Da AIPEX à AICEP e ao… Observatório

A Agência de Investimento Privado e Promoção das Exportações (AIPEX) angolana anunciou hoje que o país já assinou Acordos de Promoção e Protecção Recíproca de Investimentos (APPRI) com onze países, entre os quais Portugal. Em África, Angola tem acordos nesse domínio com a África do Sul, Guiné Bissau e Cabo Verde, na Ásia, com o Qatar, e na Europa com Portugal, Espanha, Alemanha, Reino Unido, Itália, Rússia e França. Acordos dessa natureza com o Japão, Ucrânia e Bielorrússia estão em negociação, segundo informou a AIPEX durante um seminário APPRI. Os…

Leia mais

Jacarés são vegetarianos? Então o paraíso está perto

O presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) disse à Lusa que a renovação da parceria com a congénere angolana (AIPEX) “vai permitir estender as missões técnicas e empresariais a todo o país”. Em declarações à Lusa no Lobito, província de Benguela, Luís Castro Henriques referiu que o acordo, assinado na quinta-feira na cidade de Benguela, define os objectivos da parceria com a Agência para o Investimento Privado e Exportações (AIPEX) a cumprir este ano. Castro Henriques, que se encontra integrado na comitiva do Presidente…

Leia mais

“Dizer presente”. Agora?

O presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) defendeu hoje que é o momento de as empresas portuguesas “dizerem presente” a Angola, como aconteceu por parte dos investidores angolanos durante o ajustamento português. M iguel Frasquilho falava à margem da visita que está a realizar a Luanda, no âmbito da Feira Internacional de Luanda (Filda), que conta com 95 empresas e expositores portugueses, o maior contingente nacional, 25 dos quais presentes pela primeira vez na maior bolsa de negócios de Angola, apesar das dificuldades económicas…

Leia mais

Estamos a recuperar, embora de forma ténue, diz Portugal

Estamos a recuperar, embora de forma ténue, diz Portugal - Folha 8

O presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) considera que “já se assiste a uma recuperação” em Angola, “embora ténue” e acrescentou que “as perspectivas já não são tão más”. “A AICEP tem estado em permanente contacto com as empresas”, disse Miguel Frasquilho em declarações à Lusa, sublinhando que “os dados das exportações de Fevereiro já demonstram alguma estabilização” e acrescentando que Janeiro foi o pior mês em termos de trocas comerciais entre os dois países. Em causa está a degradação do ambiente económico em…

Leia mais

Portugal procura alternativas a Angola

Portugal procura alternativas a Angola - Folha 8

O presidente da AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal), Miguel Frasquilho, disse hoje que a abertura de seis novos postos da agência em África deve ser aproveitada pelos empresários portugueses em Angola, para onde as exportações deverão ter uma “situação menos positiva” este ano. “O facto de alargarmos a nossa presença a seis novos mercados africanos onde não estávamos presentes mostra uma diversificação que também visa apoiar mais os empresários portugueses em Angola na eventualidade de passarem por dificuldades que não estavam previstas”, disse Miguel Frasquilho…

Leia mais