamento de Riscos com Impacto na Saúde Pública, que hoje arrancou em Luanda e decorre até quinta-feira, com o…

Leia mais

Em Angola, fome é património (i)material do MPLA

Em 2020, ano marcado pela pandemia de Covid-19, o mundo testemunhou um “agravamento dramático” da fome, com quase um décimo da população mundial a sofrer de subnutrição, revelaram esta segunda-feira as Nações Unidas num novo relatório. Segundo a FAO, 23,9% da população angolana passa fome, o que equivale a que 6,9 milhões de angolanos não tenham acesso mínimo a alimentos. Entre 720 milhões e 811 milhões de pessoas no mundo foram vítimas do flagelo da fome em 2020, segundo estima o relatório anual “O Estado da Segurança Alimentar e Nutrição…

Leia mais