QUEM ROUBA MILHÕES… SEMPRE ESCAPA

O antigo vice-presidente angolano Manuel Vicente terá autorizado, entre 2004 e 2007 quando liderava a petrolífera angolana do MPLA (Sonangol), vendas de petróleo a uma empresa chinesa, no valor de 1,5 mil milhões de euros, que não foram pagas a Angola. Não terão sido pagas ao MPLA, que na prática é a mesma coisa? De acordo com informações adicionais recolhidas que constam no despacho de acusação de Manuel Hélder Vieira Dias, mais conhecido como General ‘Kopelipa’ e a Leopoldino Fragoso, chamado de General ‘Dino’, concluído pelo Ministério Público angolano no…

Leia mais

EU (ZEDU) EXPLICO. VOCÊ (PITTA GRÓZ) SÓ COMPLICA…

O ex-presidente angolano José Eduardo dos Santos deixou escrito um depoimento, em Novembro de 2021, ilibando o general “Dino” dos negócios do China International Fund (CIF), sendo o ex-vice-presidente Manuel Vicente o responsável por acompanhar os dossiês desta entidade. A declaração de José Eduardo dos Santos surge após as tentativas frustradas de ser ouvido presencialmente pelas autoridades do MPLA, no âmbito do processo que envolve dois dos seus antigos homens de confiança, os generais Leopoldino Fragoso do Nascimento (“Dino”) e Manuel Hélder Vieira Dias (“Kopelipa”). No depoimento, o antigo presidente…

Leia mais

ONDE ANDAVA V. EXA. SR. PRESIDENTE JOÃO LOURENÇO?

O ex-presidente angolano, José Eduardo dos Santos, pediu à Procuradoria-Geral da República (PGR) para ser ouvido no âmbito do processo contra os generais “Dino” e “Kopelipa” na sua última deslocação a Angola, acabando por prestar um depoimento escrito face à ausência de resposta. O antigo presidente José Eduardo dos Santos regressou a Luanda em 14 de Setembro do ano passado, depois de mais de três anos de ausência, e aí permaneceu cerca de seis meses, voltando em 7 de Março passado para Barcelona, cidade espanhola onde vivia numa espécie de…

Leia mais

QUANTO VALE O SILÊNCIO DE “KOPELIPA” E “DINO”?

Os generais angolanos “Kopelipa” e “Dino”, ambos próximos (tal como general João Lourenço) de José Eduardo dos Santos e que se recusaram a “assassinar” pelas costas o anterior Presidente, estão acusados de vários crimes pela justiça do MPLA (facção João Lourenço), entre os quais os de peculato, associação criminosa e branqueamento de capitais. De acordo com a Acusação, Manuel Hélder Vieira Dias, mais conhecido como General “Kopelipa”, antigo responsável pelos serviços secretos de Angola e da Casa Militar, no tempo em que o antigo Presidente José Eduardo dos Santos, que…

Leia mais

SANÇÕES DOS EUA CONTRA “DINO” E “KOPELIPA”

O Governo dos Estados Unidos da América anunciou hoje que impôs sanções, incluindo o congelamento de todos os activos, que os antigos dirigentes angolanos Leopoldino Fragoso do Nascimento ‘Dino’ e Manuel Hélder Vieira Dias Júnior ‘Kopelipa’ têm no país. Leopoldino do Nascimento e Dias Júnior, conhecidos como generais ‘Dino’ e ‘Kopelipa’, respectivamente, “são ex-funcionários do governo que roubaram milhares de milhões de dólares do governo angolano por meio de peculato”, lê-se no comunicado de imprensa em português, distribuído hoje em Washington. No texto, o Departamento do Tesouro dos EUA afirma…

Leia mais

Adiada audiência de Kopé e Dino

O país estava preparado para ver entrar e sair das instalações do DNIAP, hoje (06.10.20), a dupla mais chegada, considerados os “filhos” queridos de José Eduardo dos Santos, enquanto Presidente da República, nomeadamente, Manuel Hélder Vieira Dias “Kopelipa” e Leopoldino do Nascimento “Dino”. Os dois generais ouvidos em auto de declarações, no dia 29 de Setembro, na Vila Alice, pelo procurador Matos de Macedo Dias, altura em que foram notificados, também, da numeração do processo n.º 12/2020/DNIAP, desde logo enquadrado na esfera criminal e não do cível administrativo, com o…

Leia mais

A bala vai sair pela culatra

Os generais Leopoldino do Nascimento “Dino” e Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa” foram constituídos arguidos e serão ouvidos, terça-feira, pela Direcção Nacional de Investigação e Acção Penal (DNIAP) da Procuradoria-Geral da República (PGR), noticia o órgão oficial do MPLA de João Lourenço, Jornal de Angola, que – contudo – não tem espaço para noticiar os casos relativos a altas figuras afectas ao seu patrão. Os generais “Dino” – antigo chefe das Comunicações do ex- Presidente angolano, José Eduardo dos Santos – e “Kopelipa”, ex-ministro de Estado e chefe da Casa…

Leia mais

Trafigura adapta-se, Puma mantém as garras afiadas

A empresa suíça de negociação de matérias-primas Trafigura confirmou hoje a reabertura de uma rota comercial, suspensa há mais de 40 anos, entre Lobito (Angola) e Kolwezi, na República Democrática do Congo (RDCongo). A viagem inaugural terminou no domingo, quando um comboio que transportava 800 toneladas de ‘blister’ de cobre concluiu a viagem de 1.800 quilómetros entre as duas localidades, anunciou a empresa em comunicado. Para Julien Rolland, membro do comité de gestão da Trafigura, a operação foi de “importância significativa” para a empresa e para a região. Julien Rolland…

Leia mais

JLo exonera general “Dino”

O chefe de Estado angolano exonerou hoje de funções nas casas de Segurança e Militar do Presidente da República três oficiais generais, entre os quais o tenente-general Leopoldino Fragoso do Nascimento “Dino”, considerado um dos maiores empresários do país. De acordo com uma nota divulgada pela Casa Civil do Presidente da República, João Lourenço exonerou os três oficiais generais ao abrigo da Lei de Defesa Nacional e das Forças Armadas “e depois de ouvido o Conselho de Segurança Nacional”. Além do tenente-general Leopoldino Fragoso do Nascimento “Dino”, que até agora…

Leia mais

Só Deus (o paizinho) sabe,
pensa Isabel dos Santos!

Pode a mulher mais rica de África, Isabel dos Santos, ser má com contas? Pode. Aliás, quando se é filha de um presidente de um país rico (embora atolado de pobres) que esteve no poder – sem nunca ter sido nominalmente eleito – 38 anos, as contas são o que menos interessa. Isabel dos Santos usou essa explicação numa audiência no processo de arbitragem internacional em que a empresa brasileira Oi, que em 2015 ficou com a posição da PT na Unitel SA, acusa os seus sócios angolanos de lhe…

Leia mais