Escolas de referência “made in” MPLA

O ministro de Estado para a Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior, anunciou, em Luanda, a selecção de 57 estabelecimentos escolares, 51 dos quais do ensino pré-escolar, primário e secundário e seis centros de formação profissional, para o arranque do “Projecto Escolas de Referência (PER).” Ao intervir no acto de lançamento do PER, Manuel Nunes Júnior realçou que as escolas seleccionadas vão servir de modelo e garantir as condições necessárias para poderem ministrar um ensino com a qualidade requerida. “O projecto é de alcance nacional e de grande importância estratégica para…

Leia mais

Formação no Sul, terrorismo no Norte

Os primeiros elementos do contingente português que vai ajudar na formação das forças militares moçambicanas partirão na primeira quinzena de Abril, confirmou o Ministério da Defesa de Portugal. E sendo assim, os terroristas têm tempo de sobra para continuarem a matar com toda a impunidade. O envio deste contingente de 60 militares portugueses, das forças especiais, é enquadrado pelo novo acordo-quadro de cooperação bilateral que está a ser ultimado pelos ministérios português e moçambicano, disse fonte da tutela. Em entrevista à Lusa divulgada no passado dia 17 de Fevereiro, o…

Leia mais

Convenções não alteram a discriminação. A educação sim!

O Governo angolano considerou hoje que a aplicação da Convenção para Eliminação de Formas de Discriminação Racial levanta “questões controversas”, incluindo fenómenos históricos como a escravatura e o colonialismo, e está a capacitar agentes públicos nesse domínio. Capacitar? Onde, como, quem? Agentes do tipo se “haver” necessidade assinaremos um “compromíssio”? Segundo a secretária de Estado para os Direitos Humanos, Ana Celeste, a aplicação deste instrumento jurídico internacional impõe também “outras questões de importância crucial como problemas enfrentados pelas vítimas e da discriminação dupla”. O país ratificou a Convenção Internacional sobre…

Leia mais

O Rei Midas escatológico

Um dos penduras no Orçamento Geral do Estado, instalado num órgão de comunicação social oficial, ao serviço do MPLA, está muito chateado porque criticaram os pontapés na gramática, os erros ortográficos e a construção das notícias. Por Domingos Kambunji Todas as pessoas cometem erros de diferentes tipos na elaboração de uma mensagem, mas o que acontece na realidade é que esse órgão de comunicação, parasitando o dinheiro de todos os angolanos, exagera na manipulação da mensagem, fanaticamente subserviente ao partido no poder há 45 anos. O subdirector, com lágrimas de…

Leia mais

Europeus e africanos, africanos e europeus

Os grandes países do mundo estão a ser governados por líderes pequenos e os países pequenos estão a ser dirigidos por líderes complexados. Os países europeus são bons investidores, os países africanos são bons consumidores. Os países europeus são poupados, os países africanos são gastadores. Por Malundo Kudiqueba (*) Os países europeus gostam de fazer perguntas, os países africanos gostam de fazer afirmações. Os países europeus vivem o presente pensando no futuro, os países africanos vivem o presente como se o amanhã não existisse. Os países europeus encorajam as pessoas…

Leia mais

“Frumação de Profeçores”

Essa deve ser, com quase certeza absoluta, uma brincadeira de mau gosto. Com que então agora dizem que os professores angolanos poderão vir a ser formados na República do Gana, na sequência de um acordo assinado entre os dois países? Isto até parece mentira. Por Domingos Kambunji Angola corre o risco de, em breve, ter mais universidades do que população. Não nos esqueçamos que somos quase trinta milhões de angolanos residentes… Na próxima campanha eleitoral o MPLA irá prometer fundar 40 milhões de universidades? O objectivo é fundar muitas, muitíssimas…

Leia mais

Os nossos jovens

A população mundial nunca teve tantos jovens. Esta é a maior geração de jovens de sempre no mundo. Portanto, o potencial humano que existe é imenso. É preciso acreditar nesta geração, dar-lhe as ferramentas para que possa superar-se e fazer coisas que não imaginava possíveis. Por Isabel dos Santos (*) Todos nós – empreendedores, governos, empresas – devemos investir nos jovens: educação, emprego, oportunidades de carreira… futuro. Ao fazermos isso, imaginem o salto de desenvolvimento que podemos trazer a todas as nações de África. Os jovens de hoje compreendem o…

Leia mais

Ainda falta erradicar as sequelas do colonialismo?

O Presidente da República, João Lourenço, solenemente acompanhado (como nunca poderia deixar de ser) pelo Presidente do MPLA e Titular do Poder Executivo, inaugurou hoje a Academia de Ciências Sociais e Tecnologias, uma instituição de ensino superior pública, que custou ao Estado 72,9 milhões de dólares, 90% dos quais financiados pelo Eximbank da China. Como dizia Agostinho Neto (em 1977), as nossas universidades devem “estar ao serviço da revolução e constituir um dos factores de combate às sequelas do colonialismo e para a implantação de uma democracia popular…” O empreendimento…

Leia mais

Kangamba a ministro, já!

Bento dos Santos Kangamba não é, mas poderia ser, Mestre em Electrónica e Telecomunicações pela Universidade Agostinho Neto, onde também se poderia ter licenciado em Física, na especialidade de Electrónica. No início da sua carreira profissional não desempenhou, mas poderia ter desempenhado, por várias vezes a função de docente. Não está, mas poderia estar, habilitado a ser ministro das Telecomunicações e das Tecnologias de Informação de Angola. Certamente não faria pior do que José Carvalho da Rocha. Assim, tomamos a liberdade de sugerir a quem manda em tudo no país,…

Leia mais

UKB avança com mestrado em ensino primário

Um curso de mestrado em ensino primário é a grande aposta da Universidade Katyavala Bwila, em Benguela, para o ano académico 2019, visando a formação de professores que possam contribuir para a urgente melhoria da qualidade do ensino a esse nível. Essa informação foi avançada hoje, quarta-feira, à imprensa, pelo reitor da UKB, Albano Ferreira (foto), referindo que o Isced Benguela começa a qualificar-se e a destacar-se num conjunto de instituições de ciências da educação em Angola, por ter desenvolvido estudos profundos sobre currículos de formação de professores e assumir…

Leia mais