Palavras, palavras, palavras

O presidente da UNITA, Isaías Samakuva, afirma que as próximas eleições gerais, previstas para 2017, vão decorrer num momento em que o país “atingiu o seu ponto de saturação”. Parafraseando uma velha máxima do Galo Negro, é caso para dizer que o país vai de saturação em saturação até à saturação final. “T odos sabem que a única saída é a mudança do regime. Por isso, o resultado desta eleição só pode ser a vitória da soberania nacional, a vitória da vontade nacional de mudança. Porém, nem todos estão a…

Leia mais