Sua majestade o rei
e o sipaio maní(a)co

João Lourenço, no caso com a “toga” de líder do MPLA, partido no poder em Angola desde 1975, disse hoje que com a “eleição” do novo presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) fica preenchido um dos pressupostos para a realização das primeiras eleições autárquicas, previstas para este ano. Pressuposto “sine qua non” o MPLA não garantia, logo à partida, a vitória da batota. A posição foi hoje expressa pelo líder do MPLA na abertura da III reunião ordinária do Comité Central do partido. Segundo João Lourenço, com a eleição do…

Leia mais

Adalberto, será desta?

O presidente da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, admite manifestações públicas em Angola contra a posse do novo presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), Manuel Pereira da Silva “Manico”, considerando que a sua nomeação surge para “eternizar o regime no poder”. Nada de novo, portanto. “Esta semana aquilo que o regime fez foi tomar medidas para ficar no poder eternamente. Quando há um homem [o novo presidente da CNE] que está a ser contestado pelo povo, por toda a gente, os órgãos do Estado admitem a sua posse”, afirma o…

Leia mais

Os Manicos do Pravda do MPLA

Aquele candengue que é moço de recados do que o Comité Central do MPLA manda fazer e dizer no jornal da Angola do MPLA, o Caetano Júnior, bastante júnior e por isso demasiado imaturo para ter uma visão global de tudo o que se relaciona com o bom senso, o bem estar dos angolanos e a ética, está muito zangado com os deputados da oposição na Re(i)pública da Angola do MPLA. Por Domingos Kambunji É compreensível, não aceitável, este tipo de comportamentos dos monangambés do jornal da Angola do MPLA…

Leia mais

Fraude está aí. Dono disto tudo impõe Manico na CNE

O Presidente da República de Angola, do MPLA e Titular do Poder Executivo, João Lourenço, ordenou hoje que a Assembleia Nacional devia dar posse ao presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) e que este foi indicado de acordo com a legislação. E assim aconteceu. Para abrilhantar o bordel, dois jornalistas da Palanca TV foram agredidos por agentes da Polícia (do MPLA), em Luanda, enquanto cobriam uma manifestação em protesto contra a tomada de posse do novo presidente da CNE, Manuel Pereira da Silva “Manico”. “S omos um estado de direito…

Leia mais

Comissário-chefe exige que os “seus” agentes votem no… MPLA

O comissário-chefe António Joaquim Fortunato, director nacional dos serviços penitenciários de Angola, órgão sob tutela do Ministério do Interior, está a exigir aos agentes que votem no partido MPLA e em João Lourenço nas eleições gerais que serão realizadas no dia 23 de Agosto do ano em curso. Por Sedrick de Carvalho A denúncia foi avançada por agentes do Destacamento Especial dos Serviços Prisionais (DESP), que se lembram de ouvir António Fortunato dizer: “Queremos o voto no nosso número 4 e no camarada João Lourenço”. Não tão admirados, pois “ele…

Leia mais

“Manico faz o que quer”

Agentes do Destacamento Especial dos Serviços Prisionais (DESP) queixam-se do abuso de autoridade protagonizado pelo comandante nacional do referido destacamento, identificado apenas por Manico. Com a patente de superintendente-chefe, Manico é acusado de esbofetear agentes a seu bel-prazer e ordenar que os mesmos realizem serviços sem relação com a função penitenciária. O último acto de agressão aconteceu no dia 5 de Dezembro, quando deu duas bofetadas na cara de um efectivo com a patente de agente de terceira classe. Dentre os trabalhos degradantes destaca-se as ordens para “lavar os dentes…

Leia mais