“Falhanço do milagre prometido em 2017”

A consultora Fitch Solutions considerou que Angola deverá manter o ritmo de implementação de reformas, mas alertou que a atracção de investimento estrangeiro é dificultada pela corrupção e que há potencial para mais contestação. Mas para “alterar” a percepção dos investidores estrangeiros, João Lourenço tem a solução: dar instruções aos tribunais para crucificar Isabel dos Santos. “Na Fitch Solutions, esperamos que o Governo de João Lourenço mantenha um nível relativamente robusto de fôlego nas reformas em Angola nos próximos trimestres, e que continue de forma abrangente a luta contra a…

Leia mais

Angola do MPLA não se
faz (é claro!) em 44 anos

A consultora Fitch Solutions reviu em forte baixa a perspectiva de crescimento do sector da construção em Angola, para 0,8% em 2019 e 0,2% em 2020, influenciada pela evolução dos preços do petróleo. Sempre com o mesmo vilão, o petróleo, o Governo continua sem perceber que acelerar a fundo com a carripana em ponto morto… nunca mais ela sai do sítio. “Baixámos significativamente a perspectiva de evolução da indústria da construção em Angola, no seguimento da redução das nossas estimativas para o preço do petróleo nos próximos anos, que deve…

Leia mais

Êxito total. Construção “cresce” de 6,7% para… 0,9%!

A consultora Fitch Solutions cortou a previsão de crescimento do sector da construção em Angola de 6,7% para 0,9% nos próximos quatro anos, uma revisão significativa devido à descida do preço do petróleo. O MPLA irá responder, por exemplo, com a megalómana construção do Bairro dos Ministérios… “R evimos a nossa previsão de crescimento para a indústria da construção no seguimento das novas previsões para a evolução do preço do petróleo, que estimamos deverá rondar os 60 dólares a médio prazo, bem abaixo dos níveis anteriores a 2014″, escrevem os…

Leia mais

Uma no cravo, outra na ferradura e duas no Povo

A consultora Fitch Solutions vinca que os esforços teoricamente reformistas de João Lourenço “são cruciais para melhorar o crescimento económico a médio e longo prazo, limitando o risco de perturbações sociais”, mas alerta que até, se lá chegar, existem sérios riscos de instabilidade social a curto prazo. A 8 de Janeiro a Fitch Solutions tinha dito a mesma coisa, pelo que é previsível que daqui a três ou quatro meses volte a repetir a analise… e assim sucessivamente. Nesse dia esta mesma consultora disse que a “agenda reformista” do Presidente…

Leia mais