MPLA põe, impõe e dispõe.
Sipaios veneram o patrão

A lei que estabelece a deferência do uso da bandeira nacional, insígnia e hino nacional de Angola (leia-se do MPLA) foi hoje aprovada pelo Parlamento, com 131 votos favoráveis do MPLA e de parte da oposição constituída pelos sipaios do MPLA, contando ainda com 56 abstenções dos sipaios assimilados da UNITA. A proposta do Governo angolano foi aprovada durante a terceira reunião plenária extraordinária da 1.ª sessão legislativa da quarta legislatura da Assembleia Nacional e visa, entre outras, “promover o conhecimento massivo, o respeito e a utilização uniforme dos símbolos…

Leia mais

Chefe do posto “pagou”
e os sipaios cumpriram

A Assembleia Nacional da Angola do MPLA aprovou, na generalidade, uma proposta de lei para promover o conhecimento, a valorização e a utilização dos símbolos nacionais… todos do MPLA, que teve o voto contra do grupo parlamentar da UNITA, tendo os “sipaios” da CASA-CE, PRS e FNLA votado a favor, tal como o “chefe do posto”, o MPLA. Trata-se da Proposta de Lei que Estabelece as Especificações Técnicas e as Disposições sobre a Deferência e Uso da Bandeira Nacional e da Insígnia e do Hino Nacional, tudo símbolos feitos à…

Leia mais

Dei comigo a pensar…

Deve ser estranho viver num país (Angola) que exibe uma bandeira praticamente igual à bandeira de um partido, o MPLA. Sai a catana, entra a estrela. Ora, o estandarte de uma nação constitui um dos elementos que ajuda a enformar o espírito de nacionalidade, de fusão à terra. Mas não de pertença a um partido. O seu significado deve conter o sangue dos heróis (e não apenas os do MPLA), a marca genética (dos angolanos) e a esperança no futuro (de todos). Um dia o estandarte de Angola terá de…

Leia mais

Uma (outra) Bandeira
para uma (nova) Nação

O MPLA, como dono disto tudo há 42 anos, aprovou sozinho os símbolos nacionais e quer continuar a utilizar esses símbolos como se Angola fosse o seu reino unipessoal, como se fôssemos todos escravos e matumbos. Escravos até vamos sendo. Matumbos é que não. Por Orlando Castro O regime quer que a bandeira nacional seja a bandeira de um só partido, o MPLA. Quer que a ideologia de Angola seja simbolizada pelos símbolos e chavões que mais lhe convém, sejam marxistas-leninistas, socialistas ou capitalistas. Quer, em teoria, que a classe…

Leia mais

Folha 8 propõe nova Bandeira

Uma bandeira é definida clássica e historicamente como sendo o símbolo dos símbolos que, na sua expressão visual representa um estado soberano, ou país, e até mesmo um estado, município, província, bairro, organização, sociedade etc.. Por William Tonet A origem das bandeiras remonta à Idade Média, quando os exércitos aliados, para não se confundirem uns com os outros, usavam um pedaço de pano hasteado num estandarte, com as cores e sinais de identificação do batalhão ou companhia envolvidos nas contendas. Assim evitavam o temido fogo amigo, terminologia que ainda faz…

Leia mais

UNITA impugna símbolo da APN

A UNITA, nos termos do nº 1 do artigo 18º da lei nº 22/10, de 3 de Dezembro, interpôs no dia 23 de Setembro de 2015, o recurso ao Plenário do Tribunal Constitucional de Angola, impugnando a bandeira do Partido Político Aliança Patriótica Nacional. A UNITA alega a existência de “semelhanças que qualquer pessoa confunde com a bandeira da UNITA, registada no Tribunal Constitucional em 1991”. Eis o comunicado da UNITA sobre este assunto: “Nos termos do artigo 15º nº1, da Lei nº 22/10, de 3 de Dezembro (Lei dos…

Leia mais

Re(i)pública do MPLA

O MPLA e a sua liderança, enquistada nos ensinamentos perenes e nobres dos tempos de partido único (que saudades, não é Presidente Eduardo dos Santos?), engravidada pelas não menos nobres qualidades da ditadura, continua a mostrar que se está nas tintas para a democracia, para os direitos fundamentais dos povos, para o Estado de Direito. E tem razão. Por Orlando Castro A democracia foi, segundo o presidente não eleito nominalmente e no poder há 36 anos, imposta. E para derrotar tudo o que é imposto, dizem que a luta continua…

Leia mais

Nação ou reino do MPLA?

Nação ou reino do MPLA? - Folha 8

O MPLA e a sua liderança, enquistada nos ensinamentos perenes e nobres dos tempos de partido único, engravidada pelas não menos nobres qualidades da ditadura, continua a mostrar que se está nas tintas para a democracia. E tem razão. Por Orlando Castro A democracia foi, segundo o seu presidente, imposta. E para derrotar tudo o que é imposto, dizem que a luta continua e a que a vitória é certa. E essa luta faz-se contra um Povo que, consideram, por ser ignorante continua a não perceber que o MPLA é…

Leia mais