Pandemia e golpes de estado por culpa dos… outros

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, disse hoje nas Nações Unidas que a diferença entre países na administração das vacinas contra a Covid-19 é “chocante” e defendeu a liberalização da sua produção e distribuição. “É chocante constatar-se a disparidade existente entre umas nações e outras no que diz respeito à disponibilidade de vacinas, pois essas diferenças permitem, nalguns casos, administrar-se já uma terceira dose, enquanto noutros países, como ocorre em África, a larga maioria não está sequer vacinada com a primeira dose”, disse o chefe do Estado angolano…

Leia mais

Vacinas no fim da validade e o camião do Porto para a Beira

A “task-force” da luta contra o Covid-19 em Portugal garantiu hoje que “não serão desperdiçadas” as 500 mil vacinas contra a Covid-19 que expiram em Outubro, estando programada a doação a outros países, tal como já aconteceu com mais de 200 mil doses. “Não serão desperdiçadas vacinas nenhumas”, garantiu hoje o vice-almirante Gouveia e Melo à margem da visita ao Centro de Vacinação de Loures. Em causa está a proximidade do fim da validade de cerca de 500 mil vacinas da Astrazeneca que o responsável da “task-force” explicou que vão…

Leia mais

A sapiência do mestre João Lourenço

O Presidente angolano, João Lourenço, juntou-se ao Presidente do MPLA e ao Titular do Poder Executivo num apelo à união de esforços entre todos os países africanos para melhor explorarem os mecanismos de acesso às vacinas contra o novo coronavírus que “injustamente não estão” ao seu alcance. “O nosso continente só poderá vencer a pandemia da Covid-19 se houver a união de esforços entre todos os países africanos, no sentido de melhor explorarmos os mecanismos de acesso às vacinas que injustamente não estão ao nosso alcance”, disse João Lourenço durante…

Leia mais

Certificado para Astrazeneca de origem indiana? O MPLA resolve…

O embaixador português em Luanda, Pedro Pessoa e Costa, admitiu hoje estar preocupado com a situação dos portugueses vacinados em Angola com a vacina Astrazeneca produzida na Índia que as autoridades europeias não têm certificado. “A Astrazeneca deveria ser igual tanto a produzida na Índia como noutros sítios”, porque este é “um combate de todos”, afirmou aos jornalistas Pedro Pessoa e Costa, durante o início da administração das vacinas trazidas por Portugal na quinta-feira pela comitiva do Presidente português, que esteve presente na Conferência de Chefes de Estado e de…

Leia mais

Estaremos mesmo no bom caminho?

A representante da Organização Mundial da Saúde (OMS) em Angola, Djamila Cabral, reiterou hoje que o processo de vacinação em curso no país está no bom caminho, cuja meta é proteger a população. Assim, quem já foi vacinado… está vacinado e, pasme-se, a finalidade é proteger a população. Quem diria? Djamila Cabral disse que Angola preparou-se desde muito cedo para receber as vacinas “e desde o dia 2 de Março que iniciou o processo de imunização e que qualidade da organização tem vindo a aumentar. A responsável considera que a…

Leia mais

Chulam África até ao tutano

O director do departamento africano do Fundo Monetário Internacional (FMI) considerou hoje que o continente enfrenta uma “divergência perigosa” face ao resto do mundo em termos de vacinas e de crescimento económico decorrente da pandemia. “A recuperação é mais anémica do que gostaríamos, temos um crescimento de 6% no mundo, e na África subsaariana é de 3,4% este ano, queríamos que fosse ao contrário, porque esta é uma divergência perigosa”, afirmou Abebe Aemro Selassie, durante a Cimeira da Paz, que decorre na véspera da realização da cimeira sobre o financiamento…

Leia mais

Quem sai aos seus…

Em Portugal, autarcas, dirigentes de lares, funcionários da segurança social e do INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica) estão no centro dos vários casos de vacinação indevida (vigarice) denunciados em vários pontos do país, alguns a ser alvo de inquéritos por parte do Ministério Público. É fácil aos angolanos saberem quem foram os mestres dos nossos dirigentes… O primeiro caso de vacinação a violar os critérios estabelecidos no plano nacional a ser denunciado envolveu José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, que justificou ter sido vacinado na…

Leia mais

Europa abre cordões à bolsa

O Banco Europeu de Investimento vai conceder um empréstimo de 50 milhões de euros ao Ministério da Saúde angolano para o combate à Covid-19, anunciou hoje a embaixadora da União Europeia (UE) em Angola, Jeannette Seppen. Segundo a diplomata europeia, que falava hoje durante a cerimónia de doação de material de biossegurança e de testes de Covid-19 ao Governo angolano, o referido empréstimo será combinado com uma doação de cinco milhões de euros para assistência técnica. No âmbito da pesquisa em nutrição, incluído o impacto da crise da Covid-19, Jeannette…

Leia mais

Criminosos já vendem vacinas

Ainda a vacinação contra a covid-19 não começou a sério em toda a Europa e já circulam anúncios de vacinas falsificadas à venda na internet. Como avança hoje o Jornal de Notícias (Portugal), um estudo da Checkpoint Research, empresa internacional especializada em cibersegurança, identificou anúncios que prometem vacinas a 300 euros. No passado dia 3 o Folha 8 noticiou que a Interpol emitira um alerta global aos seus 194 países membros, incluindo Portugal, alertando-os para se prepararem para ataques das redes de crime organizado que em breve vão actuar nas…

Leia mais

Covid-19 acelera em África

África ultrapassou nas últimas 24 horas os 1,2 milhões de infectados pelo novo coronavírus, quase duplicando as infecções em pouco mais de um mês, e contabilizando mais 342 mortos em relação ao dia anterior, segundo dados oficiais. O Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), que reúne os dados dos 55 membros desta organização, refere que a região conta agora com 1.202.918 infectados, mais 7.621 do que terça-feira. A meio de Julho, os casos de Covid-19 em África eram sensivelmente metade (625.702 a 15 de…

Leia mais