Corja de quadrilheiros

O Jornal de Angola, o Pravda cá da banda, órgão oficial do MPLA, correia de transmissão do regime, atacou nos dias 18 e 19 de Novembro de… 2014, todos aqueles, nomeadamente portugueses, que não se curvavam perante o sumo pontífice do regime, o “escolhido de Deus”, José Eduardo dos Santos. Por Orlando Castro Nessa mesma altura, como antes e como depois, o pasquim então dirigido pela dupla de mercenários José Ribeiro e Artur Queiroz, ameaçou divulgar o que chamou, noutras alturas e tal como hoje, “as listas dos nomes dos…

Leia mais

Que (in)gratidão de JLo!

Segundo o ex-ministro da Comunicação Social do MPLA, João Melo, a imprensa pública, em Angola, estava obrigada a continuar a desempenhar um papel preponderante durante as próximas décadas. Isto queria dizer que durante as próximas décadas (certamente, como nos últimos 44 anos, sob a égide do MPLA) Angola não será uma verdadeira democracia e um Estado de Direito. Por Orlando Castro O também “jornalista” e escritor (segundo a Angop, note-se) discursava no Encontro das Empresas Públicas de Comunicação Social da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), organizado pela Direcção…

Leia mais

Repto a João Melo

O ministro da Comunicação Social de Angola, João Melo, no âmbito da institucionalização das “boas notícias” e do domínio absoluto da propaganda sobre o Jornalismo disse hoje à agência Lusa que a visita que o Presidente João Lourenço efectua de 22 a 24 deste mês a Portugal significa a “normalização completa” das relações bilaterais. E se ele o diz é porque é certamente… mentira. Aliás, é sempre melhor deitar faladura sobre o sexo dos anjos de modo a reduzir, por exemplo, o impacto das notícias que nos dizem que Angola…

Leia mais

Não há duas sem três

Se é o MPLA que o diz… - Folha 8

O Jornal de Angola, o Pravda cá da banda, órgão oficial do MPLA, correia de transmissão do regime, atacou ontem e hoje todos aqueles, nomeadamente portugueses, que não se curvam perante o sumo pontífice do regime, o “escolhido de Deus”, José Eduardo dos Santos. Por Orlando Castro C omo não há duas sem três, provavelmente amanhã, quinta-feira, o pasquim vai ameaçar divulgar o que chamou, noutras alturas, “as listas dos nomes dos quadrilheiros portugueses capturadas no bunker de Jonas Savimbi no Andulo”. Ou vai publicar um qualquer elogio ao Camarada…

Leia mais